10/10/2014 16h16 - Atualizado em 13/10/2014 09h03

Jogamos Dying Light: game de terror surpreende pela dificuldade alta

Emanuel Schimidt
por
Da BGS 2014

Dying Light é um game de terror com zumbis da Techland, produzido pelo mesmo estúdio de Dead Island. Apesar da temática ser a mesma – um apocalipse gerado por uma infecção –, o jogo apresenta diversos elementos exclusivos. O gerente de comunidades da Techland, Michael Napora, comentou as principais novidades.

Dying Light revela novo modo multiplayer no qual jogadores são os zumbis

Dying Light: um dos diferenciais do game será sua movimentação parkour. (Foto: Divulgação)Um dos diferenciais do game será a movimentação parkour. (Foto: Divulgação)


Diferenciais

Com a cultura zumbi bastante difundida, a Napora comentou quais seriam os diferenciais de Dying Light. Segundo ele, os movimentos de parkour e o ciclo dia/noite são as característica especiais do jogo.

O game trará ainda um modo multiplayer assimétrico, em que o jogador poderá ser um zumbi e invadir a partida dos outros, tornando a vida dos não-infectados ainda mais complicada. Um dos monstros nesse modo é o Night Hunter, disponível para quem comprar na pré-venda.

Segundo Napora, ainda não está certo se o personagem continuará liberado no futuro, mas a Techland está estudando essa possibilidade. O gerente garante que essa é uma recompensa para agradecer aos jogadores que acreditam no game, mesmo sem ele ter sido lançado.

Michal Napora, da Techland, durante nosso bate-papo. (Foto: Reprodução/ Emanuel Schimidt)Michael Napora, da Techland, durante bate-papo com o TechTudo (Foto: Reprodução/ Emanuel Schimidt)

Outra particularidade é que, durante os combates, os ossos dos inimigos são quebrados em slow-motion. Segundo Napora, a inspiração veio de Mortal Kombat - jogo sangrento que exibe, em alguns momentos, detalhes de como o corpo reage internamente a um golpe.

Dificuldade

Durante o teste do TechTudo, não deu tempo do período noturno começar. Mas, mesmo de dia, a dificuldade do game mostrou-se bem alta. O demo trazia quatro armas: um taco de beisebol com pregos, uma faca com eletricidade, um machado e uma pistola. Durante a partida, o jogador poderá montar as armas com itens encontrados. Vale dizer que nenhuma dessas ferramentas conseguiu matar facilmente os inimigos, nem mesmo o martelo gigante que atinge mesmo estando a uma curta distância.

Dying Light: dificuldade do game é grande. (Foto: Divulgação)Dying Light apresenta uma grande dificuldade. (Foto: Divulgação/ Dying Light)

Napora afirmou que correr para fugir não é vergonhoso. A ideia é realmente que os jogadores façam isso quando necessário. A movimentação de parkour foi inserida justamente para essa finalidade, já que lutar para sobreviver, sem poder saltar e subir nas coisas, não condiz muito com a realidade. Essa inspiração veio inteiramente do game Mirror’s Edge.

Lags

No primeiro teste realizado, sem o Michal Napora, notamos um incômodo lag sempre que um movimento mais brusco era realizado. Entretanto, Napora afirmou que a máquina em que jogamos era mais limitada, fato comprovado no segundo teste. Depois, em um PC mais poderoso, o problema não ocorreu. 

Techland vs Deep Silver

Após o lançamento de Dead Island, a Techland entrou em conflito com a produtora, Deep Silver, pelos direitos do jogo. Agora, em parceria com a Warner, Napora afirmou que o estúdio está feliz e trabalhando com tranquilidade. Porém, quando perguntado se o estúdio é dono da nova marca, ele afirmou que não podia comentar o assunto por questões contratuais.

Dying Light: Ciclo dia/noite é outro diferencial, mas infelizmente não conseguimos testar durante a BGS. (Foto: Divulgação)Ciclo dia/noite é outro grande diferencial do jogo. (Foto: Divulgação/ Dying Light)


Conclusão

Dying Light é um projeto ousado da Techland que foi adiado algumas vezes para deixar o jogo perfeito. Não foi possível testar muito do mundo aberto, apenas alguns combates e a movimentação inédita – um dos pontos que obrigaram a Techland adiar o game. Os gráficos estão bonitos, mas pouco pudemos conferir da história. A promessa é de um longo jogo, com cerca de 50 hora, e muita pancadaria.

Qual é seu jogo favorito com zumbis? Opine Fórum do TechTudo!


Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Chinonso Onuigbo
    2014-10-13T02:23:19  

    oque muda quando anoitece

    recentes

    populares

    • Chinonso Onuigbo
      2014-10-13T02:23:19  

      O zumbi vem e te pega, obrigando a ficar zumbizado e com isso acaba votando na Dilma

    recentes

    populares

    • Chinonso Onuigbo
      2014-10-13T02:23:19  

      os zumbis durante o dia são mais lentos e reagem com mais dificuldade para seus ataques, a noite eles são mais rapidos e te caçam o tempo todo. pelo menos é o que estava em outra materia..

  • Hugo Fraga
    2014-10-11T15:32:39

    Me parece que vai ser bom