02/01/2014 13h03 - Atualizado em 02/01/2014 13h03

Bump foi comprado pelo Google, mas serviço será descontinuado

Paulo Alves
por
Para o TechTudo

O Bump, aplicativo que impressiona por sua habilidade de transferir arquivos tocando aparelhos (sem precisar de NFC), foi comprado pelo Google em setembro, mas deverá ser desativado completamente até 31 de janeiro. Com a remoção de seu instalador das lojas virtuais do Google e da Apple, dados de usuários serão apagados e o app terá seu funcionamento interrompido.

Bump terá tecnologia e time de desenvolvedores trabalhando em novo projeto dentro do Google (Foto: Reprodução/Unlockboot) (Foto: Bump terá tecnologia e time de desenvolvedores trabalhando em novo projeto dentro do Google (Foto: Reprodução/Unlockboot))Bump terá tecnologia e time de desenvolvedores trabalhando em novo projeto dentro do Google (Foto: Reprodução/Unlockboot)



“Estamos focados agora em nossos novos projetos dentro do Google e, por isso, decidimos descontinuar Bump e Flock”, disse o CEO do Bump, David Lieb, referindo-se também ao aplicativo de compartilhamento de fotos detido pelo Bump. Os usuários devem baixar suas imagens por meio do app para Android e iOS até o final de janeiro para que não sejam perdidas.

Por que a imagem de satélite do Google maps é desatualizada? Debata no Fórum do TechTudo.

A estratégia do Google se repete para a maioria de suas aquisições que visam, normalmente, obter novas patentes e profissionais para trabalharem em projetos internos, como em recursos extras para o Android e outros produtos e serviços da empresa, para depois descontinuar o serviço.

Um exemplo disso é a desativação do Wavii, app de agregação de conteúdo online que fechou as portas após ser vendido ao Google em abril de 2013. Fato semelhante deve ocorrer com o próprio Waze, cuja tendência é ser incorporado ao Google Maps em breve.

Ainda não se sabe um recurso similar ao Bump será incluído em versões futuras do Android, ou se a tecnologia inventada pelos desenvolvedores do app será usada em algum recurso inédito ou até um novo produto da companhia de Mountain View. A única certeza é, com tantas aquisições, que outros apps sejam descontinuados em breve.

Via GigaOm

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares