11/10/2014 10h00 - Atualizado em 13/10/2014 09h43

ID@Xbox: conheça mais sobre o programa para indies da Microsoft

Emanuel Schimidt
por
Da BGS 2014

O Xbox One conta com um programa de apoio aos desenvolvedores de jogos independentes, chamado ID@Xbox. Para conhecer mais detalhes sobre programa, o TechTudo conversou com o gerente de marketing global do ID@Xbox, Esteban Lora, na Microsoft. Confira os principais assuntos discutidos durante a entrevista na Brasil Game Show 2014, em São Paulo.

Xbox One: Goat Simulator e outros jogos indie chegarão console esse ano

Fenix Rage: Game é um dos parceiros do ID@Xbox e está jogável na BGS 2014. (Foto: Divulgação)Fenix Rage: Game é um dos parceiros do ID@Xbox e está jogável na BGS 2014. (Foto: Divulgação)

Quais desenvolvedores podem se registrar?

No início da conversa, Lora explicou que os contratos são fechados com os desenvolvedores independentes, já consolidados, e com um portfólio contendo bons títulos. Quando questionado se como o programa, em algum momento, também englobaria estúdios iniciantes ou menores, Lora comentou que a Microsoft está aberta: tendo um bom projeto, com boas e inovadoras ideias, existe a possibilidade do contrato ser fechado.

Benefícios

A Microsoft oferece aos registrados dois kits de desenvolvimento para o Xbox One e uma licença Unity Pro, tudo de forma gratuita. São também fornecidas todas as documentações necessárias para o projeto.

Segundo Estevan Lora, como forma de apoio, os desenvolvedores indies recebem o mesmo espaço dado aos jogos conhecidos como AAA. Quanto questionado sobre a recente inundação de jogos nas diversas lojas de games e aplicativos, Estevan afirmou que se o game tiver qualidade e trouxer inovações provavelmente ele terá sucesso, não importando o número de concorrentes.

Goat Simulator é um dos exemplos de games do programa ID@Xbox. (Foto: Divulgação)Goat Simulator é um dos exemplos de games do programa ID@Xbox. (Foto: Divulgação)

Perguntamos ainda se a Microsoft planeja algum mecanismo de filtro, que possibilite que um jogo independente seja encontrado quando a loja estiver com muitos títulos. Segundo Estevan, as únicas ferramentas disponíveis são as que já existem, ou seja, a exibição dos games depende do seu perfil de jogador, de forma diferente ao serviço de curadoria do Steam.

Possibilidades

Ao se tornar um registrado no ID@Xbox, o desenvolvedor passa a contar com um leque de opções bem amplo: o próprio estúdio pode escolher em qual região deseja lançar seu jogo, por exemplo, podendo restringir o título à apenas um país ou região. Os desenvolvedores também têm ao seu dispor todas as funcionalidades já disponibilizadas pela Microsoft para o Xbox One, entre elas o Kinect e o serviço de computação em nuvem.

Desenvolvedores podem usar toda a infraestrutura do Xbox One, como o Kinect e a nuvem. (Foto: Divulgação)Desenvolvedores podem usar toda a infraestrutura do Xbox One, como o Kinect e a nuvem. (Foto: Divulgação)

A Microsoft também passou a permitir a autopublicação de um game, algo que não existia quando o Xbox One foi anunciado. Com as mudanças nos meses seguintes, agora os desenvolvedoras podem lançar seu game sem a intermediação da produtora. Outra conquista dos indies é a possibilidade de enviar correções do jogo para a Microsoft, sem que uma taxa seja cobrada, antiga reclamação de vários desenvolvedores.

Contrapartidas

Durante a entrevista, Lora não quis responder sobre o percentual do valor do game repassado à Microsoft pelos desenvolvedores, já que cada contrato fechado tem um acordo diferente. Quanto sobre a necessidade de manter o game exclusivo para o Xbox One, Esteban disse que não é feita nenhuma exigência desse tipo, deixando a escolha à cargo do desenvolvedor.

Estúdios brasileiros

Também perguntamos para Lora se o ID@Xbox já tem parceria com algum estúdio indie brasileiro, e, segundo ele, diversas equipes conheceram o programa e gostaram. Para completar, afirma que ainda estariam em contato com a Microsoft para assinar o contrato, ou seja, no momento ainda não existe parceria confirmada com estúdios do Brasil.

Ainda não há desenvolvedores indies no programa ID@Xbox. (Foto: Reprodução/TechTudo)Ainda não há desenvolvedores indies no programa ID@Xbox. (Foto: Reprodução/TechTudo)

Games demonstrados

Durante a BGS 2014, a Microsoft escolheu dois games em desenvolvimento dentro do programa ID@Xbox: o Fenix Rage e #idarb. O primeiro é um título de plataforma com diversos elementos que podem causar a morte do personagem, exigindo bastante reflexo dos jogadores para chegar até o fim dos estágios. Já o segundo,  #idarb, foi testado durante a conversa: é um jogo que mistura diversos elementos de futebol e basquete, tendo como objetivo colocar a bola no gol adversário.

O game permite que até oito jogadores disputem partidas localmente no Xbox One. Mesmo quem está apenas assistindo pode participar: basta enviar mensagens com hashtag (#) para o Twitter (provavelmente para uma conta de algum dos participantes), para alterar o comportamento da partida. Um dos exemplos citados por Lora é enviar "#palhaço", que alteraria o visual dos personagens para um palhaço em pleno andamento da disputa.

Confira o trailer de #idarb, apresentado durante a E3 2014:






O que vocês esperam da Brasil Game Show 2014? Comente no Fórum do TechTudo!

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares