Jogos de ação

27/10/2016 06h00 - Atualizado em 27/10/2016 06h00

Confira as primeiras impressões do jogo Call of Duty: Infinite Warfare

Victor Alcaíde Teixeira
por
Para o TechTudo

Call of Duty: Infinite Warfare é o novo jogo de tiro em primeira pessoa da franquia da Activision. Previsto para chegar às lojas em 4 de novembro com versões para PS4, Xbox One e PC, o título entrou em fase aberta de testes para mostrar mapas, armas e classes inéditas. Confira as impressões do multiplayer:

Veja a evolução dos gráficos de Call of Duty, popular franquia de tiro

Um salto para frente, dois saltos para trás

A série Call of Duty parece ter tomado um caminho sem volta. Enquanto os fãs pedem incansavelmente um novo game baseado em guerras do passado, a produtora Infinity Ward, na contramão dos pedidos, resolve dar um passo ainda maior em direção ao futuro. Dessa vez, o tiroteio acontece no espaço.

Call of Duty: Infinite Warfare: confira as impressões (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Call of Duty: Infinite Warfare: confira as impressões (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)

O beta aberto de Infinite Warfare expôs poucas novidades em relação ao game anterior, a começar pelos menus, que são praticamente idênticos aos de Call of Duty: Black Ops 3. A interface foi levemente modificada, mas a sensação é de estar, de fato, jogando mais um conteúdo adicional de Black Ops 3.

Na aba de seleção de personagem, no entanto, é possível notar os primeiros – e raros – resquícios de originalidade. Há seis tipos de classe disponíveis, sendo que apenas três são jogáveis na versão de demonstração. A classe de assalto Warfighter, por exemplo, não é tão resistente, mas se movimenta de forma mais ágil. Já o robô Merc, a segunda opção habilitada, é mais lento, porém absorve mais dano.

Além da escolha da classe, você pode personalizar o combatente com capacetes, uniformes, gestos e provocações. Os itens, como de praxe, poderão ser adquiridos por meio do mercado negro, que vai continuar comercializando pacotes e acessórios cosméticos.

Call of Duty: Infinite Warfare: novas classes disponíveis no multiplayer (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Call of Duty: Infinite Warfare: novas classes disponíveis no multiplayer (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)

Em termos de jogabilidade, a ação de Infinite Warfare permanece rápida – talvez até mais rápida do que Black Ops 3 – como em seus antecessores. Pulos duplos e esquivas pontuais estão presentes, o que garante encontros frequentes entre adversários e, consequentemente, embates frenéticos.

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

A principal novidade é o ajuste no Time to Kill, ou seja, no tempo que leva para derrubar o adversário. Agora, é preciso acertar tiros mais precisos e com mais frequência, posto que os rivais aguentam receber mais disparos. Em comparação aos três últimos jogos, este é, de longe, o que exige mais da mira calibrada.

Se por um lado temos um gameplay sólido, com pequenas alterações bem-vindas, por outro, o que se vê é um jogo de tiro com mapas genéricos e armas recicladas. Embora seja capaz de personalizar os armamentos com cores e skins, todos eles parecem ter saído de um DLC de Black Ops 3. Sim, originalidade zero.


O mesmo pode ser dito dos mapas com tom futurista. Infelizmente, não é possível formar uma opinião concreta sobre o conteúdo final do jogo, tendo em vista que poucos mapas ficaram à disposição dos jogadores. Os cenários exibidos têm diversos corredores e são restritos em extensão, o que pode acabar cansando rapidamente depois de um certo tempo de jogo.

Além disso, boa parte dos mapas não foram arquitetados para extrair o melhor da movimentação dos personagens. Isso significa que há poucos lugares para executar pulos duplos e ações refinadas. Se fosse para manter os combates estritamente lineares, teria sido melhor limitar a mobilidade.

O visual, por sua vez, traz a mesma qualidade de Black Ops 3 – a engine, inclusive, é a mesma. Mesmo sem grandes avanços, as modelagens, sombras e luzes são de extremo bom gosto, algo que já é característico da franquia.

Conclusão

Infinite Warfare certamente vai manter a tradição da série ao proporcionar, mais uma vez, bons momentos no modo online. Apesar disso, Call of Duty sofre com sérios problemas de identidade, mesmo com todas as suas qualidades de gameplay. Mapas genéricos e conteúdo reciclado não devem passar despercebidos nesta nova versão. Não dessa vez.

Qual o melhor Call of Duty da franquia? Comente no Fórum do TechTudo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Comentador Franco
    2016-10-28T09:37:15  

    Esse ano temos boas opções de FPS.. uma pena que eu esteja ficando velho e perdendo os reflexos pra poder jogar online. Atualmente entro nas sessões basicamente pra servir de alvo pra garotada kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    recentes

    populares

    • Comentador Franco
      2016-10-28T09:37:15  

      Difícil opinar sobre um jogo que ainda não foi lançado, mas a expectativa, pelo que já vimos, é de que deixe muito a desejar. De que adianta incluírem atores famosos, mas deixarem de lado o gosto dos fãs da série? Quem é que anda pedindo pra COD avançar no futuro adentro? Um ponto a mais pra Eletronic Arts, que ouviu seus consumidores e retornou à primeira guerra mundial.

    recentes

    populares

    • Comentador Franco
      2016-10-28T09:37:15  

      Pior que estou igual a você, esses jogos futurista os caras são ninjas saem voando e matando do alto mesmo. Por isso prefiro os jogos tradicionais de tiro, o negócio é migrar para o BF1.

  • Thiago
    2016-11-01T09:51:59

    Não me adaptei a essa modernidade de jogabilidade. Prefiro o velho e tradicional estilo de jogo. O jeito é partir para BF1.

  • Victor
    2016-10-27T14:45:25  

    Vou de Titanfall 2 e BF1. CoD este ano não vai dar com essa pegada futurista. Péssimo.

    recentes

    populares

    • Victor
      2016-10-27T14:45:25  

      Joguei a beta e esta igualzinho ao black ops 3, só mudou o personagem, ficou mais do mesmo, sem falar que eles ficam reaproveitando os mapas dos jogos antigos. Acho que esta faltando criatividade e inovação nas séries COD. Faz anos que jogo COD mas com muita dor no coração digo que agora terei que ir de BF 1.

  • Daniel Alves
    2016-10-30T00:34:33

    Nem vejo a hora de comprar... principalmente fazer o campeonato online... com certeza vai ser legal. Melhor jogo de tiro.

  • Allen Franco
    2016-10-29T16:42:11

    Vou comprar... acho que se falam muito mas o jogo esta com muito detalhe... vai valer a pena sim.

  • Ricardo
    2016-10-29T15:01:56

    Infelizmente essa produtora, entre outras, está focada no público infantojuvenil. Tá difícil achar jogos realmente interessantes.