Jogos de ação

09/09/2014 08h02 - Atualizado em 03/05/2016 15h43

Dead Rising 3: saiba tudo sobre as novidades da versão do game para PC

Emanuel Schimidt
por
Para o TechTudo

Dead Rising 3: Apocalypse Edition é a versão para PC de um dos games de lançamento do console Xbox One. A edição para computadores foi lançada no dia 5 de setembro de 2014, e está sendo vendida digitalmente por R$ 84,99. Confira em nossa matéria quais as diferenças entre a versão para PC e Xbox One.

Detonado de Dead Rising 3: aprenda a zerar o novo exclusivo para Xbox One

Dead Rising 3: Apocalypse Edition é o nome da versão para PC do game de zumbis. (Foto: Divulgação)Dead Rising 3: Apocalypse Edition é o nome da versão para PC do game de zumbis. (Foto: Divulgação)

Gráficos e Quadros por Segundo

Dead Rising 3 para Xbox One roda à fixos 30 quadros por segundo com uma resolução de apenas 720p. No PC o game consegue atingir qualquer resolução suportada pelo Windows, ou seja, pode até ultrapassar 1080p. O título também trouxe melhorias nas texturas dos personagens, cenários e objetos.

No entanto, uma declaração de Jon Airhar, o produtor do game, durante a E3 2014 deu o que falar. Ele disse que a versão para PC de Dead Rising 3 teria taxa de frames fixa em 30 quadros por segundo, mas que seria possível aumentar essa taxa com risco de causar consequências inesperadas.

“Nós não iremos impedir você de destravar a taxa de quadros e conferir do que o seu computador é capaz”, disse Airhar na ocasião, “mas nós não podemos garantir a experiência por quê realmente não sabemos o que irá acontecer; você poderá ver coisas estranhas com a física ou com os zumbis. (…) Eu não acredito que você perderá algo se jogar com a taxa de 30 quadros por segundo”.

Dead Rising 3: Apocalypse Edition trará mais resolução e melhores texturas. (Foto: Divulgação)Dead Rising 3: Apocalypse Edition trará mais resolução e melhores texturas. (Foto: Divulgação)

Com o game já lançado, a promessa de Airhar de permitir que a taxa de quadros fosse aumentada se provou verdadeira, mas a forma de fazer isso parece até uma “gambiarra”, já que é preciso criar um arquivo com um comando específico e incluir na pasta do game. Os jogadores não têm relatado grandes problemas com essa alteração, mas a Capcom lembra que não se responsabiliza pelas consequências por não ser algo suportado nativamente. Confira aqui o tutorial de como aumentar sua taxa de FPS.

DLCs Incluídos

A versão para PC traz o pacote “Histórias Não Contadas de Los Perdidos”, que inclui os quatro conteúdos adicionais com novas histórias lançados para o Xbox One. Cada uma delas tem como foco um protagonista diferente, além de trazer novas armas, veículos e roupas. Com isso os jogadores de PC economizam US$ 29 (cerca de R$ 65), preço cobrado pelo pacote com os quatro DLCs no Xbox One.

Dead Rising 3: Apocalypse Edition conta com os quatro DLCs com novas histórias. (Foto: Divulgação)Dead Rising 3: Apocalypse Edition conta com os quatro DLCs com novas histórias. (Foto: Divulgação)

Infelizmente a versão para PC não conta com o DLC Super Ultra Dead Rising 3 Arcade Remix Hyper Edition EX Plus Alpha, uma sátira da Capcom com ela mesma, onde o jogo é alterado quase que inteiramente, já que a jogabilidade se torna mais arcade, com missões a serem realizadas em um determinado tempo, lutas contra chefões e estágios bônus. Esse DLC também permitia jogar cooperativamente com até 4 amigos.

Livro de Artes digital e Guia

A versão para PC trouxe também um livro de artes digital premium e um guia estratégico do game. Esses documentos podem ser acessados de dentro do Steam pelo caminho SteamApps - common - deadrising3 - Digital Extras. Outra forma de acessar o conteúdo é clicando com o botão direito sobre o game (dentro do Steam), depois Propriedades, aba Arquivos Locais, Navegar pelos Arquivos Locais e entrar na pasta Digital Extras.

Dead Rising 3: Apocalypse Edition conta com livro de artes e guia digitais. (Foto: Divulgação)Dead Rising 3: Apocalypse Edition conta com livro de artes e guia digitais. (Foto: Divulgação)

Steam

Dead Rising 3: Apocalypse Edition foi construído para ser utilizado com o Steam. Portanto, mesmo que o game seja comprado digitalmente em outras plataformas, o sistema da Valve é obrigatório para jogar Dead Rising. “Como jogador, o Steam é minha plataforma preferida para jogar, e é a plataforma que nós estamos usando para lançar Dead Rising 3″, disse Jon Airhart ao site Gamespot.

Dead Rising 3: Apocalypse Edition trará diversos recursos da plataforma Steam. (Foto: Divulgação)Dead Rising 3: Apocalypse Edition trará diversos recursos da plataforma Steam. (Foto: Divulgação)

Com isso, Dead Rising 3: Apocalypse Edition contará com diversas funcionalidades que a plataforma da Valve oferece, como as conquistas, a possibilidade de manter seu save na nuvem, cartas colecionáveis, suporte à controles e Ranking global.

Recursos que ficaram de fora

A versão para Xbox One fez uso de alguns recursos do console como o Kinect e o Smartglass. Ambos não estão presentes na versão para PC, ainda que pudessem ser emuladas de outra forma, mas suas ausências não interferem na experiência do jogo.

Dead Rising 3 utilizava os recursos de microfone e captura de movimentos do Kinect no Xbox One. Com isso, o jogador poderia fazer algum barulho ou movimento para distrair os zumbis. Entretanto, caso algum barulho não-intencional fosse emitido o jogador chamaria a atenção dos zumbis para si.

Dead Rising 3: Apocalypse Edition não conta com suporte ao Kinect ou recurso Smartglass. (Foto: Divulgação)Dead Rising 3: Apocalypse Edition não conta com suporte ao Kinect ou recurso Smartglass. (Foto: Divulgação)

Quanto ao Smartglass, qualquer aparelho com o aplicativo instalado estaria conectado ao jogo. Com ele o jogador poderia receber missões extras, mensagens de outros personagens do game, encomendar armas e até solicitar um ataque militar. Mapas e notícias também fazem parte da simulação de smartphones dentro do game.

Requisitos de Sistema

Dead Rising 3: Apocalypse Edition não é um daqueles jogos que exige a máquina mais poderosa da atualidade para oferecer bons gráficos. O game roda apenas em sistemas Windows 7 ou Windows 8 de 64 bits e exige 30GB de espaço em disco e no mínimo DirectX 11.

Dead Rising 3: Apocalypse Edition. (Foto: Divulgação)Dead Rising 3: Apocalypse Edition. (Foto: Divulgação)

Como requisitos mínimos, Dead Rising 3: Apocalypse Edition exige um processador Intel Core i3 de 3.30GHz ou AMD Phenom II de 3 GHz; 6GB de memória RAM e placa de vídeo GeForce GTX 570 ou AMD Radeon 7870. Já como requisitos recomendados, a Capcom sugere um processador Intel Core i5-4570 de 3.20GHz ou um equivalente da AMD; 8GB de memória RAM e placa de vídeo GeForce GTX 670 2GB ou AMD Radeon 7970 2GB.

Confira abaixo o trailer de lançamento de Dead Rising 3: Apocalypse Edition, a versão para PC do game de zumbis:


Dead Rising 3 é uma boa arma da Microsoft na disputa contra o PS4
? Opine no Fórum do TechTudo.


Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Snake Plissken
    2014-09-09T15:12:00  

    Na boa, não aguento mais ver jogo de zumbi! Já deuuuuu!

    recentes

    populares

    • Snake Plissken
      2014-09-09T15:12:00  

      Ninguém te obrigou a ler ou a jogar, vai ver sessão da tarde.

  • Meu Ovo
    2014-09-09T23:27:14

    esses requisitos não são reais.. to rodando num i3, 4 gb ram, gtx460 com gráficos no médio..to quase zerando ja estou no capitulo 7...

  • Marcelo
    2014-09-09T11:01:27

    é logico que pra liberar o cap de 30fps vai ter que fazer uma "gambiarra"... estranho seria eles falaram que não se responsabilizam e ao mesmo tempo colocar a opção la no menu... depois pessoal seleciona sem saber e fica reclamando do jogo...