Câmera

17/10/2016 07h00 - Atualizado em 17/10/2016 07h50

Câmera Nikon ganha acessório para fotografar estrelas em alta resolução

Barbara Mannara
por
Para o TechTudo

A Primaluce Lab projetou uma versão da câmera DSLR Nikon D5500 integrada com o sensor D5500a Cooled, que permite registrar fotos noturnas de alta qualidade. Isso ocorre porque a ferramenta reduz visivelmente os ruídos das imagens durante longa exposição, o que é ideal para tirar fotos de estrelas, da Lua e até nebulosas com maior nitidez. 

Qual câmera Nikon é a melhor para fotografias amadoras e profissionais?

Para os fãs de astronomia e fotografia espacial, é preciso saber que isso tem um preço bastante salgado. O acessório, que vem acoplado ao corpo da câmera - mas sem as lentes - tem preço de € 2.190 (R$ 7.673, no câmbio atual, sem impostos) com entrega para o Brasil.

Dispositivo D5500a Cooled acoplado na câmera Nikon permite registrar fotos noturnas de estrelas e nebulosas (Foto: Divulgação/Primaluce Lab)Dispositivo D5500a Cooled acoplado na câmera Nikon permite registrar fotos noturnas de estrelas e nebulosas (Foto: Divulgação/Primaluce Lab)

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Quem quiser comprar a câmera modificada precisa saber que o corpo fica maior e mais pesado com o D5500a Cooled na parte traseira. Uma das vantagens é que todas as ações são controladas diretamente pela câmera, sem precisar de um computador externo. No entanto, como ele funciona? O recurso promete reduzir a temperatura em 27º C em relação ao ambiente externo, usando dupla célula de Peltier.

D5500a resfria em fotos de longa exposição reduzindo os ruídos (à esquerda) em comparação o câmeras tradicionais (à direita) (Foto: Divulgação/Primaluce Lab)D5500a resfria em fotos de longa exposição reduzindo os ruídos (à esquerda) em comparação o câmeras tradicionais (à direita) (Foto: Divulgação/Primaluce Lab)

Isso faz diferença em fotos de longa exposição, porque o dispositivo garante que a câmera vai manter uma temperatura baixa ao longo de todo esse tempo, de forma constante, reduzindo assim os ruídos de captação de imagem. Para encaixar o dispositivo extra, o display de 3,2″ teve que ser mantido na lateral, sem poder ser dobrado, mas continua presente com a função sensível ao toque.

Filtro da câmera original também é alterado para ter maior sensibilidade (Foto: Divulgação/Primaluce Lab)Filtro da câmera original também é alterado para ter maior sensibilidade (Foto: Divulgação/Primaluce Lab)

Para usar a câmera modificada, é indicado levar um tripé para aguentar o peso extra. Além disso, o aparelho exige uma fonte externa de energia, que supre, inclusive, no lugar da bateria da câmera. Isso permite a você tirar fotos por tempo indeterminado, sem precisar se preocupar com a carga. O recurso não é oficial da Nikon, mas usa como base um corpo da Nikon D5500 para acoplar o sensor.

Foto de nebulosa registrada com o D5500a integrado na Nikon (Foto: Divulgação/Primalice Lab)Foto de nebulosa registrada com o D5500a integrado na Nikon (Foto: Divulgação/Primalice Lab)

O filtro frontal da câmera original é modificado para oferecer maior sensibilidade e captar os comprimentos de onda e cores emitidos por estrelas e nebulosas no céu noturno, como H-alpha. Há ainda um sistema que controla o aquecimento em equilíbrio com a umidade ambiente. O usuário pode configurar e disparar as fotos com botões eletrônicos, o que permite um tempo de exposição de até 900 segundos. Os brasileiros que se interessarem poderão comprar a câmera com entrega no país, com frete de € 133 (cerca de R$ 465, no sistema de envio rápido).

Via Primaluce Lab

Qual câmera comprar? Descubra no Fórum do TechTudo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares