Jogos de RPG

NOTA tt
6.5

Review Demon Gaze

Confira o review completo de um dos melhores games de RPG para PS Vita lançado este ano

Dário Coutinho
por
em

Demon Gaze é um RPG para Playstation Vita do gênero “Dungeon Crawl”, onde o jogador explora calabouços em fases com aspecto de labirinto. Com uma jogabilidade baseada na velha guarda, Demon Gaze refresca a experiência com muito fanservice e uma história maluca. Ao mesmo tempo em que o enredo pode afastar alguns jogadores, a experiência nos combates agrada pelo desafio escalonável. Veja o review.

Decotes e sexismo escondem um ótimo dungeon crawler (Foto: Divulgação)Decotes e sexismo escondem um ótimo dungeon crawler (Foto: Divulgação)

História bobinha

Em Demon Gaze, controlamos Oz, um jovem misterioso que possui a habilidade de capturar a alma de demônios, convertendo-os em personagens fofinhos que, posteriormente, podem ser utilizados nos combates.

Logo após fugir de um calabouço, ele encontra Lancelorna, uma garota que possui uma enorme cicatriz no tórax, causado por um demônio, mas mesmo assim, insiste em usar um conjuntinho decotado ao invés de uma armadura. Ela irá fornecer dicas valiosas sobre os principais comandos do game, é também através dela que nos é apresentada a história.

Misrid é uma terra assolada por demônios. Os caçadores de demônios são chamados de Demon Gazers. Porém, eles não matam os demônios, na verdade os Demon Gazers os selam, transformando-os em criaturas adoráveis. O conceito é difícil de compreender na cultura ocidental, onde “demônio”, sempre significa algo ruim. Mas Esse lance de demônio bonzinho Youkai) é bastante comum no Japão.

Nada de ficar perdido, Demon Gaze é simples e direto, vá para as dungeons e derrote os inimigos (Foto: Divulgação)Nada de ficar perdido, Demon Gaze é simples e direto, vá para as dungeons e derrote os inimigos (Foto: Divulgação)

Arte cativante para quem curte anime

O visual de Demon Gaze é bonito, apesar de ser bastante “parado”. Não há cenas de animação e os personagens aparecem apenas na forma de figuras estáticas. A dublagem em inglês funciona, mas faltou a opção para mudar para o idioma japonês, que sempre carrega mais dramaticidade na dublagem.

O estilo das personagens chama atenção, em parte pelo visual provocante. Várias personagens exibem decotes e roupas apertadas e há cenas “cômicas” sobre banhos e etc. O pacote completo para os amantes de fanservice. Contudo, esse é um dos jogos da NIS, onde há menos desse tipo de conteúdo, propositalmente colocado para capturar uma cerca audiência.

Jogabilidade oldschool

A apresentação inicial não é das melhores, com muitos diálogos sem graça focados na interação entre os personagens. Espere conversas bobinhas sobre como Oz é bonito e garotas tímidas tentando conversar com ele. Demon Gaze segue à risca o padrão dos clichês japoneses dos animes. Com doses moderadas de fanservice e humor non-sense.

Conteúdo apelativo em Demon Gaze existe, mas é bastante brando (Foto: Divulgação)Conteúdo apelativo em Demon Gaze existe, mas é bastante brando (Foto: Divulgação)

Contudo, é na jogabilidade onde o game se destaca. Em Demon Gaze, o jogador passeia por calabouços tridimensionais a procura de inimigos e formas de interagir com o jogo e dar prosseguimento a história. Essa dinâmica no estilo de antigos jogos, se destaca pelo layout elaborado das fases, algo que possibilita um fator replay muito grande.

Durante as dungeons, o jogador lutará contra demônios e alguns deles podem ser capturados com a “Demon Gauge”. Mas o jogador não poderá evocá-los em qualquer lugar, para isso, é preciso encontrar um “Summoning Circle” ou círculo de evocação, que permitirá que o demônio entre na party durante os combates. Esse sistema meio “Pokémon” cria um certo senso de “tenho que coletar todos”, e faz o jogador querer visitar cada centímetro das dungeons, em busca de todos os demônios do jogo.

O sistema para criação ou incorporação de personagens é outro grande destaque do game. O jogador pode recrutar entre humanos, elfos, anões e classes específicas do jogo como Ney e Migmy. Cada personagem irá possuir sua própria árvore com habilidades que, graças a dificuldade do game, precisará que o jogador evolua cada aspecto deles.

Jogabilidade oldschool é um dos destaques de Demon Gaze (Foto: Divulgação)Jogabilidade oldschool é um dos destaques de Demon Gaze (Foto: Divulgação)

Também é possível evocar personagens de outros jogos da NIS, a publicadora do jogo. Elas estão disponíveis através de download gratuito. São garotas demônios de jogos como Disgaea e até o famoso Prinny.

Os combates do jogo são em turnos, com visão em primeira pessoa e o jogador não vê os personagens. Apenas vê seus golpes acertando os inimigos. Parece um pouco precário, mas essa impressão é compensa graças a ótimas ilustrações dos personagens. Isso demonstra como o jogo é focado nos jogadores retrogamers e amantes deste estilo de jogabilidade.

E é justamente aqui que Demon Gaze captura sua audiência. Engana-se que pensa que o jogo é fácil e os combates existem apenas fazer lacuna entre os diálogos. Demon Gaze vai testar a paciência de quem se propor a terminá-lo. O sistema de masterização de personagens e armas também tem seus momentos. Com muitas opções para equipar os personagens. Algumas bastante óbvias e outras não, o jogo esconde algumas mixagens interessantes de itens que permitem criar armas mais poderosas.

Conclusão

Demon Gaze parece bobinho, mas com o tempo, e conforme você demora para terminá-lo, o game com personagens provocantes se revela um ótimo dungeon crawler. Os combates e exploração de cenários exigem bastante do jogador e o visual, apesar de estático, possui belas ilustrações.


PS Vita ou Nintendo 3DS. Qual o melhor? Opine no fórum do TechTudo!


Nota TechTudo

NOTA tt
6.5
Gráficos
7
Jogabilidade
7
Diversão
7
Som
5

Prós

  • - Combates intrincados
  • - Cabalouços complexos e desafiadores
  • - Personagens bem desenhados
  • - Muita coisa para coletar

Contras

  • - História sem graça
  • - Fanservices desnecessários
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares