03/08/2014 09h03 - Atualizado em 07/08/2014 15h08

Pandemic e Catan: veja os melhores jogos de tabuleiro para PCs e tablets

Felipe Vinha
por
Para o TechTudo

Jogos de tabuleiro modernos são o passatempo ideal para quem quer se divertir com amigos e passar o tempo aproveitando games altamente estratégicos e, em sua maioria, competitivos. O grande problema é que muitos deles custam um valor bem elevado, passando da casa dos R$ 200, mas há a alternativa de comprar as versões digitais, com conteúdo 100% fiel, por preços bem mais em conta. Conheça alguns destes jogos, que estão disponíveis no PC, tablets iOS e Android e outras plataformas.

Blizzard lançará Banco Imobiliário e War baseados em World of Warcraft e Starcraft

Lords of Waterdeep é um dos boardgames com versões digitais (Foto: Divulgação)Lords of Waterdeep é um dos boardgames com versões digitais (Foto: Divulgação)

D&D: Lords of Waterdeep

D&D: Lords of Waterdeep é a adaptação de um jogo de tabuleiro inspirado pelo universo de Dungeons & Dragons. Mas não confunda, pois de RPG este game não tem nada. Ele apenas pega emprestado a ambientação na cidade de Waterdeep e coloca os jogadores para controlarem lordes destas terras, que precisam enviar seus servos para missões mais diversas.

Lords of Waterdeep no iOS (Foto: Divulgação)Lords of Waterdeep no iOS (Foto: Divulgação)

O jogo é simples e competitivo, onde vence quem fizer mais pontos ao final de oito rodadas. Há uma versão para iPad disponível, com direito a multiplayer online, que custa US$ 6,99 (cerca de R$ 17). Por aqui, ele é encontrado nas lojas por preços que variam entre R$ 200 e R$ 250 em sua versão física, o que representa um valor mais caro em mais de 100%, em relação à versão digital. Vale lembrar que há ainda a possibilidade de comprar sua expansão, na loja online da Apple. Os valores citados também valem para este adicional.

Small World 2

Small World é um popular game da produtora Days of Wonder, onde é preciso disputar o território de um pequeno mapa com outros jogadores. Quanto maior o número de participantes, mais difícil fica para competir por espaço, já que é possível eliminar a classe do outro jogador do mapa. O jogo fez tanto sucesso que rendeu uma continuação nos tabuleiros, que por sua vez foi adaptada também para o mundo digital.

Small World 2 no PC (Foto: Divulgação)Small World 2 no PC (Foto: Divulgação)

Há uma edição de Small World 2 no Steam, que sai por R$ 25, além de outra para tablets iOS e Android, por praticamente o mesmo preço. Nas lojas, o jogo não é encontrado por menos de R$ 200, ainda que a experiência de jogá-lo seja mais caótica na versão digital. Apesar de não conter multiplayer online, Small World 2 apresenta possibilidade de ser aproveitado com outros jogadores em um único aparelho, no melhor estilo “cada um joga sua vez”.

Ticket to Ride

Além de ser uma famosa música dos Beatles, Ticket to Ride é um excelente jogo de tabuleiro, indicado principalmente para todas as idades e membros da família. Nele, os participantes precisam construir linhas ferroviárias, de acordo com o desenho indicado em sua carta de missão, ao longo do mapa dos Estados Unidos. Apesar de sua premissa relativamente simples, Ticket to Ride pode ser extremamente competitivo, já que a quantidade de trens para a formação das linhas é limitada. No final, quando os trens se acabam, vence quem possui o maior número de pontos.

Ticket to Ride (Foto: Divulgação)Ticket to Ride (Foto: Divulgação)

Ticket to Ride é comercializado oficialmente no Brasil e em português, talvez sua grande vantagem em relação à versão digital, somente em inglês. O jogo de tabuleiro sai por cerca de R$ 150 nas lojas, mas a edição para iPad custa US$ 6,99 (cerca de R$ 17), ainda com a versão Pocket, que sai por US$ 1,99 (ou R$ 5), com algumas limitações.

Colonizadores de Catan

Colonizadores de Catan é um jogo de tabuleiro considerado divisor de águas, seja por suas mecânicas inovadoras para a época de lançamento original, ou por fazer sucesso até hoje. O game lembra, de longe, o clássico Age of Empires, onde é preciso angariar recursos, construir sua civilização e expandir pelo mapa, mas sem combates. O jogador que fizer mais pontos após diversas construções, ganha.

Catan no Steam (Foto: Divulgação)Catan no Steam (Foto: Divulgação)

Catan é outro game que pode ser encontrado com facilidade em lojas brasileiras, com caixa e regras em português. Sua versão física sai por cerca de R$ 90 nas lojas, enquanto a edição encontrada no Steam, para PC, custa R$ 30. Há ainda uma versão mais simples, mas completa, no iOS e Android, que custa US$ 5 (cerca de R$ 12). Somente a edição mobile conta com multiplayer local e online.

Pandemic

Pandemic é um jogo de tabuleiro curioso, por não ser focado em competitivo e ser exclusivamente cooperativo. Aqui os jogadores trabalham em conjunto para impedir que doenças se espalhem pelo mundo, movimentando-se pelo mapa em busca da cura e parando contágios em todos os continentes. Neste cenário, todos trabalham para vencer juntos – e se os contágios se espalharem de forma numerosa, todos perdem.

Pandemic no iOS (Foto: Divulgação)Pandemic no iOS (Foto: Divulgação)

Pandemic pode ser encontrado no iPad, com uma das melhores conversões de jogos de tabuleiro para plataformas digitais já feita. Seu preço é US$ 6,99 (por volta de R$ 17), enquanto a versão física é encontrada com valores que variam entre R$ 170 e R$ 200 em lojas. No iPad, há suporte para até cinco jogadores, com multiplayer no estilo “passe a vez” e também online.

Domínios de Carcassonne

Domínios de Carcassonne é outro que, a exemplo de Catan, tem sua grande importância na história dos tabuleiros modernos. Porém, ele deixa de lado a jogabilidade do anteriormente citado e inova, com uma disputa por territórios diferente. Em Carcassonne os jogadores competem para ver quem domina a maior parte do mapa e seus castelo – mas, para isso é preciso sortear pedaços do mapa, que vai se formando ao longo da partida.

Carcassonne no Xbox 360 (Foto: Divulgação)Carcassonne no Xbox 360 (Foto: Divulgação)

Domínios de Carcassonne também é vendido oficialmente no Brasil, em português, por R$ 80. Ele é facilmente encontrado em lojas especializadas e também em lojas de brinquedo. Há uma versão para tablets iOS e Android, por US$ 10 (cerca de R$ 23), bem completa e com diversas expansões à venda, além de uma edição lançada no Xbox 360, via Xbox Live, pelo mesmo preço.

Monopoly

Monopoly, também conhecido como Banco Imobiliário, não é bem um jogo de tabuleiro moderno. Pelo contrário, ele é um dos mais clássicos do gênero, e é considerado até antiquado, por conta de suas regras “enferrujadas”, mas muitos jogadores ainda curtem reunir os amigos para algumas partidas, seja por sua simplicidade ou simpatia, com o tradicional sistema de compra e venda de propriedades.

Monopoly no iOS (Foto: Divulgação)Monopoly no iOS (Foto: Divulgação)

O problema é que Monopoly possui diversas versões físicas lançadas no Brasil – desde edições temáticas da Disney ou de Os Simpsons, passando por edições que deixam o dinheiro de mentira de lado e utilizam máquinas de cartões de crédito fictícias, cada uma sempre com um valor diferente, que pode variar entre R$ 80 e R$ 150. Há uma versão digital, chamada apenas de “Monopoly”, lançada para tablets e PC, que custa entre US$ 6,99 e US$ 10. Esta versão é aquela ideal para você que não dispensa a experiência tradicional, com todos os elementos originais.

Puerto Rico

Puerto Rico é outro jogo de tabuleiro clássico e que é vendido no Brasil. Sua mecânica é puramente estratégica e envolve decisões de jogadores, colonizadores, na hora de administrar sua colônia em uma ilha. É preciso delegar trabalhos e escolher tarefas administrativas para fazer mais pontos que os adversários e vencer no final.

Puerto Rico HD no iOS (Foto: Divulgação)Puerto Rico HD no iOS (Foto: Divulgação)

Puerto Rico, em versão física, pode ser encontrado por aí a preços que variam entre R$ 150 e R$ 180, mas sua versão digital por apenas US$ 0,99, ou cerca de R$ 2,30, no iPad. O game tem uma grande desvantagem em sua versão de tabuleiro, já que não é um dos mais bonitos já produzidos, apesar de ser divertido, algo que a edição digital corrige perfeitamente, já que é bem mais bonita e faz uso da tela em alta definição do tablet da Apple.

Quais jogos de tabuleiro merecem versões para tablets? Opine no Fórum TechTudo!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares