Internet

14/06/2012 16h36 - Atualizado em 14/06/2012 16h40

Microsoft explica velocidade do JavaScript no IE 10

Paulo Higa
por
Do Tecnoblog

A última versão de desenvolvimento do Internet Explorer 10, lançada junto com o Windows 8 Release Preview, inclui um novo motor HTML5 que tem como objetivo fornecer uma ótima experiência de navegação tanto na interface padrão do Windows quanto na nova interface Metro. Em um post no blog de desenvolvedores do Internet Explorer, Andrew Miadowicz, especialista em JavaScript da Microsoft, explicou as mudanças que a empresa vem fazendo para aumentar a velocidade de seu navegador web.

IE 10 (Foto: Reprodução)IE 10 (Foto: Reprodução)

Assim como no Chakra, nome dado ao motor de JavaScript do Internet Explorer 9, o novo navegador aproveita todo o hardware do computador do usuário para renderizar a página rapidamente, utilizando todos os núcleos do processador e até conjuntos de instruções mais avançadas, como a SSE2, introduzida no Intel Pentium 4 em 2000. Caso o processador não tenha as instruções necessárias, a tarefa é ser realizada via software, mas de maneira mais lenta.

De acordo com Andrew, a Microsoft implementou técnicas para evitar travamentos indesejáveis, fazendo com que o Internet Explorer tente "adiar" determinadas tarefas de renderização de páginas. Dessa forma, é possível melhorar a responsividade do navegador concentrando tarefas mais pesadas nos momentos em que o computador do usuário está menos ocupado.

Com as mudanças realizadas no Internet Explorer, será possível rodar serviços pesados mesmo na interface Metro, como Office 365 e Bing Maps de maneira fluida. Jogos online que utilizam animações em HTML5, como Angry Birds, Cut The Rope e Pirates Love Daisies, também se beneficiarão com as novidades, especialmente com o novo "coletor de lixo", que fará o navegador consumir menos memória RAM.

Via IEBlog

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares