Internet

24/08/2015 07h00 - Atualizado em 24/08/2015 11h26

Bing cria atalho de busca que funciona dentro de outros apps no Android

Raquel Freire
por
Para o TechTudo

O Bing desenvolveu uma nova API que permite que desenvolvedores integrem seus apps ao mecanismo de buscas da Microsoft. Com a Bing knowledge and action graph, os usuários Android poderão fazer consultas de qualquer conteúdo a partir do próprio aplicativo, evitando que saiam do programa para procurar informações relevantes. 

Duke Kahanamoku, pai do surf moderno, ganha 'Doodle Havaiano'

Basta manter o botão home pressionado para que o Bing leia o conteúdo mostrado na tela e apresente diversos dados relacionados. A nova API pode ser usada em diferentes tipos de apps, sejam eles mensageiros, de música ou uma rede social.

Nova API do Bing permite consultas a partir de qualquer app no Android (Foto: Divulgação)Nova API do Bing permite consultas a partir de qualquer app no Android (Foto: Divulgação)

Para ilustrar, o usuário pode acionar o comando ao ver o post de um amigo no Facebook sobre determinado passeio. A nova funcionalidade mostraria fatos importantes sobre o lugar, serviços e aplicativos relevantes, funcionando como um guia de viagens.

Qual o melhor buscador Google ou Baidu? Comente no Fórum do TechTudo

 Para sustentar a importância da novidade, a Microsoft diz que o Bing tem mais de um bilhão de entidades cadastradas, entre pessoas, lugares e coisas. Para cada uma delas, há mais de 21 bilhões de fatos associados, 18 bilhões de links para ações-chave e mais de 5 bilhões de relações entre entidades. Milhões de usuários do Bing usam estas informações diariamente, seja no bing.com, Cortana, Xbox, Microsoft Office ou outras plataformas.

A Bing knowledge and action graph estará disponível em breve e pode ser solicitada pelo e-mail partnerwithbing@microsoft.com. Já a nova API do Bing, também reformulada, já pode ser baixada na Central de Desenvolvedores.

Via Bing 


Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares