Tablet

06/08/2014 06h19 - Atualizado em 06/08/2014 06h19

Chamadas durante voo podem ser banidas por governo americano, diz jornal

Raquel Freire
por
Para o TechTudo

O governo dos Estados Unidos deve anunciar a proibição definitiva de chamadas de celulares em aviões. É o que teria dito a conselheira geral do Departamento de Transportes, Kathryn Thomson, durante discurso em Washington. As informações foram trazidas em reportagem do The Wall Street Journal, que garante que as companhias aéreas estão pressionando para que a decisão fique a cargo delas.

Classmates: rede social guarda fotos de famosos nos tempos de colégio

A largura e o material da parte traseira do Fonepad 7dificultam o manuseio (Foto: Luciana Maline/ TechTudo)Governo americano deve proibir ligações de celulares em aviões (Foto: Luciana Maline/ TechTudo)

A preocupação dos reguladores está nos efeitos negativos das chamadas de voz. Outros tipos de troca de dados, como mensagens de texto, são permitidas pelo departamento americano e as regras sobre seus usos em voos foram abrandadas no ano passado, permitindo que passageiros mantenham seus gadgets ligados de um portão de embarque a outro.

Também em 2013, a Comissão Federal de Comunicações (CFC) do país propôs derrubar as regras técnicas de restrição ao uso de celulares em voo, que estão em vigor há mais de duas décadas. Segundo a comissão, a norma estaria defasada, pois atualmente a preocupação com a interferência de redes de celulares baseados em terra não seria mais um problema.

Qual o melhor app que você tem no seu celular? Comente no Fórum do TechTudo

Adotando essa postura, a CFC se posiciona ao lado das companhias aéreas, que defendem que o Departamento de Transportes está ultrapassando a sua autoridade. “As companhias aéreas não estão querendo permitir o uso de telefones celulares durante o voo, e algumas já disseram que vão proibi-las em seus próprios voos”, disse Jeffrey Shane, conselheiro geral da Associação Internacional de Transporte Aéreo.

Por outro lado, Shane também argumenta que as operadoras poderiam explorar maneiras de oferecer chamadas de voz aos passageiros, como por exemplo instalando cabines próprias nos aviões. Isso aumentaria as diferenças de serviço entre as companhias, o que permitira cobrar valores mais elevados pelas passagens aéreas.

O Departamento de Transportes confirmou que está desenvolvendo uma notificação de proposta de regulamentação sobre chamadas de voz durante o voo, mas disse que ainda não há decisão sobre o que a regra final determinará, pelo menos até o momento. Se for aprovado, empresas de outros países que permitem chamadas em voo deverão interromper o serviço ao sobrevoar o espaço aéreo dos Estados Unidos.

Via The Wall Street Journal

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares