Internet

18/06/2012 13h50 - Atualizado em 18/06/2012 15h04

Pinterest bloqueia ferramenta de monetização de pins

Guilherme Godin
por
Para o TechTudo

A rede social Pinterest, que se tornou o maior sucesso nesse ano, não quer que seus usuários sejam incomodados com propagandas não autorizadas pelo site. Por isso, a empresa começou a bloquear algumas ferramentas de monetização de pins como o Pinbooster.

Logo do Pinterest (Foto: Divulgação) Logo do Pinterest (Foto: Divulgação)

Pins são como recados ou imagens que os usuários adicionam ao seu mural na rede. Pensando nisso, as empresas viram uma forma de ganhar dinheiro e assim o número de spamers cresceram juntamente com os links maliciosos na sua página. No caso do Pinbooster, cada internauta ganha um pequeno valor para colocar um anúncio no mural, mas o problema é que estas propagandas estão se tornando cada vez mais comuns, o que faz com que a rede social acabe ficando menos agradável ao olhos dos usuários.

O Pinterest afirma que a medida não é para evitar que as pessoas ganhem dinheiro com o site, mas para impossibilitar golpes ou mesmo phishing para páginas maliciosas espalhadas pela Internet.  A justificativa da rede social é interessante, já que eles não querem estar relacionados com nenhum tipo de problema ocasionado ao usuário por um link que ele encontrou dentro do portal.

A rede social já havia bloqueado os anúncios do site, e recentemente reescreveu a política de utilização deles. Um outro serviço, que ajudava os usuários a monetizar perfis, também foi desligado. Uma dúvida ainda fica no ar quando pensamos nessa questão: como eles ganharão dinheiro? Afinal, a empresa ainda não apresentou nenhuma boa forma de monetizar a rede.

Via Daily Dot

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares