10/01/2013 17h29 - Atualizado em 10/01/2013 18h26

Optimus Popularis, um teclado que vale por mil, é apresentado na CES 2013

Nick Ellis
por
Da CES 2013

O teclado Optimus Popularis, que foi apresentado pela Art Lebedev na CES 2013, em Las Vegas, Estados Unidos, pode ser personalizado da forma que o usuário quiser, pois conta com teclas “inteligentes” que mudam da aparência de forma instantânea. Ele foi desenvolvido para designers, músicos, gamers, fotógrafos e editores de vídeo, mas pode ser usado por qualquer pessoa.

Optimus Popularis personalizado para usar com o Final Cut (Foto: TechTudo/Nick Ellis)Optimus Popularis personalizado para usar com o Final Cut (Foto: TechTudo/Nick Ellis)

A empresa oferece modelos pré-programados para as principais aplicações do mercado como o editor de vídeo Final Cut, a suíte de fotografia da Adobe, além de jogos como Call of Duty, Half-Life 2, entre outros, com o objetivo de facilitar a vida do usuário. Outro truque do Optimus Popularis é que ele pode funcionar com qualquer idioma, basta alterar as configurações.

O usuário também pode personalizar as configurações do teclado para colocar qualquer imagem atrás das teclas, além de criar um novo teclado para algum aplicativo ou jogo que ainda não está disponível.

Optimus Popularis configurado para um simulador de voo (Foto: TechTudo/Nick Ellis)Optimus Popularis configurado para um simulador de voo (Foto: TechTudo/Nick Ellis)

O modelo anterior tinha uma pequena tela OLED atrás de cada tecla, o que tornava o custo proibitivo. Para reduzir o preço do teclado, a solução foi usar uma tela LCD com iluminação traseira LED embaixo das teclas.

O teclado é compatível com PCs e Macs, e será vendido a partir de abril por US$ 1.200 (cerca de R$ 2.436 segundo a cotação do dia, sem os impostos). A empresa ainda não tem distribuidores no Brasil. Para saber mais, visite o site da Art Lebedev Studio.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Fernando Pedrozo
    2013-01-11T17:32:15

    nomercadolivre o espaço e custo é o mesmo para anunciar um CD velho por R$ 15,00 ou um notebook de R$ 2.000,00 por que cobrar taxas diferentes ? Ao cobrar um % do preço do produto o ML se torna sócio do vendedor. Seria muito mais coerente cobrar pelo espaço e plataforma do site, como R$ 10,00 R$ 20,00 R$ 50,00 pelo espaço do anuncio ou ainda pelos cliques que o anuncio teve.

  • Fernando Pedrozo
    2013-01-11T17:30:30

    No MecadoLivre o espaço e custo é o mesmo para anunciar um CD velho por R$ 15,00 ou um notebook de R$ 2.000,00 por que cobrar taxas diferentes ? Ao cobrar um % do preço do produto o ML se torna sócio do vendedor. Seria muito mais coerente cobrar pelo espaço e plataforma do site, como R$ 10,00 R$ 20,00 R$ 50,00 pelo espaço do anuncio ou ainda pelos cliques que o anuncio teve.

  • Oto Neto
    2013-01-11T16:52:01

    ridiculamente caro que se torna desnecessário, com o uso você aprende todos os atalho dos programas que você usa diariamente, principalmente que a suíte da adobe já apresenta atalhos simples para as principais ferramentas e filters, sem que você tenha que gastar 2000 reais em um teclado

  • Rodrigo A.b.
    2013-01-11T12:58:04

    Apenas uma correção: o Final Cut Pro é um produto da Apple e não da Adobe!