Celular

15/08/2013 08h30 - Atualizado em 15/08/2013 08h30

Memória RAM nos smartphones: entenda para que serve e como funciona

Thiago Barros
por
Para o TechTudo

A memória RAM é um dos componentes mais importantes de um smartphone. Assim como nos computadores, ela é uma das principais responsáveis pelo desempenho do aparelho, junto com o processador. Por isso, é fundamental que o consumidor preste bastante atenção a esta especificação na hora de comprar um celular.

Qual smartphone comprar: Galaxy S4 ou iPhone 5? Saiba mais no Fórum do TechTudo!

RAM no smartphone é fundamental como no PC (Foto: Reprodução/Badoo)Memória RAM influencia diretamente no desempenho de smartphones (Foto: Reprodução/Badoo)

Recentemente, a Samsung anunciou que está desenvolvendo memórias RAM mais potentes e a tendência é de que os smartphones e foblets top de linha, que possuem 1 GB ou 2 GB de RAM, passem a ter 3 GB ou mais na próxima geração. E isso significa maior velocidade na realização de tarefas.

A memória RAM, cuja sigla significa Random Acess Memory, traduzida para o português como Memória de Acesso Randômico (Aleatório), atua no smartphone para executar um determinado aplicativo. Cada app exige uma quantidade de RAM, por isso, quanto mais memória deste tipo no aparelho melhor o desempenho.

Um exemplo bem simples é o seguinte: digamos que um usuário esteja no Twitter e seus amigos lhe enviem o convite para um evento no Facebook. Ele acessa a rede social e, lá, encontra um vídeo do YouTube. Para assistir, clica nele e é levado para o aplicativo. Com este processo, ele precisa de RAM para rodar Twitter, Facebook e YouTube.

Quanto mais pesado o aplicativo for maior será a sua necessidade de RAM. É ela que, em conjunto com o processador, vai permitir (ou não) a execução daquele app ou game. Por isso, é cada vez mais importante que os smartphones tenham muita memória RAM, já que os aplicativos estão ficando cada vez mais exigentes.

RAM é só uma parte do desempenho

Apesar de ser importante para um bom funcionamento do smartphone, a memória RAM não é a única responsável por fazer seu celular ser mais lento ou mais rápido. Para não sobrecarregar o celular, uma dica é sempre fechar os aplicativos que não estão em uso e utilizar programas de otimização deste quesito.

A combinação de memória RAM, memória interna (para armazenamento de arquivos) e processador, além da GPU (placa gráfica), é o que vai determinar o quão potente é o seu smartphone. Ter bastante memória RAM é um passo e tanto, mas é preciso prestar atenção quanto a estes outros componentes para aproveitar o gadget ao máximo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Rafael Soares
    2013-08-15T10:01:40  

    Então me diz! De que adianta ter um processador de 5Ghz, 180GB de RAM de um HD IDE de 120GB? Ou seja! Seu cartão de memória tem que acompanhar o processamento.

    recentes

    populares

    • Rafael Soares
      2013-08-15T10:01:40  

      ah tinha esquecido da proteção do vidro gorilla glas 05 quase inquebravel

    recentes

    populares

    • Rafael Soares
      2013-08-15T10:01:40  

      ah, tambem tem leitor biomerico, estou falando do zenfone zoon s , para quiser um bom aparelho eu recomendo paguei 1200,00

  • Ricardo Silva
    2017-07-05T05:05:41  

    Memória RÃ é aquela perereca que fica na frente da lagoa pensando na vida.

    recentes

    populares

    • Ricardo Silva
      2017-07-05T05:05:41  

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk