Video game

16/01/2017 11h30 - Atualizado em 16/01/2017 11h30

Nintendo Switch vai funcionar com cabo padrão USB-C

Felipe Demartini
por
Para o TechTudo

O Nintendo Switch será seu primeiro console a não contar com um cabo proprietário para recarregamento de bateria. Em vez de uma solução criada pela própria empresa, a fabricante vai adotar o padrão USB-C para seu novo console, permitindo que os usuários utilizem não apenas os cabos fornecidos pela própria companhia, mas também carregadores de outros aparelhos como celulares e notebooks.

Lista traz 10 jogos já confirmados para o novo Nintendo Switch

Apesar de ter mudado o padrão para um mais abrangente, entretanto, a Nintendo ainda mantém restritas as opções dentro da caixa do Nintendo Switch, que acompanhará apenas o carregador que se conecta à doca do videogame, a mesma utilizada para jogar na televisão. Quem desejar fazer uso de soluções móveis de energia poderá comprar fontes da própria empresa separadamente, ou então, utilizar soluções de terceiros.

Nintendo Switch é o primeiro da marca a abandonar os carregadores proprietários (Foto: Reprodução/Felipe Demartini)Nintendo Switch é o primeiro da marca a abandonar os carregadores proprietários (Foto: Reprodução/Felipe Demartini)

Essa é a principal vantagem do USB-C, um padrão recente da indústria de eletrônicos que, aos poucos, vem aparecendo, principalmente, em celulares e computadores. Além de levar energia, a tecnologia é capaz de transmitir dados e imagens, servindo, por exemplo, para recarregar seu smartphone ou transmitir a imagem para um monitor. Ainda, o cabo é reversível, ou seja, não importa a posição em que o usuário tentar conectá-lo, ele sempre vai encaixar.

 A ideia veio como uma pequena boa notícia para os fãs e faz parte de um movimento recente da Nintendo, que apesar de ainda usar cabos proprietários, vinha tentando reduzir o volume deles. O Wii U, por exemplo, utiliza o mesmo carregador do 3DS, e o portátil chegou a ter versões sem cabo de energia como uma forma de economizar custos de produção e reduzir o número de componentes para os usuários.

O Nintendo Switch chega no dia 3 de março às lojas dos Estados Unidos. Lá fora, ele vai custar US$ 300, cerca de R$ 960 sem contar os impostos. Ainda não há uma data prevista de lançamento para o Brasil.

O que você achou dos anúncios do Nintendo Switch? Deixe sua opinião em nosso Fórum!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Douglas Marques
    2017-12-06T11:11:32

    NAO ITILIZEM CABOS C NORMAIS PRA CARREGAR O SWITCH!!! A Nintendo tem que cagar em alguma coisa, e no Switch, foi na voltagem. Tem que ser usado uma fonte específica pra Switch. Joguem no Google "fried Nintendo Switch Type C Cable" e chorem de pena. Gente que usou o adaptador de tomada original da Samsung, por exemplo, teve o Switch queimado e ainda não há peça de reposição. Utilizem apenas carregadores originais.