Jogos de ação

NOTA tt
7.0

Review Defiance

Game decepciona com um mar de bugs e agrada apenas os fãs da série de TV

Felipe Vinha
por
em

Defiance é um projeto “transmídia” do canal norte-americano SyFy com o estúdio Trion, especializado em jogos online, como o elogiado Rift. Ao mesmo tempo, há uma série de TV e um jogo – para PS3, PC e Xbox 360 – chamados Defiance e os dois estão interligados, com o mesmo universo em pleno funcionamento e com consequências que pintam em um e outro.

Com esta ideia, a intenção dos produtores é fazer com que o jogo seja ainda mais interativo do que o normal, incluindo personagens do seriado e consequências que podem, ou não, influenciar no decorrer da história e em seu desenvolvimento. Mas será que funciona bem?

Defiance (Foto: Divulgação)Defiance (Foto: Divulgação)

Futurista, mas sem finais felizes

Com um ambiente futurista, Defiance apresenta aos jogadores um mundo onde humanos e aliens vivem juntos em um planeta transformado por mais de 30 anos de conflitos. Mas, durante esse tempo, muita coisa mudou além do ambiente da Terra. Alianças foram formadas, apesar dos conflitos ainda serem constantes em alguns locais.

Enquanto o seriado tem um elenco fixo de protagonistas e coadjuvantes, o game se foca no personagem do jogador. No início, os jogadores podem escolher e construir cada um, tendo a opção de criar um humano ou um alien, entre algumas raças disponíveis. Os heróis terão uma grande customização disponível nesse momento e poderão se aventurar pelo mundo jogando sozinho ou em grupo.

Defiance (Foto: Divulgação)Defiance (Foto: Divulgação)

O mais interessante no jogo é que, ainda que não tenha ligação direta com os personagens da série, ele apresenta as mesmas raças do show, além de pequenas referências que podem ser percebidas pelos fãs, a exemplo de citações de fatos que ocorreram, armas e até estilos de roupas na construção do personagem.

Sem níveis

Defiance tem uma proposta interessante no início. Como é um jogo somente online e multiplayer, é normal que tenhamos a presença de um sistema de níveis para a evolução dos personagens, certo? Errado! O game tenta apostar de forma diferente, deixando os heróis sem níveis, mas ganhando experiência que pode ser usada para melhorar habilidades, armas e poderes especiais.

A opção de limar os níveis de Defiance é até boa, já que deixa, de certa forma, as coisas meio que equilibradas para todos os participantes. Não adianta sair correndo por aí realizando missões ou matando monstros, em um ato que jogadores de MMO conhecem como “grind”, pois seu nível não vai subir por conta disso.

Defiance (Foto: Divulgação)Defiance (Foto: Divulgação)

Além da ausência de um sistema de níveis, o título também tenta inovar ao instaurar um ambiente mais cooperativo do que em outros MMOs ou similares. Como é um shooter em terceira pessoa, a ideia é que os jogadores sempre participem de missões juntos e cooperem entre elas. Mesmo um personagem que não tem relação nenhuma com sua missão pode chegar junto e te ajudar, sem trabalho algum. Além disso, o game realmente incentiva o trabalho em grupo, já que muitos chefões são difíceis de se derrotar.

Porém, há espaço para aqueles que curtem o bom e velho “PVP”, ou “Jogador contra Jogador”. Em alguns locais do gigantesco mapa é possível entrar em ambientes específicos e preparados para tal modalidade de jogo, e assim Defiance meio que se transforma, lembrando mais os modos multiplayer competitivos de games como Uncharted e Gears of War - também de tiro em terceira pessoa e repletos de ação.

Bugs, bugs ,bugs

Apesar de ser relativamente divertido e de ter ideias muito boas em sua natureza, Defiance peca em pontos cruciais, que podem acabar deixando-o de lado na prateleira do jogador. Primeiro de tudo: bugs. A aventura tem muitos, desde gráficos a problemas de conexão. Eles são constantemente corrigidos por meio de atualizações da produtora, mas isso, além de lotar seu disco rígido, acaba deixando a jogatina meio travada, já que é sempre necessário atualizar os arquivos.

Defiance (Foto: Divulgação)Defiance (Foto: Divulgação)

Em algumas sessões de jogo, presenciamos bugs bizarros, como triciclos entrando embaixo da terra, personagens que voam sem mais nem menos e caem mortos, lags incontáveis e, claro, desconexões que ocorriam sem explicação. É possível sonhar um pouco alto e imaginar que os problemas de conexão ocorram por conta da possível popularidade do jogo (vinda da série), mas esperamos que, mesmo assim, eles sejam corrigidos tão logo.

Genérico até dizer chega

Outro pequeno problema de Defiance está em seu visual e design geral. O jogo aparenta ser genérico, soa genérico e funciona de forma genérica. De longe, lembra um “Borderlands modificado”, de perto, o game não apresenta muita vida ou personalidade para cativar quem não o conhece.

Defiance (Foto: Divulgação)Defiance (Foto: Divulgação)

É claro que quem acompanha a série vai ficar com extrema vontade de jogar e conhecer mais desse universo de ficção científica, mas vai ser difícil Defiance captar mais jogadores, principalmente aqueles que não estão ligados no universo sci-fi. Os gráficos não possuem cores vivas e o design é pouco inspirado. Cabia um pouquinho mais de esforço por aqui.

Conclusão

Defiance é um bom jogo para aqueles que são fãs da série e querem se aprofundar mais neste novo universo, mas carece de uma atenção especial em alguns pontos. O jogo apresenta bugs inexplicáveis e ainda há falhas de conexão, mesmo após algumas semanas de lançamento. Apesar do visual genérico, o game tem boas ideias, como a ausência de um sistema de níveis e as habilidades que podem ser adquiridas por meio de pontos.


 

Nota TechTudo

NOTA tt
7.0
Gráficos
6
Jogabilidade
7
Diversão
8
Som
7

Prós

  • - Ausência de níveis.
  • - Universo ligado com a série.
  • - Voltado para a cooperação.

Contras

  • - Bugs online.
  • - Bugs gráficos.
  • - Visual genérico.
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares