Internet

20/11/2012 17h15 - Atualizado em 21/11/2012 16h52

Black Friday brasileira deve bater recordes de vendas do e-commerce

Aline Jesus
por
Para o TechTudo

A “Black Friday”, famosa data em que diversos tipos de produtos ganham descontos significativos no mercado norte-americano, desembarca no Brasil pelo terceiro ano seguido. Até o momento, mais de 300 lojas virtuais confirmaram que vão participar da edição brasileira da “Sexta-Feira Negra”. E há uma enorme expectativa de que a data marque o recorde de vendas do e-commerce nacional em um único dia.

Já seguiu o @TechTudo_oficial no Instagram? 

Portal vai reunir todas as ofertas em um só local (Foto: Reprodução/Aline Jesus)Portal vai reunir todas as ofertas em um só local (Foto: Reprodução)

O evento, trazido ao Brasil pelo portal Busca Descontos, acontece na próxima sexta-feira (23/11). Para facilitar a vida do internauta consumidor, foi criado um único site, BlackFriday Brasil, onde serão exibidas todas as ofertas. Em seu terceiro ano, a superpromoção vai contar com seis vezes mais lojas parceiras do que em 2011.

Se no ano passado o comércio online brasileiro faturou cerca de R$ 100 milhões durante o dia, agora, de acordo com a empresa especializada e-bit, deve ganhar por volta de R$ 135 milhões. Um aumento significativo e que, se confirmado, vai fazer com que a "Black Friday Brasil" de 2012 quebre o recorde de arrecadação em 24 horas na história do e-commerce do país.

De acordo com Pedro Eugenio, presidente-executivo do Busca Descontos, os varejistas devem receber cerca de 330 mil pedidos neste ano, superando bastante a marca de 237 mil encomendas de 2011. Vale destacar que, em 2011, a informática e os eletrodomésticos foram as principais categorias de compras dos brasileiros na “Black Friday”, com 12% das compras cada. Para não deixar a desejar no funcionamento dos sites e na entrega dos produtos, os organizadores prometem fiscalização forte dos órgãos de defesa ao público.

“As ofertas serão auditadas e checadas se são verdadeiras pelo Busca Descontos, buscando proteger o consumidor. Também explicamos aos varejistas, principalmente os menores, a dimensão do evento, para que se preparem”, comentou.

Em constante crescimento no Brasil, a “Black Friday” é uma realidade com números ainda mais impressionantes nos Estados Unidos. No país, o evento não é somente online, mas também em lojas físicas, o que gera uma enorme comoção em busca dos descontos na região. Em 2011, segundo a comScore, foram movimentados US$ 816 milhões (cerca de R$ 1,7 bilhões) na data, que é “comemorada” na sexta-feira posterior ao feriado de Ação de Graças.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Marcos Aurelio
    2012-11-23T10:49:07

    Tá mais para Black FRAUDE do que Black Friday...

  • Prof. Gilberto
    2012-11-22T11:23:37

    "Black Friday" brasileira faz lojas aumentarem os preços um dia antes, pra depois oferecer "desconto" nos produtos e um monte de otário comprar achando que tá se dando bem.

  • Flavio Michelin
    2012-11-25T12:03:45

    Tudo pela metade do dobro...

  • Claudio Santos
    2012-11-22T08:36:43

    Black Friday? No Brasil ? Não existe.

  • Relógio Puma
    2012-11-21T18:54:11

    Eles aumentam o preço no site e depois abaixam para o valor que querem.... e qual a margem de desconto?

  • Elias Mazza
    2012-11-21T16:50:57

    iphone irá entrar em oferta no black friday?

  • Daniel Ferraz
    2012-11-21T16:25:00

    Quero só ver se vão ter desconto mesmo,porque alguns sites aumentaram os preços de vários produtos nos últimos dias.

  • Everton Celistre
    2012-11-21T07:33:58

    Vou a "luta" sexta...hahah