Internet

14/08/2013 16h35 - Atualizado em 14/08/2013 16h35

YouTube volta ao Windows Phone; Google entra em acordo com Microsoft

Thiago Barros
por
Para o TechTudo

Após cinco meses fora do ar, o app do YouTube voltou oficialmente ao Windows Phone. A aplicação, desenvolvida pela Microsoft, foi removida da Windows Store em maio após os executivos do Google exigirem que ele sofresse uma série de reformulações. Agora, em agosto, ele retornará mais completo e atendendo aos pedidos da gigante das buscas.

YouTube ganhou versão oficial para Windows Phone (Foto: Divulgação)YouTube ganhou versão oficial para Windows Phone (Foto: Divulgação)

Um dos recursos mais exigidos pelo Google no app era a adição dos anúncios em vídeos, que foi solucionado nesta nova versão do YouTube para Windows Phone. Além disso, com o update ele também ganhou um recurso básico e fundamental: o upload de vídeos direto para o site. “Lançamos um app do YouTube para Windows Phone que oferece ótima experiência para nossos consumidores e soluciona as questões expressadas pelo Google em maio, incluindo a inclusão de anúncios”, disse a Microsoft.

Ao que tudo indica, a relação entre Microsoft e Google pode ter mais passos neste caso, no futuro. O desenvolvimento do app seguirá os moldes que já estavam sendo utilizados desde o lançamento dele na Windows Store. Atendendo aos interesses de ambos os lados, as empresas e os consumidores se beneficiam. “Agradecemos ao suporte do Google para garantir que os usuários do Windows Phone tenham uma experiência de qualidade com o YouTube e estamos ansiosos por continuar com esta colaboração”, completou a companhia.

Nos comentários dos usuários na Windows Phone Store já é possível notar a satisfação pela volta do app à plataforma e pelo acordo selado entre Microsoft e Google. Uma opinião dada pelo usuário Jason, por exemplo, parece resumir o pensamento geral: “Obrigado ao Google e à Microsoft por trabalharem juntas… Finalmente”.

Via Engadget e Windows Phone Store

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Rui Moraes
    2013-08-15T17:43:49

    Nem deu 24 horas e o Google já bloqueou de novo.

  • João Silverado
    2013-08-14T18:56:36

    Maio (mês 5) pra agosto (mês 8) dá 5 meses de diferença???