Redes sociais

15/09/2015 12h35 - Atualizado em 15/09/2015 12h35

Facebook pode lançar aplicativo de realidade virtual, diz site

Filipe Garrett
por
Para o TechTudo

O Facebook está desenvolvendo um aplicativo de imersão em realidade virtual. O software teria suporte a vídeos gravados em 360 graus, que os usuários poderiam explorar em diferentes ângulos apenas inclinando seus smartphones, segundo informações do Wall Street Journal divulgadas no domingo (13). O app estará disponível tanto para iOS, como para Android

Facebook anuncia mais detalhes sobre o Oculus Rift que chegará em 2016

O interessante na ideia é a possibilidade de visualizar conteúdo de realidade virtual sem a ajuda do Oculus Rift, que também é do Facebook e deve chegar ao mercado no ano que vem.  

Facebook no Mobile (com marca d'água) (1) (Foto: Luciana Maline/TechTudo)App do Facebook pode exibir vídeos em 360° (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

O aplicativo seria capaz, portanto, de gerar uma experiência de interação similar à de óculos de realidade virtual. Segundo fontes do jornal, o projeto ainda está em fases iniciais, e por isso, ainda não existem mais detalhes sobre o aplicativo. 

Vídeos em 360°

Os vídeos em 360 graus são produzidos por câmeras especiais, como a Odyssey, desenvolvida pela GoPro e Google. O resultado final é uma gravação que permite diversas perspectivas e que o usuário, dotado de algum dispositivo de realidade virtual, pode navegar e explorar por diferentes ângulos.

O Facebook anunciou também, na F8, conferência para desenvolvedores realizada em março, que trabalha para implementar o suporte a vídeos em 360 graus no feed da rede social. Com a chegada do aplicativo em questão, o Facebook poderia competir com o  YouTube, que já oferece esse suporte.

Qual a sua opinião sobre o Oculus Rift? Opine no Fórum do TechTudo.

Via WSJ, Mashable e The Verge


Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares