Tablet

06/02/2012 18h08 - Atualizado em 06/02/2012 18h08

Processo faz Apple deixar de vender iPhone e iPad 3G na Alemanha por algumas horas

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo

Por conta de uma ação movida pela Motorola contra a Apple, acusada de violar patentes, a dona dos iGadgets ficou proibida de vender alguns de seus dispositivos na página alemã da Apple Store nesta última sexta-feira (03). Alguns modelos de iPhone e iPad estiveram com o status “atualmente indisponível” no site. A companhia, porém, conseguiu a suspensão temporária da liminar no mesmo dia.

iPhone-Alemania-800x547Produtos indisponíveis na loja virtual alemã (Foto: Reprodução/Gizmologia)

Em dezembro de 2011, a Motorola entrou com uma ação na Alemanha acusando a empresa de Steve Jobs de violar algumas de suas patentes ligadas ao desenvolvimento e utilização das tecnologias de conectividade 3G. Até agora, ainda não ficou claro quais seriam essas patentes, mas isso não impediu que um juiz decretasse a proibição da comercialização dos modelos iPhone 3GS, iPhone 4 e todas as versões 3G do iPad. O iPhone 4S não entrou na lista de proibição.

O veto aconteceu na loja online da empresa, que anunciou a indisponibilidade dos produtos. As lojas físicas da Alemanha, assim como seus revendedores oficiais e operadoras de telefonia móvel, continuaram vendendo os aparelhos considerados proibidos. A Motorola é uma das primeiras empresas a vencer um embate judicial contra a Apple.

A companhia, porém, recorreu da decisão do tribunal alemão, conseguindo a suspensão temporária da liminar que proibia a venda dos aparelhos no país. Os produtos já podem ser adiquiridos novamente a partir da loja online.

Outro produto que é alvo da Motorola para um futuro processo é o iCloud, que também recebe acusações de violação de tecnologias, e pode ser interrompido na Alemanha a qualquer momento. Detalhes sobre o processo, no entanto, não foram revelados.

Mas tal embate judicial pode ter a participação de um importante personagem. A Comissão Europeia pode investigar mais a fundo os reais motivos da Motorola em acionar judicialmente a Apple. A empresa de Cupertino alega que, por diversas vezes, solicitou as patentes da Motorola, que “se recusa negociá-las em termos razoáveis, apesar de terem sido declaradas padrões da indústria de telefonia há 7 anos”.

Via Gizmologia e G1

O TechTudo apoia o Brasil Sem Vírus, movimento que dissemina práticas de segurança e distribui antivírus gratuitamente. Estima-se que 80% dos brasileiros já estiveram com os computadores ameaçados por vírus e ataques de hackers. Você pode ajudar sua rede de amigos enviando uma vacina para eles. Seja voluntário!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares