Jogos de ação

29/09/2012 10h45 - Atualizado em 10/07/2015 09h02

Conheça a história de Resident Evil

Renato Carvalho
por
Para o TechTudo

Em 1996, um novo jogo chegava aos consoles do mundo todo. Resident Evil, supostamente inspirado em um jogo japonês de 1989 chamado Sweet Home, da própria produtora, era uma das principais apostas da Capcom para a temporada. Depois de 16 anos do lançamento do primeiro jogo da série, os fãs já tiveram acesso a mais de 20 títulos inspirados no universo do game. Para acalmar os jogadores ansiosos por Resident Evil 6, o TechTudo preparou uma retrospectiva listando alguns dos principais fatos que envolvem a história do franquia.

Resident Evil (Foto: Reprodução)Resident Evil foi uma grande aposta da Capcom em 1996 (Foto: Reprodução)

Primeiros passos da série e apresentação dos personagens

Com a versão japonesa chamada Biohazard, o jogo ganhou o título de Resident Evil no ocidente para evitar possíveis problemas de utilização da marca. A franquia que já passou por altos e baixos foi a primeira a introduzir no mercado o tema Survival Horror, termo bastante utilizado nos dias de hoje.

imnagem 2_Chris_Live ActionResident Evil trazia cenas em live action
(Foto: Divulgação)

Com uma cena em live action na abertura, os jogadores foram apresentados a Chis Redfield, Jill Valentine, Barry Burton, Rebecca Chambers e Albert Wesker.  Ambientado no Noroeste de Raccon City, em 24 de julho de 1998, a equipe da Alpha Team sobrevoou a área da floresta procurando pelo time Bravo, que estava em busca de informações sobre mortes estranhas que aconteciam no local.

As equipes Alpha e Bravo formavam o time de elite chamado de Stars. O game oferecia a possibilidade de escolher com qual personagem o jogador gostaria de completar a campanha. Chris e Jill, apesar da busca pelo mesmo objetivo, possuíam caminhos diferentes e com níveis de dificuldade variáveis. A saga de Chris era mais complicada, enquanto Jill contava com seus dotes intelectuais para resolver parte dos mistérios que cercavam a mansão.

A mansão encontrada servia como fachada para experimentos realizados por uma empresa chamada Umbrella Corporation, que mais tarde seria revelada como uma das principais responsáveis pelo desdobramento do T-vírus. Nesta edição, Albert Wesker é identificado como agente duplo e se torna o maior vilão da franquia.

imagem 3_grupo_300x200Primeiro Resident Evil se passava dentro de
uma mansão (Foto: Reprodução)

Já no primeiro título, os jogadores encontrariam peças que seriam representadas durante anos. O inigualável baú, que servia como local para armazenar objetos capturados no decorrer da campanha, as plantas verdes, azuis e vermelhas, utilizadas para recuperar a energia do personagem ferido e as aclamadas máquinas de escrever, que funcionavam como save point.

O primeiro Resident Evil serviu como base para outros jogos, como Resident Evil Director’s Cut, Resident Evil Dualshock, adaptado para o controle analógico, e Resident Evil Remake para Game Cube, com mais de dez finais diferentes. Em 2006, dez anos após o lançamento original, o Nintendo DS também recebeu uma versão da campanha. A edição de 1996 vendeu cerca de três milhões de unidades no mundo.

Resident Evil 2 traz Leon, Claire e cenas em CG

Em 1998, foram deixados de lado os live actions, motivo de piada na imprensa especializada, para adotar os sistemas de animação em computação gráfica (CG) para as cenas especiais. O segundo jogo da franquia apresentou dois novos personagens. Leon Kennedy, um policial recém formado, que acabara de se transferir para Raccon City e Claire Redfield, irmã mais nova do protagonista do primero jogo.

Resident Evil 2 Logo620x349Resident Evil 2 é considerado o melhor jogo da franquia, na visão de muitos jogadores (Foto: Divulgação)

Leon chega à cidade para trabalhar pela primeira vez como policial e encontra Claire, que estava no local em busca de Chris, supostamente desaparecido. O policial salva a moça em um bar, mas logo em seguida eles se envolvem em um acidente. Separados, os personagens marcam de se encontrar no distrito policial.

No caminho, Clare encontra a jovem Sherry, filha de William Birkin, criador do G-vírus e amigo de Albert Wesker. Cientista da Umbrela, Willian é alvejado por balas ao tentar escapar do centro de pesquisas com a descoberta. O pesquisador se torna o principal vilão desta edição ao injetar o G-vírus no próprio corpo, em um ato desesperado quando esta a beira da morte.

Leon Abertura Resident Evil 2 620x349Resident Evil 2 substituiu as cenas em live action por animações em CG (Foto: Reprodução)

Na jornada de Leon, os jogadores se deparam com Ada Wong, espiã descendente de orientais inspirada na personagem Nikita, que está na cidade à pedido de Albert Wesker e tem a missão de recolher o G-Vírus. Ada e Leon se envolvem, tornando-se um dos principais relacionamentos da série.

Com gráficos melhores que o primeiro jogo, Resident Evil 2 consagrou a franquia entre público e crítica. Com uma história amarrada e personagens carismáticos, o jogo vendeu mais de cinco milhões de unidades no mundo.

Nemesis, Stars e um marco na indústria dos games

Se você fez parte da geração que colocou as mãos em Resident Evil 3: Nemesis certamente sentiu medo de um dos maiores vilões da história da indústria. O título, lançado em 1999, se passa 24 horas antes de RE 2 e termina um dia após os eventos das campanhas de Leon e Clare.

Resident Evil 3 LogoO novo vilão de Resident Evil 3: Nemesis foi motivo de insônia ao redor do mundo (Reprodução)

Sem a ajuda de Chris, que havia viajado para Europa em busca de informações que pudessem incriminar Umbrela, Jill luta pela vida contra a onda de zumbis que tomou a cidade. Desenvolvido pela Umbrella Corporation, Nemesis era a arma mais letal já criada. Com o nome inspirado na deusa da vingança da mitologia grega, a principal função do gigante era eliminar os membros que sobraram do grupo Stars.

Nesta edição, os jogadores são apresentados ao mercenário Carlos Oliveira. Outro personagem secundário é o piloto Brad, além de Mikail e Nicolai, companheiros de Carlos. A morte de Brad é simbólica, pois é nesta ocasião que Nemesis aparece pela primeira vez no game. Mikail também possui um final espetacular. Após ser atacado por Nemesis, o soldado retira o pino da granada e a encosta no próprio peito, com esperança de exterminar de uma vez por todas o inimigo.

<br />

 

Um dos fatores mais elogiados foi a inserção de pontos de decisão, onde o jogador escolheria seguir por um caminho ou outro. Outra mudança interessante foi a inclusão do modo Mercenários na franquia, onde o jogador escolhia um personagem para liquidar vários inimigos e conforme o número de assassinatos o tempo iria aumentando.

No final da campanha Jill e Carlos viajam juntos, deixando claro o envolvimento de ambos os personagens. Apesar do retorno da protagonista do primeiro jogo, as vendas desta edição não ultrapassaram o game anterior. O jogo, que é uma referência do gênero vendeu aproximadamente 4 milhões de cópias no mundo.

Família Redfield e Steve Burnside

Dando sequência à dança das cadeiras organizada pelos personagens de Resident Evil, Claire Redfield volta em Code: Verônica. O primeiro jogo da franquia no PlayStation 2 trazia a heroína em busca de provas da relação da Umbrella com o incidente ocorrido em Raccoon City. Presa em uma ilha recheada de mortos vivos, Claire usa toda a sua experiência para salvar a própria vida.

Claire e Chris em Resident Evil Code: Verônica (Foto: Claire e Chris em Resident Evil Code: Verônica)Claire e Chris em Resident Evil Code: Verônica (Foto: Reprodução)

Pela primeira vez a família Redfield se reúne em um jogo da franquia. Após Claire enviar uma mensagem para Leon, que não pode ajudar a companheira de Resident Evil 2 pela distância, Chris fica sabendo que a irmã está em apuros e parte para ajudá-la.

Outro personagem com destaque nesta edição é Steve Burnside. O jovem de traços femininos também era um prisioneiro da Ilha Rockfort. Preso com o próprio pai, que era empregado da Umbrella, Steve perdeu a mulher assassinada no momento de sua prisão. Ao encontrar Claire, Burnside se envolve com a jovem.

<br>

 

Um dos vilões desta edição é um dos mais adorados pelos fãs da franquia. Alfred Ashford, irmão gêmeo de Alexia Ashford, foi gerado através de um experimento de laboratório. Alfred, que nutria pela irmã uma extensa admiração, passou anos sofrendo por se sentir rejeitado pela beleza e inteligência de Alexia.

Após um intenso combate na ilha, os protagonistas encontram o vilão na Antártida. Atingido, Albert agoniza enquanto encaminha o próprio corpo à beira da morte ao encontro da irmã. O vilão consegue visualizar a amada familiar despertando do sono induzido.

Residente Evil 4: o inimigo agora é outro

Leon Kennedy retorna à franquia com habilidades surpreendentes. Retirando o máximo de poder gráfico oferecido pelo Playstation 2, o novo título impressionou os jogadores assim que os trailers foram divulgados. Longe de Raccoon City e dos domínios da Umbrella, o mistério desta edição gira em torno de um grupo chamado Los Illuminados.

Resident Evil 4 traz Leon, Ada e Ashley. (Foto: Divulgação) (Foto: Resident Evil 4 traz Leon, Ada e Ashley. (Foto: Divulgação))Resident Evil 4 traz Leon, Ada e Ashley. (Foto: Divulgação)

A missão do protagonista da segunda edição da série, agora com mais habilidades, é resgatar a filha sequestrada do presidente americano. Como seria extremamente fácil liquidar os zumbis de Raccoon City, os inimigos desta vez estavam longe dos lentos comedores de carne humana. A legião de adversários é agora formada pelos Ganados, moradores de uma Vila da Europa controlados por um parasita.

Apesar de se afastar em parte da história que ditou durante anos o rumo da franquia, Resident Evil 4 ainda traz a sensação de impotência e medo diante de situações aterrorizantes. Para agradar ainda mais os fãs da série, a Capcom inseriu um dos elementos mais adorados pelos jogadores: Ada Wong.

<br>

 

Além de inaugurar um novo estilo de jogo na franquia, Resident Evil 4 inovou em outros aspectos. Durante a campanha o jogador poderia coletar itens e moedas para depois adquirir mercadorias com o misterioso mercador.

A perspectiva da câmera também mudou. O que antes girava em torno do cenário passou a seguir o personagem principal pelas costas, possibilitando uma visão mais apurada dos ambientes e cenários. Adicionando ainda mais recursos à câmera, nesta edição quando o jogador se prepara para atirar a tela se aproxima automaticamente do ombro do protagonista, melhorando a mira e facilitando os disparos.

Os inimigos ficaram mais grandiosos. É comum encontrar adversários especiais com o dobro ou triplo do tamanho de Leon. Os Ganados também não deixam a desejar. Como uma inteligência artificial bem mais apurada que os inimigos dos outros títulos da franquia.

Os ganados são os inimigos desta edição do game. (Foto: Divulgação) (Foto: Os ganados são os inimigos desta edição do game. (Foto: Divulgação))Os ganados são os inimigos desta edição do game. (Foto: Divulgação)

Comum na série, a utilização de ótimos personagens secundários tornam Resident Evil 4 ainda mais interessante. Durante boa parte da campanha Leon conta com a companhia de Ashley, que responde diante de alguns comandos do agente. No decorrer da campanha outros personagens secundários são inseridos no universo do jogo como Ingrid, agente que auxilia Leon pelo rádio e o pesquisador Luis Sera.

O principal vilão deste título é Osmound Saddler, líder do culto praticado na região e controlador de todos que possuem o parasita chamado Plaga hospedado no corpo.

Wesker X Chris

Os trailers já anunciavam um jogo grandioso. A cada imagem divulgada, novas especulações surgiam na imprensa especializada. O túmulo de Jill, Chris extremamente forte, Sheva Alomar, África e o vilão mais impressionante da série: Albert Wesker. O loiro transbordava poder no auge da sua forma, pronto para destilar sua soberania na atual geração de consoles.

Chris e Sheva formavam a dupla principal de Resident Evil 5. (Foto: Divulgação) (Foto: Chris e Sheva formavam a dupla principal de Resident Evil 5. (Foto: Divulgação))Chris e Sheva formavam a dupla principal de Resident Evil 5. (Foto: Divulgação)

O gráfico era impressionante. Não só era o melhor de toda a série, por razões óbvias, mais era presença garantida entre qualquer lista dos cinco melhores da história. A jogabilidade mudou um pouco, mas trouxe a essência de Resident Evil 4, com mais grandiosidade nos atos e ambientes mais aterrorizantes.

Sem Umbrella desde Code: Verônica, os incidentes posteriores fazem parte dos legados deixados pela empresa, sem conexões diretas relacionadas. Com indícios de que o vírus Las Plagas havia desembarcado em uma vila Africana, Chris, agora integrante da BSAA, segue para o local para expandir as investigações. Ao chegar encontra Sheva Alomar, Uroboros e uma comunidade enlouquecida.

Resident Evil 5 apresenta um novo vírus. (Foto: Reprodução) (Foto: Resident Evil 5 apresenta um novo vírus. (Foto: Reprodução))Resident Evil 5 apresenta um novo vírus. (Foto: Reprodução)

O time de vilões de Residente Evil 5 é de respeito. Além de Albert Wesker os jogadores terão que confrontar Ricardo Irving, comerciante de armas biológicas e Excella, braço direito do principal vilão título. Para intrigar ainda mais os fãs, durante determinada parte da campanha uma das principais heroínas da série passa para o outro lado.

Com poucas mudanças significativas com relação à jogabilidade e movimentação de personagens em geral, a grande novidade do game fica por conta da possibilidade de jogar em Split Screen ou Co-Op online. Os jogadores poderiam substituir a inteligência artificial que controlava a parceira de Chris por um amigo.

Resident Evil 5 traz o final da maior rivalidade da franquia. (Foto: Reprodução) (Foto: Resident Evil 5 traz o final da maior rivalidade da franquia. (Foto: Reprodução))Resident Evil 5 traz o final da maior rivalidade da franquia. (Foto: Reprodução)

Esta edição do jogo é a que menos se aproxima das origens do clássico Resident Evil lançado pela Capcom em 1996. Os ambientes extremamente claros, os inimigos casuais cada vez mais armados e a falta de referências à história original, com exceção dos personagens, tornaram Resident Evil 5 um dos jogos mais questionados de toda a série.

Para aquecer ainda mais a indústria a Capcom lançará no próximo dia 2 de outubro Resident Evil 6. Com um elenco recheado de estrelas, os jogadores poderão observar em ação o filho de Wesker, Ashley, Ada, Leon e Chris, entre outros personagens. Resta saber ser esta edição irá agradar os fãs mais antigos da franquia ou só fará sucesso com os admiradores da ação desenfreada que tomou conta das últimas edições do game.

<br />
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • André Cardoso
    2012-09-29T13:17:54

    ei tech tudo , qual q é a intenção d sempre coloca no anuncio q o jogo é violento ,'' q e mais violento ainda, q essa versão e ainda mais violenta'', PO eu acho q nunca vi uma materia de vcs sem ter a palavra violencia sendo a principal no anuncio

  • Lucas Barbosa
    2012-09-30T15:19:40

    akele jogo de resident evil que causava medo na gente acabou no code veronica,por que depois dele os jogos de resident evil nunca mais foram os mesmos

  • Lucas Pinotti
    2014-11-03T21:48:15

    Resume da serie otima; ja joguei todos os jogos da franquia mas nao tinha entendido a historia direito, depois de ler esse artigo entendi... Valeu Techtudo.

  • Nilton Alves
    2012-09-30T18:56:30  

    pelo menos a voz classica que diz resident evil ainda existe.

    recentes

    populares

    • Nilton Alves
      2012-09-30T18:56:30  

      KKKKKKKKKKKKK... é verdade!!!

    recentes

    populares

    • Nilton Alves
      2012-09-30T18:56:30  

      KKKKKKKKKKK é verdade!!!

  • Lineker Moraes
    2012-09-29T20:03:46

    Nunca foi mencionado que seria fácil exterminar Zumbis em RE4, apenas foi dito que queriam mudança. RE4 é o jogo mais controverse e vários fãs afirmar que nao tem a sensação de medo. Agradar mais os fãs da série são palavras suas que estão tentando colocar como um fato, o jogo tem uma imensa legião de odiadores. Inteligencia artificial dos Ganados é simples e seu padrão de ataque é previsível. Ingrid é presente durante todo o RE4. Ricard Irving teve pouca participação direta em RE5. Por favor, chamem Jake de Jake e não de ''o filho de Wesker''.

  • Lineker Moraes
    2012-09-29T20:03:07

    Chris Redfield. S.T.A.R.S Jill nao contava com dotes intelectuais, apenas com Barry. Umbrella foi a responsável pelo T-Virus. Albert Wesker somente se tornou um vilão em Code Veronica, até então ele era considerado morto. Carlos e Jill não andaram juntos por Raccoon City, na verdade se encontraram poucas vezes no total. Claire estava atrás de Chris no Code Veronica e não tentando ir contra a Umbrella. Não houve nenhum envolvimento entre Claire e Steve. Alfred é um dos mais odiados, Alexia é uma das mais adoradas. ''Alfred agoniza'', não ''Albert agoniza''.

  • Edison Oliveira
    2012-09-29T11:39:44

    cara namoral ficou massa quero muito jogar esse sim parece até um filme kkkk

  • Karina Tomazini
    2012-09-29T11:43:15

    Só um erro na primeira foto que ilustra o primeiro Game, Resident Evil. Ela mostra o Leon de RE4, sendo que em RE 1 o Leon ainda nem existia... No mais, muito bacana a matéria...

  • Carlos Junior
    2012-09-29T15:24:49

    kkkk comedia este techLIXO.Sempre repetindo "jogo violento"ou "jogo polemico".

  • Graciliano Câmara
    2012-09-29T14:53:41

    Sinto informar mas o primeiro survival horror se chama Alone in the Dark de 1992 somente para PC.

  • Harley Cardoso
    2012-09-29T14:14:23

    o re 6 fora a parte do leon nao ten nada de re.

  • Marcio Borde
    2012-09-29T13:53:13

    O primeiro é o melhor ^^

  • Elton Nogeuria
    2012-09-29T18:33:41

    tenho sdds de quando resident evil era um jogo de terror com aqueles zumbis toscos e arrebentados vindo te matar, agora virou um tipo de aventura sei lah...

  • Leonardo Sensui
    2012-09-29T17:39:10

    ótima matéria, mas a garota do RE6 não é a ashley, é a sherry birkin, filha do último chefe do RE2

  • Bruno Silva
    2012-09-29T16:07:02

    Aviso aos eternos insatisfeitos: VA CAÇAR MATERIA EM OUTRO SITE!!! Não existe só este, materia identica vc encontra em qualquer outro lugar. Vcs não criticam, só querem mostrar quem mija mais longe.

  • Rodrigo Rocha
    2012-10-02T10:18:18

    GALERA NO YOUTUBE ENTREM NO CANAL DO ZANGADO, LA TEM VIDEOS DE SAGAS RESIDENT EVIL. MARAVILHOSA E VC CONHECE E SABE DE TUDO, VALE MUITO A PENA

  • Dewce Begalow
    2012-10-01T23:34:57

    'Resident Evil 4: O inimigo agora é outro' e 'Tropa de Elite 2: Nemesis'... Techtudo, faça o favor de deixar alguém que entenda escrever as matérias.

  • Antônio Freitas
    2012-09-29T18:40:54

    RE5= lixo RE6 pelo visto só a campanha do Leon vai prestar.. msm assim até agora não parece tão empolgante

  • Ana Cristina
    2012-10-02T23:36:48

    Isso aqui é um tipo de paródia ou coisa parecida?!. Pois nunca vi tanta m**** em um texto só. Só um conselho, se for escrever sobre algo trate de saber bem o suficiente antes de sair escrevendo um monte de coisa. Pelo amor de Deus! Ashley em RE6?. Não, isso só pode ser um texto humorístico!

  • Adriano Bettelli
    2012-10-02T11:57:30

    ja joguei e salvei com o Leon e com o Chris mtoo bom um dos melhores mais ainda acho q o resident 2 foi o melhor !!!

  • Jordi Rosa
    2012-09-30T23:14:08

    resident evil 1,2,3, code veronica, outbreak 1e2 eram resident de verdade, Deveriam ter feito só esses. pq o 4,5 eo 6 ta mais pra jogo de guerra ou uma narrativa de um filme do stalone, esses resident nao poderiam ter existidos, ah eo opreration raccon city?! nem se fala esse nem resident não é.

  • Robson Santos
    2012-10-01T11:54:15

    Pela demo, o RE6 promete uma união de tudo que tinha de bom nos RE's antigos e nos mais recentes....os "ganados", zumbis da antiga, monstros gigantescos, junto com o combate em coop! Só não vai curtir quem não gosta da série mesmo!

  • Alan Salomão
    2012-10-01T09:53:52

    Eu sempre curti os RE clássicos, já perdi a conta do número de vezes que zerei o RE original com a Jill. Porém eu admito: os jogos mudam...Não dá pra ter sempre a mesma coisa, a Capcom fez muito bem em mudar a gameplay da série a partir de RE4. RE5 não foi perfeito mas ainda sim está LONGE de ser um jogo ruim, e o co-op foi bastante divertido. A demo do RE6 me pareceu ótima, e só sei de uma coisa: mal posso esperar para comprar a edição completa!

  • Marcos Felipe
    2012-10-01T08:02:07

    Pow da uma revisada no texto do Code Veronica aê... Ta cheio de erros... =/

  • Lineker Moraes
    2012-10-01T07:45:09

    Eu aponto mais de dez error nessa materia...