Por Murilo Molina; Por TechTudo

TechTudo

Call of Duty: Black Ops 3 é a mais recente versão do game de tiro anual da Activision, desta vez desenvolvido pela Treyarch. Lançado para Xbox One, PS4, Xbox 360, PlayStation 3 e PC, o jogo dá continuidade à longa tradição da franquia em multiplayer online, e também revitaliza o modo campanha com algumas novidades. Confira a seguir a análise completa do título.

Ambientado em 2065, o enredo destaca os eventos e combates do esquadrão Black Ops, e aposta nas tradicionais passagens cinematográficas que fizeram a fama da franquia desde as primeiras versões.

Confira o review de call of Duty: Black Ops 3 (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Tendo robôs como principais e mais perigosos inimigos da campanha, os jogadores também podem abusar de vários tipos de poderes especiais, desbloqueados com o avanço na história, e que ajudam na difícil tarefa de conter os ataques das máquinas.

Os poderes são desbloqueados em uma espécie de árvore de habilidades, na qual é possível direcionar as especialidades do seu soldado ao estilo de jogo, e facilitar os combates. Isso também abre espaço para uma variedade enorme de combinações, que pode facilmente justificar que um jogador termine a campanha duas ou mais vezes, no comando de estratégias e personagens distintos.

Modo campanha não é inovador (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Apesar das novidades, que de fato trazem algum frescor para a já batida fórmula do game, é difícil não se entediar em alguns momentos. Entre confrontos em ambientes fechados, grandes explosões e pinceladas de criatividade, o modo não deve arrancar suspiros de velhos fãs da franquia, que talvez esperassem por algo mais inovador.

Considerado por muitos o verdadeiro motivo da existência e do sucesso de Call of Duty, o multiplayer está de volta em Black Ops 3, e é um prato cheio para aqueles que aguardam ansiosos pelo lançamento de cada versão do FPS.

Com os tradicionais modos Mata-Mata em Equipe, Contra Todos, Dominação e diversos outros, o game aposta novamente em jetpacks e acrobacias para adicionar mais mobilidade e possibilidades ao combate, além da inédita opção de correr pelas paredes.

Multiplayer continua excelente em Black Ops 3 (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

A modalidade tem o sistema “Especialistas” como grande novidade, e permite aos jogadores escolherem entre nove classes, cada uma contém personagens com seu próprio visual e habilidades especiais.

Esses poderes são carregados durante as partidas e podem ser ativados usando os dois comandos de granadas ao mesmo tempo. Entre os efeitos disponíveis estão golpes físicos poderosos, aumento na velocidade, escudo protetor, detecção de inimigos e muito mais.

O que você espera do novo Black Ops 3? Opine no Fórum do TechTudo.

Cada classe tem duas habilidades, que podem ser selecionadas antes dos jogos. Os Especialistas também podem ser modificados com itens desbloqueáveis, que customizam o visual dos personagens.

Os jogadores ainda podem criar classes personalizadas, que possuem um total de 10 slots para itens, como armamentos principais e secundários, equipamentos, granadas e vantagens. Os populares skins de armas, miras modificadas e emblemas de jogador também estão disponíveis.

Sistema de especialidades é uma das novidades (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Parte importante do multiplayer, os mapas são um dos pontos fortes de Black Ops 3. Criativos e variados, os ambientes são repletos de caminhos e opções, que abrem um interessante leque de possibilidades e estratégias para os jogadores, tudo isso sem dar espaço para jogadas desonestas e repetitivas. No total são 12 localizações (além da adicional Nuk3Town).

Batizado de Shadows of Evil, o novo modo Zombies de Call of Duty: Black Ops 3 é um daqueles “extras” que mais parecem um jogo adicional. A popular modalidade chega ao game com tratamento especial e capricho de sobra.

Novo modo Zombies está caprichado (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Com seus próprios mapas e complexo sistema de evolução, o modo introduz quatro personagens divertidos e carismáticos, que devem enfrentar hordas imensas, poderosas e perigosas de zumbis.

Confira o trailer do jogo:

Mais do que só metralhar mortos-vivos, os jogadores também se envolvem na interessante história e interação entre os personagens. Agora também é possível customizar classes com armas e equipamentos, além de adquirir novas peças com o dinheiro adquirido nas partidas.

Além das novidades nas modalidades de jogo e mecânicas, Black Ops 3 também foi alvo de mudanças consideráveis no visual, que está mais bonito do que nunca. Seja nos modos campanha e Zombies, ou no multiplayer, o game aparece mais bem acabado e caprichado.

Gráficos estão mais bonitos do que nunca (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Nas versões para Xbox 360 e PlayStation 3, o visual naturalmente sofre com a falta de potência do hardware. Apesar das limitações e ausência do modo campanha, o jogo roda com muita dignidade, e não deve incomodar os jogadores, especialmente no multiplayer online.

Todos os modos também tiveram os diálogos dublados para o português do Brasil, assim como textos dos menus. A dublagem tem lá seus equívocos, mas em geral faz um trabalho honesto ao traduzir o clima do áudio original.

Call of Duty: Black Ops 3 é a prova de que jogos anuais podem ser relevantes e interessantes. Com três modos de jogo completamente diferentes e muito divertidos, o game aparece como um dos pacotes mais completos e impressionantes da geração, e mantém a série da Activision em forma para mais uma temporada.

8.8

Gráficos
8
Jogabilidade
10
Diversão
10
Som
7

Prós

  • Variedade de modos de jogo
  • Multiplayer online excelente
  • Novo sistema de Especialistas
  • Visual de primeira

Contras

  • Campanha repetitiva

Mais do TechTudo