Celular

13/08/2015 09h00 - Atualizado em 13/08/2015 09h00

Hackers usam SMS para controlar carros conectados à distância

Paulo Alves
por
Para o TechTudo

Carros conectados à Internet podem ser controlados à distância através de mensagens SMS. O golpe, que pode afetar até os freios do automóvel, coloca em risco mais de 18 milhões de veículos, inclusive, fabricados no Brasil. A descoberta é de um estudo da Universidade da Califórnia e representa um grande perigo para os motoristas. 

Conheça os principais golpes em smartphones e veja como se proteger

Carros conectados à internet, como o Tesla S, deverão ser alvo de ataques cibernéticos antes do que se imagina (Foto: Divulgação/Tesla) (Foto: Carros conectados à internet, como o Tesla S, deverão ser alvo de ataques cibernéticos antes do que se imagina (Foto: Divulgação/Tesla))Carros conectados à internet podem ser alvo de golpe que coloca motoristas em risco (Foto: Divulgação/Tesla)



Com o golpe, é possível enviar comandos para o carro através de mensagens SMS e assim controlar suas ações. No caso estudado, um Chevrolet Corvette, carro de luxo que custa cerca de R$ 500 mil, foi controlado remotamente - seus limpadores de para-brisa foram ativados e os freios desabilitados por completo. 

A vulnerabilidade aparece quando o proprietário conecta um dispositivo com chip SIM na porta OBD II do carro. Essa saída está presente em diversos tipos de veículos, e não somente em versões inteligentes com Android Auto ou Apple CarPlay, por exemplo. Originalmente, as portas servem para que mecânicos façam testes nos componentes elétricos do automóvel. 

Hackers usam SMS para invadir carro e controlar até freios (Foto: Reprodução/YouTube)Hackers usam SMS para invadir carro e controlar até freios (Foto: Reprodução/YouTube)

18 milhões de carros em risco no Brasil

Só no Brasil, há cerca de 18 milhões de carros com essa conexão disponível, basicamente qualquer modelo fabricado desde 2010. É essa tecnologia, por exemplo, que permite que operadoras de telefonia ofereçam plano de dados para o carro, usando um chip SIM que pode, no fim das contas, dar acesso a criminosos virtuais.

Como remover vírus do Android? Veja no Fórum do TechTudo.

Para realizar esse golpe, o criminoso deve saber o número conectado ao automóvel. Então, a não ser que haja uma falha de segurança que deixe essa informação pública, o hacker precisará fazer tentativas manuais até descobri-lo. 

O estudo ainda é recente, e não há qualquer registro de que isso já tenha acontecido em decorrência de ataques criminosos. Mas, a preocupação deve existir, e os pesquisadores fazem um alerta para fabricantes de carro e para empresas que vendem dispositivos com conexão à OBD II: é importante proteger o número de celular a qualquer custo para evitar problemas graves. 

Via Engadget

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Rafael Cruzeiro
    2015-08-13T11:30:09  

    Agora vi vantagem em ser pobre.

    recentes

    populares

    • Rafael Cruzeiro
      2015-08-13T11:30:09  

      kkkkkkkkkkk....drx