29/08/2013 10h17 - Atualizado em 29/08/2013 11h08

PhotoImage Brasil: Canon mostra sua nova geração de câmeras high-end

Renato Bazan
por
Para o TechTudo

A Canon exibe uma "trinca" de novas câmeras inéditas em exposições brasileiras: além das recém-anunciadas PowerShot SX170 IS e SX510 HS no PhotoImage Brasil 2013. Evento que ocorre entre os dias 28 e 30 de agosto no Expo Center Norte, em São Paulo.

Confira a galeria de fotos do PhotoImage Brasil 2013

Estande da Canon no PhotoImage Brazil (Foto: TechTudo/Renato Bazan)Estande da Canon no PhotoImage Brasil 2013 (Foto: TechTudo/Renato Bazan)

A grande novidade, no entanto, é a trinca de novas câmeras inéditas em exposições brasileiras: além das recém-anunciadas PowerShot SX170 IS e SX510 HS, para os usuários mais chegados em câmeras compactas, a Canon está fazendo a apresentação oficial de sua antecipada EOS 70D no país. Como cada uma é direcionada a um tipo de usuário diferente, o TechTudo resolveu fazer um resumo técnico de cada uma das revelações. Abaixo você confere os diferenciais de cada uma.

Canon SX170 IS, cujo principal avanço é a incorporação de baterias a lítio (Foto: TechTudo/Renato Bazan)Canon SX170 IS, cujo principal avanço é a incorporação de baterias a lítio (Foto: TechTudo/Renato Bazan)

SX170 IS – Conveniência e economia, agora sem pilhas

Compacta, a PowerShot SX170 IS pode parecer uma repetição de sua antecessora, a SX160, mas possui uma diferença fundamental: depois de tantas reclamações associadas ao uso de pilhas AA, a Canon finalmente incorporou baterias de lítio ao modelo, recarregáveis e sem efeito de memória.

Fora isso, ela tem praticamente o mesmo layout da SX160: zoom óptico de 16x, expansível até 32x com o uso do zoom digital; lente 5.0-80.0mm f/3.5-5.9, equivalente a uma grande angular de 28mm; autofoco com tecnologia de estabilização Intelligent IS, semelhante ao de câmeras mais avançadas; CCD de 16 megapixels, capaz de filmar em 720p a 30 quadros por segundo; LCD traseiro fixo de 3 polegadas; processador DIGIC4, grande trunfo na fotografia em ambientes escuros; software com 32 configurações de cena que regulam exposição e equilíbrio de cor de acordo com a seleção do usuário.

No Brasil, SX170 IS chega somente em dezembro, e seu preço sugerido será de R$ 599.

Com antena Wi-Fi, a Canon SX510 HS dispensa outros equipamentos para transferir e publicar suas fotos (Foto: TechTudo/Renato Bazan)Com Wi-Fi, a Canon SX510 HS dispensa outros equipamentos para transferir e publicar suas fotos (Foto: TechTudo/Renato Bazan)

SX510 HS – Semiprofissional conectada

No ramo das câmeras semiprofissionais – ou “compactas avançadas”, para um jargão mais adequado – a PowerShot SX510 HS representa um salto mais relevante sobre sua antecessora direta, a SX510: ela combina as tecnologias de estabilização Intelligent IS e o processador DIGIC4 com um CMOS de 12.1 megapixels, diferente do CCD de 16 megapixels da anterior. Na prática, isso se traduz em ganhos expressivos tanto na velocidade de focalização quanto no tempo de captura das imagens, acelerados pelo abandono de sensores analógicos.

Mais importante, a câmera incorpora uma antena Wi-Fi que a comunica com PCs, aparelhos portáteis com Android ou iOS e até mesmo impressoras que tenham a tecnologia Wireless PictBridge. A partir daí, é possível transferir imagens, publicá-las em redes sociais e até agendar impressões em diferentes escalas, de acordo com comandos na própria câmera ou no app CameraWindow, gratuito.

De resto, a SX510 HS segue os passos da SX510: oferece zoom optico 30x, extensível digitalmente até 60x; lente 24-720mm f/3.4-5.8, gravação em 1080p a 30 quadros por segundo; saída mini-HDMI para acompanhamento em outros monitores; LCD traseiro de 3 polegadas; software com 32 configurações de cena.

No mercado brasileiro, ela chegará apenas em 2014. Questionados, representantes da Canon estimam que seu preço recomendado inicial será de R$ 1.099.

A Canon EOS 70D promete mudar a forma como as pessoas lidam com filmagens em câmeras fotográficas (Foto: TechTudo/Renato Bazan)A Canon EOS 70D promete mudar a forma como as pessoas lidam com filmagens em câmeras fotográficas (Foto: TechTudo/Renato Bazan)

EOS 70D – O futuro da fotografia

Por fim, a grande novidade do PhotoImage Brazil no estande da Canon é a primeira DSLR com Dual Pixel CMOS Auto Focus – a EOS 70D. A tecnologia de nome complicado é o grande trunfo na exibição da nova câmera, pois traz grandes avanços na estabilização de foco durante filmagens ou seções de fotografia via LCD. Para demonstrá-la, a Canon colocou até mesmo um experimento em tempo real em seu estande: um trenzinho elétrico andando em círculos que, a cada ciclo, vai se aproximando da câmera antes de fazer uma curva. A velocidade com que a câmera recupera o foco à medida em que o brinquedo se aproxima é algo impensável para gerações anteriores da mesma linha.

Como a SX510 HS, a 70D integrou ao corpo uma antena Wi-Fi que, além de fazer tudo que foi mencionado acima, dá ao usuário do celular ou computador conectado controle total sobre a câmera para configurar e capturar imagens e vídeos remotamente. Melhor ainda, a câmera nem precisa estar em um campo Wi-Fi para isso, pois se comunica diretamente com os aparelhos que tiverem o aplicativo EOS Remote, disponível gratuitamente para iOS e Android.

Outras características atraentes incluem a adoção de lentes STM (“Stepping Motor”), que encontram foco mais rápido e com menos ruído; retrocompatibilidade com 103 diferentes lentes das famílias EF e EF-S; um sensor CMOS de 20.2 Megapixels ligado a um processador DIGIC5+, excelente mesmo em ambientes muito escuros, com ISO que vai de 100 a 25.600; um sistema de autofoco com 19 pontos configuráveis; captura de até 7 imagens por segundo; monitor LCD de 3 polegadas sensível a toque e articulado sobre eixo giratório de 3 polegadas; filmagem em Full HD 1080p a 30 quadros por segundo com timecode incorporado; e, para o divertimento dos fotógrafos, visualização dos efeitos criativos disponíveis em tempo real no LCD, sem a necessidade de captura.

Para os interessados, o kit com a 70D e uma lente EF-S 18-135mm f/3.5-5.6 STM será lançado em território nacional no final de setembro por R$ 8 mil. Só o corpo da câmera sairá por R$ 6 mil.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares