27/07/2012 20h33 - Atualizado em 30/07/2012 12h55

Rickard Falkvinge, do Partido Pirata, vem ao Brasil e fala sobre direitos na web

Bernardo Cury
por
Da Campus Party

O Campus Party teve como destaque nesta sexta-feira (27) o fundador do primeiro Partido Pirata, Rickard Falkvinge. Em sua primeira visita ao país, o sueco falou sobre o ativismo de direitos civis da próxima geração.

Rickard Falkvinge, criador do Partido Pirada (Foto: Bernardo Cury / TechTudo)Rickard Falkvinge, criador do Partido Pirada (Foto: Bernardo Cury / TechTudo)

"Oi, sou Rick. Eu sou um político", foi como se apresentou para o público do evento, um pouco depois de falar que espera que as pessoas estejam ansiosas para mudar o mundo. "Qualquer um pode fazer isso".

O Partido Pirata, criado em 2006, tem como grande objetivo reformar as leis sobre direitos autorais e patentes, além dos direitos à privacidade, virtual e real. Enquanto explicava suas causas, os brasileiros criadores do Partido Pirata do Brasil passaram fantasiados e com uma faixa. "Nós adoramos a internet. Adoramos compartilhar. E por causa disso, nos chamam de piratas", definiu.

Logo em seguida, ele mencionou as lutas anteriores por direitos iguais e como isso se reflete com a nossa atualidade: "Estão matando nossa liberdade de expressão. O monopólio dos direitos autorais que limitar os direitos civis. Cidadãos precisam de acesso à Internet". E depois falou sobre como reverter o caso: "Pessoas poderosas usam seu poder para manter o seu poder".

O movimento pirata que, em 2009, se tornou o mais votado nas eleições europeias entre menores de 30 anos já possui cadeiras no Parlamento Europeu. Falkvinge renúnciou o cargo de líder do partido em janeiro de 2011 e saiu emocionado do palco da Campus Party.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Leitor Mdm
    2012-09-01T00:57:44

    Volta coxinha! O Change está triste sem você!