Internet

26/04/2016 17h33 - Atualizado em 26/04/2016 17h39

YouTube ganha novo tipo de anúncio de 6 segundos sem botão pular

João Kurtz
por
Para o TechTudo

A partir de maio, os usuários do YouTube vão encontrar um novo tipo de publicidade nos vídeos do site do Google. Anunciada oficialmente na terça-feira (26), o novo formato de anúncio terá apenas seis segundos de duração e não poderá ser pulado com um clique, sendo necessário visualizar por completo antes de assistir a um vídeo. O formato, que já passou pela fase de testes, já pode ser adquirido por anunciantes, apesar de só entrar em circulação no próximo mês.

Cinco truques para mudar a URL do YouTube, baixar vídeos e criar GIFs

Veja como apagar o histórico de vídeos curtidos no YouTube (Foto: Melissa Cruz/TechTudo) (Foto: Veja como apagar o histórico de vídeos curtidos no YouTube (Foto: Melissa Cruz/TechTudo))YouTube (Foto: Melissa Cruz/TechTudo)

O novo anúncio recebeu o nome de “bumper” (pára-choques, em tradução literal), e foram pensadas para serem usadas nas plataformas móveis do YouTube. Segundo o Google, as propagandas são “ideais para aumentar o alcance e frequência dos vídeos, especialmente nas plataformas móveis, onde conteúdos curtos são mais vistos”.

Como fazer download de vídeos do Youtube pelo Google Chrome? Troque dicas no Fórum do TechTudo.

Os primeiros testes com os bumpers foram feitos com a Atlantic Records, que usou o formato para promover o novo disco da banda Rudimental. “Nestes testes, os bumpers aumentaram várias métricas como lembrança, consciência e consideração”, diz o Google, no blog do AdWords.

Novo álbum da banda Rudimental foi o primeiro anúncio no novo formato do Google (Foto: Reprodução/YouTube)Novo álbum da banda Rudimental foi o primeiro anúncio no novo formato do Google (Foto: Reprodução/YouTube)

A gigante de buscas aponta que o formato é ideal para o uso de conteúdo em série, com vários fragmentos de vídeo. “Nós gostamos de pensar nos bumpers como os haikais de vídeos de publicidade e estamos animados para descobrir o que a comunidade vai criar com eles”, finaliza.

Via Google Adwords e The Next Web

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Chaves Paragoto
    2016-04-27T04:25:13

    Se a internet for de franquia, vou ter que pagar pela propaganda... tchau youtube.