Internet

09/05/2014 11h48 - Atualizado em 09/05/2014 12h15

Snapchat enfrenta acusações de propaganda enganosa; entenda o caso

Raquel Freire
por
Para o TechTudo

O Snapchat está sendo acusado de fazer propaganda enganosa no que diz respeito a apagar as mensagens enviadas por seus usuários. A denúncia foi revelada na quinta-feira (8) pela FTC (Federal Trade Commission, ou Comissão Federal de Comércio), agência do governo americano que visa à proteção do consumidor. No mesmo dia, o Snapchat publicou nota concordando com as declarações do FTC e prometendo melhorias em sua redação na política de privacidade e segurança dos usuários.

Snapchat quer ser o novo WhatsApp e lança mensagens de texto no celular

Mais uma vez, o Snapchat apresenta falhas em seu sistema de segurança (Foto: Reprodução/ Digital Trends)Snapchat apresenta falhas em seu sistema de segurança e privacidade (Foto: Reprodução/TechTudo)


A agência também alegou que a companhia enganou os consumidores sobre a quantidade de dados pessoais que recolhe e as medidas de segurança tomadas para proteger as informações contra uso indevido e divulgação não autorizada. A hipótese do FTC é de que a falha do Snapchat foi provocada pela função “Find Friends”, que abriu uma brecha na segurança, permitindo que invasores compilassem um banco de dados com 4,6 milhões de nomes de usuários e números de telefone.

A principal queixa do órgão é a de que o aplicativo fez várias declarações falsas a seus consumidores, que contrastam com a maneira como ele realmente funciona.

Quais são os apps são alternativos para o Snapchat no Windows Phone? Descubra no Fórum do TechTudo.

“Se uma empresa comercializa privacidade e segurança como principais atrativos ao lançar seu serviço, é fundamental manter essas promessas”, disse a presidente do FTC, Edith Ramirez, em comunicado.

De fato, a natureza efêmera do aplicativo foi seu diferencial e motivo de grande crescimento entre os concorrentes, uma vez que ele seria um ambiente seguro para compartilhar conteúdo privado, como fotos íntimas. Mas a promessa de que os “snaps” desaparecem para sempre após o tempo designado pelo usuário pode ser quebrada com simples ações, o que não fica claro nos termos de uso. 

Se os consumidores usarem versões não oficiais do aplicativo, por exemplo, as mensagens podem ser guardadas tranquilamente. Outra maneira é usar aplicativos de terceiros para baixar fotos ou vídeos, como o Snap Save for Snapchat ou SnapCapture for Snapchat.

Há outros problemas no quesito armazenamento. O Snapchat guarda os vídeos sem criptografia no dispositivo fora da pasta “sandbox”, o que significa que podem ser acessados pelos destinatários através do diretório de arquivos ou conectando o aparelho a um computador. O relatório completo com todas as acusações pode ser conferido em um documento em PDF (em inglês), da FTC.

Resoluções

O acordo firmado entre FTC e Snapchat proíbe a empresa de deturpar as informações sobre privacidade, segurança e confidencialidade dos usuários no futuro. Além disso, a empresa será obrigada a implementar um programa de privacidade abrangente, que será monitorado por um profissional de privacidade independente, pelos próximos 20 anos.

Via FTC e Snapchat

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares