Segurança

07/01/2013 09h57 - Atualizado em 07/01/2013 09h57

Microsoft atualiza lista de certificado digital para impedir ataque hacker

Thiago Barros
por
Para o TechTudo

A Microsoft emitiu, na última sexta-feira (4), um boletim anunciando o lançamento de uma nova versão de sua lista de certificados digitais. O objetivo deste update é aumentar a proteção dos computadores com Windows a um ataque hacker bem comum que vinha afetando diversas máquinas em todo o mundo.

Windows ganhou atualização de segurança (Foto: Reprodução WindowsPasswordRecovery)Windows ganhou atualização de segurança
(Foto: Reprodução WindowsPasswordRecovery)

De acordo com o boletim publicado pela empresa norte-americana, o hack era feito por meio de um certificado chamado TURKTRUST, que foi retirado da lista neste update. 

A atualização, disponibilizada para download pela Microsoft, é manual somente para quem usa o Windows XP ou o Windows Server 2003. Os usuários que utilizam versões superiores a estas não precisam se preocupar, pois o processo é feito automaticamente.

“Este certificado fraudulento pode ser usado com conteúdos que enganam os usuários, com ataques de phising e realizando ataques man-in-the-middle. Este problema afeta todas as versões do Microsoft Windows”, revelou a Microsoft  em comunicado oficial. Assim, o certificado facilitava a interceptação e transmissão de dados a cibercriminosos.

Além disso, o TURKTRUST também emitia dois CAs (do inglês certificate authority ou autoridade de certificação) para criar certificados digitais para falsos domínios semelhantes aos de serviços do Google. Essa seria uma outra forma de permitir invasões de hackers aos computadores. Agora, com a atualização, isso também será evitado.

Tem alguma dúvida de tecnologia? Entre no Fórum do TechTudo!

Via Neowin

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares