Sistemas Operacionais

11/08/2015 13h39 - Atualizado em 11/08/2015 14h08

Microsoft lança Windows 10 IoT Core para a Internet das Coisas

Aline Jesus
por
Para o TechTudo

A Microsoft anunciou oficialmente o lançamento do Windows 10 IoT Core, uma edição do seu novo sistema operacional voltada para a Internet das Coisas. Compatível com placas Raspberry Pi 2 e MinnowBoard Max, a versão chega com muitas possibilidades de prototipagem para desenvolvedores.

Physical Web: entenda o projeto sobre a Internet da Coisas do Google

Windows 10 para a Internet das Coisas está em destaque na Microsoft (Foto: Reprodução/Aline Jesus)Windows 10 para a Internet das Coisas está em destaque na Microsoft (Foto: Reprodução/Aline Jesus)

O que é o Windows 10 IoT Core

A Microsoft já havia anunciado que o Windows 10 para a Internet das Coisas seria dividido em “classes”. Essa é a primeira delas: dispositivos pequenos que podem ter ou não telas. Além dela, ainda vão ser disponibilizadas uma versão para os dispositivos móveis e outra para os de indústria.

Sistema é dividido em tipos de dispositivos (Foto: Reprodução/Aline Jesus)Sistema é dividido em tipos de dispositivos (Foto: Reprodução/Aline Jesus)


Qual é o melhor Windows de todos os tempos? Comente no Fórum do TechTudo.

No Windows 10 IoT Core, os aplicativos que são produzidos por desenvolvedores são os Apps Universais. Além disso, a exigência de hardware onde a máquina vai rodar é bem pequena: 256 MB de RAM e 2 GB de espaço para armazenamento. O sistema ainda é compatível com os processadores X86 ou ARM.

Desenvolvida para trabalhar com linguagens open source, essa versão pode ser usada com o Visual Studio. A atualização para ela, que estava em testes desde a Build, traz suporte a Wi-Fi e Bluetooth, novas APIs, que facilitam o controle de configurações e melhorias de performance no Raspberry Pi 2.

Raspberry Pi 2 pode rodar o Windows 10 IoT (Foto: Reprodução/Aline Jesus)Raspberry Pi 2 pode rodar o Windows 10 IoT (Foto: Reprodução/Aline Jesus)

Trabalhar com o Windows 10 IoT Core é simples para desenvolvedores. Basta baixar o Visual Studio 2015 e outros programas que podem ajudar no PC. Depois, é só instalar o Windows 10 IoT Core no dispositivo, configurá-lo e começar a criar seu app universal. Segundo a Microsoft, isso tudo pode ser feito em aproximadamente 3 horas.

A Internet das Coisas

Internet das Coisas é o termo usado para se referir ao conceito de dispositivos que não são tradicionalmente conhecidos como tecnológicos, mas que atualmente ganharam as possibilidades de serem “conectados”. Eletrodomésticos, acessórios vestíveis, como roupas e calçados, são alguns exemplos disso. Esse novo Windows IoT visa popularizar ainda mais essa ideia.

Air Hockey Robot

Mesa de hóquei de ar totalmente controlada pelo Windows 10 (Foto: Divulgação/Microsoft)Mesa de "hóquei de ar" totalmente controlada pelo Windows 10 (Foto: Divulgação/Microsoft)

Robôs, por exemplo, são uma boa aplicação para o Windows IoT. Air Hockey Robot é uma mesa de “hóquei de ar”, como aquelas nos parques de shoppings, totalmente robotizada, usando um sistema da Microsoft para rodar.

No site da Microsoft para Internet das Coisas, é possível ver alguns outros projetos de utilização do Windows 10 IoT: o Windows Remote Arduino, que cria um controle remoto usando uma placa de arduíno, uma Weather Station, para identificar informações sobre o clima, e muitos outros.

Via Microsoft e Windows Dev Center

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares