Jogos de ação

27/10/2013 16h38 - Atualizado em 27/10/2013 16h38

Produtora de CrossFire vai trazer WarRock e Phantom Army para o Brasil

Renato Bazan
por
Da Brasil Game Show

No segundo dia da Brasil Game Show, conversamos com Peter Lee, da SG North, e descobrimos que a criadora de CrossFire não só enxerga o país com prioridade máxima, mas pretende lançar dois novos títulos gratuitos para PC até o início do ano que vem, em 2014.

WarRock vai chegar ao Brasil em breve (Foto: Divulgação/SG North)WarRock vai chegar ao Brasil em breve (Foto: Divulgação/SG North)

Não é para menos, depois de Crossfire ter se popularizado por aqui, o país tornou-se o segundo maior mercadp, apenas atrás da Coréia do Sul. “Aos poucos, dominamos a primeira posição dos jogos gratuitos no Brasil, com mais de um milhão de usuários”, conta Lee.

Combates em larga escala que rodam em qualquer PC

Por causa disso, a SmileGate - empresa-mãe da SG North - resolveu trazer “WarRock” para o país, um grande sucesso entre os jogos free-to-play desde 2008. A versão atualizada e melhorada, é um jogo de tiro em primeiro pessoa, como Crossfire, mas que foca em cenários urbanos de grandes proporções para combates entre dois times de 16 pessoas cada, com especial atenção para o uso de veículos nas cenas - uma espécie de Battlefield coreano.

Até mesmo as classes de soldado, criadas na série de DICE, são reproduzidas em WarRock, com médicos, sabotadores, engenheiros, infantaria e snipers dividindo as responsabilidades. O uso de armamentos contemporâneos e modos separados para sobrevivência contra zumbis e combates exclusivamente a pé o separa de outros do gênero.

O WarRock é provavelmente o jogo mais acessível que existe na categoria de grandes combates. Apesar da proposta de larga escala que carrega, seu processamento exige apenas um Pentium 3 com 256 MB de RAM e uma placa de vídeo de 64 MB, e ocupa apenas 700 MB em disco. Além de ser gratuito para baixar e aceitar compras internas em dinheiro real até mesmo por boleto bancário.

Especialmente para o lançamento no Brasil, a Smilegate prepara dublagem e legendagem integral do jogo para PT-BR, além de servidores nacionais dedicados. Um beta acontecerá perto do fim de novembro por seis dias, e os interessados poderão visitar o site do WarRock para baixar o instalador. Não há planos para outras plataformas de PC ou consoles.

A aposta contra Team Fortress

Feito pela Smilegate em conjunto com a Zombie Studios (“Blacklight: Retribution”, “Saw”), “Phantom Army” lembra imediatamente um "Team Fortress" modificado para a visão em terceira pessoa, pois o visual e o estilo de jogo são parecidíssimos: cartunizado, com pequenas equipes que se enfrentam em um mapa pequeno.

Phantom Army também é aguardado em versão brasileira em 2014 (Foto: Divulgação/SG North)Phantom Army também é aguardado em versão brasileira em 2014 (Foto: Divulgação/SG North)

Na descrição de Lee, no entanto, a aparência é onde as similaridades terminam. “Para este jogo, nós tentamos integrar ao máximo os hábitos de jogo que os jogadores ocidentais e orientais carregam em suas culturas. Por isso o fizemos em parceria com a Zombie. Ao mesmo tempo em que o game carrega um forte foco na customização dos personagens e alguns elementos visuais associados às artes orientais, incluímos uma série de mecânicas de jogo normalmente presentes em jogos ocidentais, como a proteção de cobertura de "Gears of War" ou controles contextuais. Nós até jogamos parkour na mistura”, revela Peter Lee.

O resultado é um jogo de tiro em terceira pessoa com um visual cartunizado, que lembra as graphic novels da década de 80, que você pode conferir neste vídeo abaixo.


O "Phantom Army", como "WarRock", será lançado no Brasil em português, e seu lançado será simultâneo ao do resto das Américas, no início de 2014. Ele será gratuito e rodará exclusivamente em PCs com Windows, primeiro via instalador próprio, mais tarde via Steam.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Matheus Melgaço
    2013-11-02T12:26:57

    espero que não lote de hackers logo de cara,parece ser um CF com mais opções de combate.

  • Weder Gomes
    2013-10-28T17:12:13  

    espero q o Warrock nao seja mais so um jogo...seja o JOGO , pois eh um jogo mt espero por mts BRS a anos....

    recentes

    populares

    • Weder Gomes
      2013-10-28T17:12:13  

      Concordo com você, mas o problema são os players que usam chetas e hacks... eles sempre acabam com os jogos. Por isso não abandono meu velho e bom CS, lá ainda consegue jogar algumas partidas sem... hehehe

    recentes

    populares

    • Weder Gomes
      2013-10-28T17:12:13  

      Jogo