Internet

10/09/2014 18h40 - Atualizado em 10/09/2014 18h59

Facebook testa post que se autodestrói em até sete dias, como no Snapchat

Raquel Freire
por
Para o TechTudo

Após lançar o Slingshot, o Facebook está testando um novo recurso que permite agendar a exclusão de posts com antecedência. Ou seja, posts que se autodestroem, similar ao que acontece no Snapchat. A novidade foi liberada para alguns usuários do app para iOS (iPhone) e ainda está em testes.

Facebook inclui mais vídeos com autoplay no feed e conta visualizações

Screenshot mostrando funcionalidade em fase de teste do Facebook (Reprodução/The Next Web) (Foto: Screenshot mostrando funcionalidade em fase de teste do Facebook (Reprodução/The Next Web))Facebook testa "Snapchat" (Reprodução/The Next Web)

“Estamos executando um pequeno piloto de um recurso para iOS que permite às pessoas agendarem a exclusão de seus posts com antecedência”, disse o representante do Facebook.

De fato, a rede social inclusive já publicou um guia sobre como realizar o procedimento em sua página de ajuda (facebook.com/help/).

Pelos screenshots divulgados, o Facebook permitirá programar a exclusão para períodos de uma hora até 7 dias após a post. Depois desse prazo, o conteúdo vai ser apagado do perfil do usuário, mas permanecerá nos servidores do site, onde ficará por aproximadamente 90 dias. A própria rede social admite que há possibilidade de que alguém veja o conteúdo após a data de expiração.

“Por exemplo, se alguém deixar o Feed de Notícias aberto por muito tempo, essa pessoa poderá ver sua publicação até que o feed dela seja atualizado, mesmo que isso ultrapasse a data de expiração da publicação. As pessoas também podem fazer capturas de tela da sua publicação para compartilhar”, diz um comunicado.

Facebook não carrega em nenhum browser, como resolver? Veja no Fórum do TechTudo.

A funcionalidade traria o fator de efemeridade que impulsionou o Snapchat e motivou o próprio Facebook a desenvolver um concorrente, o Slingshot.

Posts que se autodestroem podem ser interessantes como forma de não poluir a timeline ao longo do tempo, por exemplo.

A opção só está disponível para algumas áreas até o momento, e não está claro se o Brasil faz parte dos países que receberá o teste. Porém, já existe página de ajuda sobre a função em português.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares