Internet

25/11/2014 09h00 - Atualizado em 25/11/2014 09h00

Medo de fazer compras online? Veja os cuidados que se deve ter

Gabriella Fiszman
por
Da Redação

A Internet trouxe grandes benefícios aos internautas e um deles foi o comércio online, ou como chamamos, o e-commerce. Adquirir produtos sem ter que sair do conforto de casa permitiu aos consumidores mais agilidade e praticidade. Porém, a segurança pode não ser um dos pontos fortes dessa prática. Mas calma, nem tudo está perdido. Você pode fazer compras pela Internet sem medo, basta tomar alguns cuidados. Veja dicas para não ser enganado em lojas virtuais.

Como fazer reclamações na Internet

Compras online (Foto: Reprodução/TechTudo)Compras online, veja quais cuidados você precisa ter na hora de comprar (Foto: Reprodução/TechTudo)


Se informe sobre o site 

A primeira recomendação é buscar informações sobre o site que vende o produto. Isso pode ser feito de algumas formas: coletar referências de amigos e familiares e verificar se há queixas sobre a página no Procon do seu Estado ou Município ou em sites próprios para reclamações dos consumidores

Não se iluda com o preço ou prazo de entrega, isso não é tudo que deve ser avaliado em uma compra. O site Reclame Aqui é uma ótima opção para se informar sobre a qualidade dos serviços prestados.

Reclame aqui (Foto: Reprodução/ Gabriella Barreira)Página do Reclame aqui é uma opção para saber sobre a empresa (Foto: Reprodução/ Gabriella Barreira)


Outra opção é recorrer ao Órgão de Defesa do Consumidor. O PROCON-SP tem uma lista com mais de 400 endereços de sites de compra online que devem ser evitados (sistemas.procon.sp.gov.br/evitesite). 

Informações sobre o vendedor 

Não é segredo para ninguém que existe muita gente mal intencionada na Internet e com os vendedores online não é diferente. É preciso cuidado na hora de fazer negócios online, pois não se sabe quem está do outro lado do computador. Sempre verifique qual endereço do fornecedor - seja loja ou pessoa física -, CNPJ, em caso de estabelecimento, e se existe algum telefone ou e-mail para esclarecimento de eventuais dúvidas. 

Verifique os procedimentos de compra, troca e devolução

Lembre-se sempre de verificar antes da compra quais são os procedimentos para reclamação, devolução do produto, prazo para entrega, etc. Se você reparar que o tempo de espera entre um produto e outro do mesmo site varia muito, fique atento: pode ser um sinal de que a empresa não tem o produto no estoque e provavelmente tentará obtê-lo com outro fornecedor.

Se você não tem nenhuma indicação sobre a loja, o ideal é comprar em outro site, pois o produto pode demorar mais do que o previsto para chegar ou pior, não chegar porque o fornecedor não tinha o item. 

A loja tem sempre a obrigação de informar o consumidor sobre o prazo de entrega. Portanto, se o tempo não for informado ou for confuso, não compre. Mas, se ainda assim você decidiu comprar e viu que após o pagamento o prazo aumento muito, pode haver algum problema com a loja e os prazos.

Confira se o site possui um sistema de segurança para o usuário

Muitos sites parecem confiáveis, mas, na verdade, não passam de uma armadilha para conseguir informações e dados pessoais como o número do seu cartão de crédito. É importante checar a confiabilidade de um site. Além disso, sites confiáveis devem adotar medidas de privacidade e segurança aos usuários.  

Serviços como PayPal, PagSeguro e MercadoPago funcionam como carteiras virtuais e podem servir como garantias de que a compra é segura. Esses sites fazem o intermédio entre o consumidor e o fornecedor, portanto, o dinheiro só será liberado ao vendedor caso a encomenda seja entregue.  

Desconfie se o site pedir muitas informações pessoais 

É importante lembrar que o consumidor precisa ter cuidado sempre, começando as precauções desde o cadastro. Por isso, só se cadastre em sites confiáveis com URL segura e "cadeado virtual". 

Para saber se suas informações estarão seguras naquela página, sempre cheque algumas dicas de segurança. A primeira é o cadeado do navegador, exibido na barra de status do programa. Esse símbolo é um certificado de segurança que garante que todos os dados fornecidos são confidenciais. 

Paypal (Foto: Reprodução/ Gabriella Barreira)Exemplo do cadeado de seguança e do HTTPS no site Paypal (Foto: Reprodução/ Gabriella Barreira)

Além disso, verifique também se o link da página começa com HTTPS. Sites que possuem essa sigla no endereço têm a comunicação criptografada, o que aumenta significativamente a segurança dos dados. É como se cliente e servidor conversassem uma língua que só eles entendem, sem interceptação.

Desconfie de preços muito abaixo da média

Não existe milagre, com exceção da Black Friday. Um fornecedor dificilmente venderá um produto muito abaixo do preço de mercado sem ter prejuízo. Portanto, desconfie imediatamente se a oferta for muito generosa. Pode ser uma mercadoria falsificada, vendida de forma ilegal ou ser uma fraude e a chance de você não receber sua encomenda será grande; cuidado com as ofertas.

Não guarde informações do cartão de crédito para futuras compras

Muitos sites permitem aos usuários que salvem a senha do cartão de crédito durante o cadastro para futuras compras. Pode ser a opção mais fácil e cômoda. Mas, atenção: não é a mais segura. A recomendação é não salvar esses dados, uma vez que a sua conta pode ser invadida e as informações podem servir para compras indevidas em seu nome. 

Quais os melhores sites para compras online? Veja no Fórum do TechTudo

Evite fazer compras online em computadores públicos 

Máquinas públicas como as de Lan Houses ou faculdade não são recomendadas para a compra online, uma vez que o ideal seria fazer isso no seu próprio computador. Elas podem não ter recursos de segurança, como atualizações do sistema operacional e antivírus capazes de proteger seus dados.

Caso você faça sua compra em dispositivos pessoais, mantenha seus programas de proteção sempre atualizados. Existem muitos sites na Internet mal intencionados que se "disfarçam" para roubar seus dados.

Portanto, manter seu computador sempre protegido é a melhor forma de se prevenir contra esses ataques virtuais. Veja no TechTudo Downloads os melhores antivírus grátis para Windows e aproveite para conferir opções de antivírus para Android. Os gerenciadores de senhas também podem ser úteis. 

Atenção redobrada com compras internacionais

Fazer compras em sites estrangeiros permite aos consumidores encontrar produtos que não temos ou por preços mais baratos, sem impostos. Mas, é preciso muito cuidado para não ser enganado. A maioria dos produtos vindos de fora são taxados. O valor dos impostos mais a taxa de frete pode fazer o preço final da mercadoria sair até mais cara do que o produto sairia no Brasil, além de demorar mais a chegar.

Confira o kit do TechTudo com os melhores aplicativos para rastrear suas compras online

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Ernane
    2015-12-17T08:28:37

    Estes dia fui buscar uma encomenda no correio e antes de assinar o papel de retirada ,eu quis abrir antes, a encomenda para conferir o produto , mais o atendente muito mal educado se negou a me entregar a mercadoria , antes que eu assina-se o recibo .Queria saber : é direito do consumidor conferir a encomenda antes de assinar o recibo e se a mercadoria estiver danificada ,devo deixar a encomenda no correio , qual o numero da lei do consumidor que garante este direito se existir !!!!!

  • Leandro Lacerda
    2014-11-25T22:21:16

    Gosto acompanhar as ofertas pela Econovia, o comparador monitora apenas lojas e marcas conhecidas além de mostrar de cara as melhores ofertas. Na sexta vão atualizar os preços a cada 10 minutos.

  • João Carvalho
    2014-11-25T11:10:39

    É pra isso que criamos um comparador de preços, somente com ofertas de lojas confiáveis e conhecidas no mercado. Conheça o "FindPrice".

  • Leandro Lacerda
    2014-11-25T22:07:41

    Gosto de acompanhar as ofertas pela Econovia, o comparador monitora apenas lojas e marcas conhecidas além de mostrar de cara as melhores ofertas. Na sexta vão atualizar os preços a cada 10 minutos.

  • Rafael Cruzeiro
    2014-11-25T09:53:21

    As dicas apresentadas aqui são válidas para pequenas e médias empresas do varejo; mas a melhor dica de todas é: não caia nessa história do Black Friday no Brasil. Simplesmente não adianta, as empresas -e me refiro às de grande porte- não aprendem. Vou dar um exemplo: venho acompanhando um HT da Sony que custa R$3.999 na loja oficial em 3 das maiores redes de varejo do país: não havia encontrado o produto por mais do que o preço original, até o início deste mês: enquanto em uma loja acabou, as outras simplesmente aumentaram o preço pra R$4.999, vindo a aplicar um desconto para R$4.400.