15/03/2014 09h05 - Atualizado em 15/03/2014 09h05

'Modo XP' no Windows 7 também terá suporte encerrado em 8 de abril

Elson de Souza
por
Para o TechTudo

Segundo a Microsoft, o 'Modo Windows XP' do Windows 7 também terá o suporte encerrado no dia 8 de abril. A medida segue a decisão de não oferecer mais atualizações para o antigo sistema operacional lançado há 13 anos. No entanto, de acordo com a própria fabricante do Windows, os usuários não precisam se desfazer do recurso, apenas deixarem de usar o 'modo XP' conectado à Internet.

Programas transferem dados e aplicações do Windows XP para outro PC

Modo Windows XP, recurso disponível no Windows 7 (Foto: Divulgação/Microsoft)Modo Windows XP, recurso disponível no Windows 7 (Foto: Divulgação/Microsoft)



O 'Modo Windows XP' foi uma das novidades apresentadas pela Microsoft no lançamento do Windows 7 como forma de incentivar as pessoas a migrarem para o sistema após o fracasso do Windows Vista. Na época, a empresa afirmou que o recurso garantia total compatibilidade de programas antigos com o novo sistema operacional, evitando as dores de cabeças enfrentadas com o Vista.

Ative o 'modo Deus' no Windows 7. Descubra como no Fórum do TechTudo.

Disponível apenas para Windows 7 Professional, Entreprise e Ultimate, o 'modo Windows XP' ainda pode ser baixado no TechTudo Downloads e necessita do emulador Windows Virtual PC. Com ele, é possível instalar programas especificamente para rodar na antiga versão do sistema operacional, que ficarão disponíveis no menu Iniciar do Windows 7 e também podem ser executados fora da máquina virtual.

Visual do 'modo XP' no Windows 7 (Foto: Divulgação/Microsoft)Visual do 'modo XP' no Windows 7 (Foto: Divulgação/Microsoft)

A Microsoft, no entanto, recomenda que os usuários do Windows 7 só utilizem o 'modo XP a partir de 8 de abril se o seu computador estiver desconectado, já que a empresa não vai lançar mais atualizações de segurança e isso deve colocar o sistema em risco.

Versão final para atualização do Windows 8.1 vaza no site da Microsoft

No entanto, caso optem por abandonar a função, os usuários não devem encontrar grandes dificuldades, já que a maior parte dos programas são compatíveis com as versões mais recentes do sistema, o que motivou a empresa a retirar a função do novo Windows 8, por exemplo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares