Jogos casuais

13/12/2012 11h20 - Atualizado em 13/12/2012 11h20

Filme de Angry Birds dá primeiros passos e sairá em 2016

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

A Rovio Entertainment acaba de anunciar oficialmente a produção de um filme de Angry Birds, em computação gráfica 3D, com lançamento marcado para o verão norte-americano de 2016. A obra está nas mãos de nomes como o produtor de Meu Malvado Favorito, John Cohen, e o produtor executivo de Homem de Ferro, ex-chefe da Marvel Studios, David Maisel.

Angry Birds ganhará filme em 2016 (Foto: Divulgação)Angry Birds ganhará filme em 2016 (Foto: Divulgação)

Toda a produção será financiada pela Rovio, que escolheu produzir o filme fora do circuito tradicional de estúdios, escolhendo John e David para o serviço. Segundo Mikael Hed, chefe executivo da empresa, os dois são um time dos sonhos e têm as habilidades ideais para alcançarem coisas incríveis.

“John é um produtor excepcionalmente talentoso e estamos satisfeitos de que ele esteja se unindo ao bando”, disse Mikael. Além de Meu Malvado Favorito, Cohen também trabalhou por um tempo na Disney, onde acompanhou de perto alguns títulos como A Era do Gelo e Robôs.

O anúncio foi feito exatamente no terceiro aniversário de Angry Birds, lançado na App Store em 11 de dezembro de 2009. Apenas em Julho de 2011 a Rovio Mobile mudou seu nome para Rovio Entertainment, refletindo seu desejo de dominar todo o mundo do entretenimento com os pássaros zangados.

Via IGN e VG247

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Roberto Junior
    2012-12-17T23:49:38

    Tem tantos clássicos aguardando na fila para um dia se tornarem um filme, "Castlevania", "Zelda", "Chrono Trigger".... e vão me fazer desse, que recém completou 3 anos de existência.

  • Rodrigo Oliveira
    2012-12-14T08:17:54

    é bom investirem mesmo em outro patamar pq os jogos já deram o que tinham que dar ja... Muito repetitivos