19/10/2014 16h53 - Atualizado em 19/10/2014 16h53

Brasileiros protagonizam 'momento mais emocionante' de Mundial de LoL

Felipe Vinha
por
Para o TechTudo

A Riot Games, produtora de League of Legends, destacou a participação da Kabum e-sports, equipe brasileira, como um fato marcante do Campeonato Mundial do game online para PC. A Kabum participou da fase de grupos do torneio e foi eliminada, mas não deixou sua participação passar em branco e até mesmo venceu uma equipe europeia de destaque, a Alliance, em setembro.

Final de League of Legends reúne 40 mil em estádio e consagra coreanos

Brandon Beck, Marc Merrill e Dustin Beck falam sobre o futuro de League of Legends (Foto: Felipe Vinha)Brandon Beck, Marc Merrill e Dustin Beck falam sobre o futuro de League of Legends (Foto: Felipe Vinha)

Em apresentação realizada antes da Final do Mundial, que ocorreu na Coreia do Sul, Dustin Beck, vice-presidente de eSports da Riot, exibiu um vídeo com grandes destaques deste mundial de League of Legends, entre eles a participação da Kabum.

A equipe brasileira venceu apenas uma partida na fase de grupos, o que rendeu sua eliminação. Porém, sua vitória foi contra a Alliance, considerada a melhor equipe europeia, que conta ainda com alguns jogadores estelares, como Froggen, que joga na rota do meio. Na ocasião, a Alliance foi desclassificada do torneio pela Kabum.

Riot destacou participação da Kabum no Mundial de League of Legends (Foto: Felipe Vinha)Riot destacou participação da Kabum no Mundial de League of Legends (Foto: Felipe Vinha)

“Uma palavra: Kabum! Foi o momento mais emocionante e marcante deste campeonato”, disse Dustin, que reprisou no telão os momentos finais da partida, onde os narradores oficiais estrangeiros vibraram com a vitória da Kabum. “Isso também gerou a maior revolta já vista no League of Legends”, brincou o executivo, lembrando que muitos fãs reclamaram que “um mero time brasileiro” havia desclassificado uma grande equipe.

Dustin Beck, Brandon Beck e Marc Merril, diretores e co-fundadores da Riot Games, também elogiaram os torneios de League of Legends realizados no Brasil. “Torneios como no Brasil e na Turquia foram os maiores que tiveram de e-sports na região. Com o crescimento do e-sports por lá, esperamos ver cada vez mais este tipo de iniciativa”, disse Dustin.

Mundial de League of Legends de 2014 foi realizado na Coreia do Sul (Foto: Felipe Vinha)Mundial de League of Legends de 2014 foi realizado na Coreia do Sul (Foto: Felipe Vinha)

Ainda sobre o Brasil, os executivos da Riot foram questionados sobre a possibilidade de realizar um evento internacional no país, como foi o All-Star, torneio organizado na França em 2014. “Ainda não sabemos quais serão os locais dos próximos eventos, mas queremos aumentar o número de torneios internacionais”, adicionou Dustin Beck.

Qual é o melhor jogo: DotA ou LoL? Opine no Fórum do TechTudo

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Ricardo Ribeiro
    2014-10-20T11:58:53

    "que conta ainda com alguns jogadores estelares, como Froggen" O cara é tão bom que veio do espaço! hehe