16/06/2014 07h45 - Atualizado em 17/06/2014 11h09

Casaco inteligente permite mandar mensagens através de gestos

João Kurtz
por
Para o TechTudo

Um casaco capaz de se comunicar através de gestos foi desenvolvido por duas estudantes do Programa de Telecomunicações Interativas da Universidade de Nova Iorque. O objetivo de Rucha Patwardhan e Alina Balean era encontrar a resposta para a pergunta "Você já parou para pensar qual será a tecnologia que um dia vai substituir os smartphones?". 

Computador consegue se passar por humano de 13 anos em Teste de Turing

Roupa usa chips arduino para se comunicar com smartphones (foto: Reprodução/Smart Hoodie)Roupa usa chips arduino para se comunicar com smartphones (foto: Reprodução/Smart Hoodie)


O Smart Hoodie aposta na tendência de wearable tech, ou seja, tecnologias que podem ser vestidas como se fossem roupas. Para isso, as meninas equiparam um moletom com capuz com um chip Arduino e um rádio GSM. Isso permitiu que o agasalho detectasse quando o usuário fizesse determinados gestos e reagisse a eles com comandos predeterminados.

Na fase de testes, o moletom era usado para mandar mensagens para as mães das desenvolvedoras, informando onde elas estavam ou que sentiam saudades. Os gestos incluem arregaçar as mangas, pressionar botões ou puxar os cordões do capuz.

O produto ainda está em fase de desenvolvimento. Uma das aplicações pensadas para ele é a possibilidade de avisar quando o usuário estiver em um local ou situação de risco apenas fazendo pequenos gestos que passariam despercebidos em caso, por exemplo, de assaltos. O Smart Hoodie ainda não apresentou soluções para alguns pequenos problemas, como a forma de limpar ou evitar que ele responda a movimentos involuntários, como lavar as mãos.

Quais tecnologias para vestir vocês acham que têm mais potencial? Opine no Fórum do TechTudo.

Via Smart Hoodie

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares