Jogos de estratégia

NOTA tt
6.0

Review Angry Birds Go

Leia a análise da estreia dos pássaros mais famosos do mundo em seu game de corrida

Murilo Molina
por
em

Angry Birds Go! é a mais recente investida da Rovio na série dos pássaros mais famosos do mundo, dessa vez nas pistas de corrida. Lançado gratuitamente para iOS, Android e Windows Phone, o game é charmoso e divertido, mas é assolado pelo péssimo sistema de microtransações. Leia a análise completa:

Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)

Voando baixo

Angry Birds é sem dúvida uma das franquias de crescimento mais rápido dos últimos tempos. Os pássaros da Rovio sairam da tela de celulares e portáteis para ocupar espaço de destaque em consoles, PCs, TV e cultura pop em geral.

O novo Angry Birds Go! é uma prova da popularidade da série, que deixa de lado a fórmula clássica de atirar aves em porcos para seguir para as pistas de kart, onde pássaros e suínos se enfrentam em acirradas corridas.

A fórmula é bastante simples. No total, são cinco tipos de corridas, que vão desde racha um contra um, até provas onde é necessário detonar o maior número de frutas possível em uma volta. Assim como nos jogos da série, as fases são divididas por mundos, onde é necessário vencer as provas e derrotar chefes, que tornam-se disponíveis para a seleção em corridas, junto de novos carros.

Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)

Motor fundido

O progresso no jogo é baseado em moedas e diamantes coletados durante as voltas. Para avançar pelas corridas, é necessário fazer upgrades constantes nos carros, ou então não é possível participar da prova.

O problema é que nem sempre as moedas são fáceis de conseguir. Isso torna o avanço mais lento e moroso do que deveria, a não ser que o jogador se disponha a pagar pelas moedas e diamantes, que são vendidas por dinheiro real na loja do jogo.

Os problemas não param por aí, já que após algumas poucas corridas, os pássaros corredores se cansam, tornando-os indisponíveis por cerca de meia hora. Aí, só trocando de personagem ou dando uma pausa na jogatina. Pra variar, uma conveniente opção permite que alguns diamantes recupere os personagens da fadiga, tornando-os disponíveis imediatamente.

Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)

Para correr no ponto de ônibus

Angry Birds Go! é um exemplo de como a jogabilidade de um game para telefones deve ser. É possível escolher entre os toques na tela ou o sensor de movimento para controlar os karts. Como as pistas são basicamente ladeiras, o jogo dispensa qualque botão de aceleração ou frenagem, tornando a jogabilidade incrívelmente simples.

As duas formas de controle são bastante funcionais e precisas, funcionando sem nenhum tipo de atraso ou dificuldade, como visto em tantos outros jogos para smartphones e tablets.

Tradicionalmente, as mecânicas são bastante fáceis e intuitiva, abrindo as portas até mesmo para novos jogadores, que não têm nenhuma intimidade com jogos em geral, seja em gadgets ou consoles.

Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)

Estréia 3D

O visual segue a linha cartunesca dos jogos anteriores, com traços fortes e cores vibrantes. O game trocou pela primeira vez o ambiente 2D por um espaço tridimensional, que apesar de novo, traz todo o carisma do universo Angry Birds.

As pistas, apesar de poucas, são bem desenhadas e cheias de pequenos detalhes. Os personagens também foram bem modelados, assim como os carrinhos, que ganham novas peças e aparências a cada atualização.

Em testes no Windows Phone e IOS, o jogo rodou sem apresentar grandes engasgos ou travamentos, mesmo com outros aplicativos abertos. A taxa de frames é estável e não causa problemas durante a jogatina.

O audio remete inteiramente aos antigos Angry Birds. Músicas, efeitos e os gritos esganiçados característicos dos personagens marcam presença, deixando o clima ainda mais familiar.

Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)Review: Angry Birds Go! é divertido, mas foi arruinado por microtransações (Reprodução/Murilo Molina)

Corrida solitária

Infelizmente a possibilidade de jogar online com amigos foi ignorada, mesmo sendo um dos pontos de maior sucesso entre games do gênero, como Mario Kart. Essa seria uma ótima maneira de aproveitar a ótima jogabilidade do game sem ter que aturar os limites impostos pela campanha.

Uma boa ideia seria o lançamento de uma versão paga, que elimina todas as irritantes limitações de corridas e moedas, liberando a divertida experiência de Go! para quem só quer se divertir usando o seu gadget favorito.

Conclusão

Angry Birds Go! é um ótimo jogo que foi arruinado por algumas péssimas escolhas. Com jogabilidade simples e funcional, bonitos gráficos e modos de jogo interessantes, o game só não é uma das melhores opções para smartphones e tablets por conta da chatas interrupções forçadas, que praticamente obrigam o jogador a pagar por mais alguns minutos de jogatina.

Angry Birds Go! já figura entre os seus jogos favoritos para smartphone? Acesse o Fórum do TechTudo e deixe a sua opinião.

Nota TechTudo

NOTA tt
6.0
Gráficos
7
Jogabilidade
8
Diversão
4
Som
7

Prós

  • - Jogabilidade simples e precisa
  • - Bons gráficos
  • - Preserva a personalidade da série

Contras

  • - Sistema de microtransações incômodo
  • - Ausência de multiplayer
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares