Internet

08/07/2014 11h29 - Atualizado em 08/07/2014 14h07

Intel, Dell e Samsung se unem para padronizar a 'Internet das coisas'

Gabriel Ribeiro
por
Para o TechTudo

Dell, Intel e Samsung anunciaram nesta terça-feira (8) a criação de um grupo para padronizar a chamada "Internet das coisas". O Open Interconnect Consortium (OIC), tem como objetivo definir diretrizes e a criação de protocolo comum para garantir o bom funcionamento e a conexão entre os mais variados dispositivos, independente do fabricante.

Aparelhos ligados à Internet gastam R$ 177 bi por ano em eletricidade

União de empresas busca criar um modelo único (Foto: Reprodução/Samsung)União de empresas busca criar um modelo único (Foto: Reprodução/Samsung)



Um dos principais problemas que a "Internet das coisas", termo usado para se referir aos aparelhos não-convencionais que estão conectados, como carros e geladeiras, é a fragmentação de sistema e padrões. Para isso, o OIC propõe a ajuda da comunidade para desenvolver um código aberto que garantirá a comunicação entre PCs, smartphones, tablets e aparelhos domésticos, além de gadgets vestíveis.

O OIC trabalhará com tecnologias que já estão em uso pela população, como Wi-Fi, Bluetooth e NFC. Completam o grupo a Atmel, empresa de microcontroladores; a Broadcom, de soluções de comunicação com e sem fio; e Wind River, de software e tecnologia embarcada.

Esse, no entanto, não é o primeiro grupo criado com esta finalidade. Criado em dezembro de 2013, o Allseen Alliance tem 51 empresas participantes, entre as quais estão nomes de peso como LG, Panasonic, Qualcomm, D-Link e a mais recente parceira, a Microsoft. O objetivo é simplificar a conectividade entre os mais diversos aparelhos, através de tecnologias como, por exemplo, a conexão wireless.

Por que o estabilizador estala? É algum defeito? Confira no Fórum do TechTudo.

No futuro, poderemos ver uma disputa por padrões. Quem ganhará com isso é o consumidor final, que receberá produtos cada vez mais aprimorados.

Via Android Central, SamsungTomorrow e OIC

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares