Jogos de RPG

NOTA tt
9.0

Review The Elder Scrolls V Skyrim

Notas Nome: The Elder Scrolls V: Skyrim Gênero: RPG Distribuidora: Bethesda Softworks Plataformas: PS3, Xbox 360 e PC Gráficos: 8 Jogabilidade: 9 Diversão: 10 Som: 10 Prós - Um sistema de evolução simplificado - Uma narrativa fora do normal - Seja e faça o que você quiser no jogo - Belos gráficos em um mundo [...]

Alexandre Silva
por
em

Nome: The Elder Scrolls V: Skyrim
Gênero: RPG
Distribuidora: Bethesda Softworks (distribuído no Brasil pela NC Games)
Plataformas: PS3, Xbox 360 e PC

The Elder Scrolls V: Skyrim (Foto: Divulgação)The Elder Scrolls V: Skyrim (Foto: Divulgação)

Se existe uma frase que possa definir o jogo The Elder Scrolls V: Skyrim, essa frase é: “Diga adeus à sua vida real”. Vocês podem ter lido essa frase em outros lugares que comentem algo desse jogo, e não há uma definição melhor para ele, uma vez que você mergulha na história e começa a se aventurar em mais um pedaço do reino de Tamriel.

Normalmente, para se fazer um review, é recomendado jogar um jogo até o final, para se ter uma boa impressão de sua experiência e passar isso para os leitores. Infelizmente isso não é possível em Skyrim, pois o jogo simplesmente não termina nunca. Trata-se de uma aventura contínua, que se renova a cada dia de uma maneira inacreditável. Um mundo vasto e que transmite uma coisa não muito comum em NPCs (personagens não jogáveis) do cenário: Vida. As pessoas nas cidades trabalhando, e indo para suas casas para uma boa noite de sono, uma rotina que se repete dia após dia dentro do jogo, e uma grande interação com o jogador.

Talvez seja essa energia que faz com que Skyrim seja um jogo tão viciante. Além de um sistema simplificado de habilidades, um gerador infinito de quests e também uma trilha sonora épica a todo momento. É um jogo perfeito? Não. É um dos melhores RPGs já lançados para o videogame? Não tenham dúvidas.

The Elder Scrolls V: Skyrim (Foto: Divulgação)The Elder Scrolls V: Skyrim (Foto: Divulgação)

A tecnologia descomplicada

Esse é o slogan de um famoso site de tecnologia brasileiro, mas nesse review, essa frase também se aplica às mudanças realizadas em Skyrim, comparando-o com outros títulos da série Elder Scrolls. A intenção de Bethesda – a desenvolvedora do jogo – com esse novo título foi clara: Deixar o jogo com uma curva de aprendizado mais simples, e ainda assim manter o complexo lore de Tamriel presente.

Outra novidade de Skyrim são as perks, que são características que influenciam diretamente nas magias do personagem. Certos perks podem dar um dano adicional em magias de Fogo, por exemplo, aumentando sua eficiência, ou permitindo que o personagem possa criar poções com efeitos mais poderosos através da alquimia. As variações são inúmeras.Algumas mecânicas dos seus antecessores foram alteradas, de forma a deixar o aprendizado mais dinâmico. Para alegria de alguns e tristeza de outros, o sistema de magia é mais compacto, não permitindo o jogador criar as suas, como em Oblivion, através do Spellmaker. Cada elemento em Skyrim possui efeitos adicionais: Magias de gelo causam dano no stamina do alvo, Lighting também drena o mana, e Fogo causa dano contínuo.

The Elder Scrolls V: Skyrim (Foto: Divulgação)The Elder Scrolls V: Skyrim (Foto: Divulgação)

Também não existem certas habilidades como Athletics ou Acrobatics, tradicionais dos jogos anteriores. A escolha de raça influencia muito nas habilidades durante o jogo, pois cada uma possui uma habilidade nata diferente. Por exemplo, os High Elves podem regenerar o mana bem depressa, uma vez por dia. Os Orcs, podem entrar em um estado de fúria que os deixam mais eficientes em combates corpo-a-corpo. Nords possuem uma resistência de 50% ao elemento gelo, e assim por diante.

Ainda assim, é possível fazer um Mago Orc, ou um Elfo guerreiro. As escolhas mais importantes não são feitas durante a criação de seu personagem, mas sim quando você já está solto em Skyrim, fazendo suas aventuras e ganhando níveis. Cada habilidade pode ser aprendida individualmente, ou seja, você pode treinar furtividade se escondendo de pessoas, e assim elevar apenas a sua habilidade furtiva. Ou então, usar muito arco e flecha e assim aumentar sua perícia com essa arma.

Seja livre

O ponto mais forte de Skyrim é a sensação de liberdade em um mundo tão vasto e cheio de coisas para se fazer. Não existem rotinas em Skyrim. Você pode fazer a quest principal, onde você aprende um pouco sobre seu dom por ser um Dragonborn, ou você pode deixar isso de lado a qualquer momento e apenas explorar a paisagem sem objetivo algum. Mas não confundam as coisas: Andar sem rumo é algo que acontece por pouco tempo, pois eventualmente, aparece uma caverna ainda não explorada em seu caminho, e uma nova aventura terá início.

The Elder Scrolls V Skyrim (Foto Divulgação)The Elder Scrolls V Skyrim (Foto Divulgação)

Com tanta coisa para se fazer, muitas horas de sono serão perdidas, a ansiedade de voltar ficará em alta, e seu rendimento no trabalho pode cair um pouco devido ao sono. Mas a sensação que fica no fundo, é a de que tudo isso no fim das contas, valeu muito a pena.

Com grandes mundos, vem grandes responsabilidades

O mundo de Skyrim é literalmente, enorme. E com tantos detalhes em um terreno tão grande, a chance do jogador encontrar bugs e glitches é bem maior. Como todo jogo da Bethesda que segue o mesmo estilo, os antigos Elder Scrolls, e também Fallout 3 (que tem certas semelhanças em sua interface devido ao mesmo motor gráfico de Skyrim) também tinham muitos “pequenos defeitos” no cenário.

The Elder Scrolls V Skyrim (Foto Divulgação)The Elder Scrolls V Skyrim (Foto Divulgação)

Infelizmente, mesmo com várias atualizações vindas dos produtores, os problemas nunca são sanados completamente, mas em contrapartida, nunca estragam a experiência tão boa que se tem ao jogar. Os gráficos de Skyrim são os mais bonitos já vistos na franquia Elder Scrolls. As texturas dos personagens ficaram muito detalhadas, podemos ver manchas de sujeira nos corpos, ou até mesmo suor. E os rostos realmente lembram rostos de pessoas de verdade.

O ambiente também não deixa a desejar na qualidade gráfica. As árvores são realistas, as flores no chão (que podem ser coletadas como ingredientes de alquimia), as variações climáticas… Tudo isso colabora para que o jogador se sinta ainda mais à vontade em um mundo que esbanja beleza e ao mesmo tempo perigos a cada canto.

Cuidados que devem ser tomados

Com o novo sistema de evolução do personagem em Skyrim, é justo darmos algumas dicas importantes para evitar que o jogador se surpreenda com um problema técnico durante suas aventuras. Como citado anteriormente, cada habilidade pode ser evoluída separadamente. Usaremos como exemplo, um ladrão. Se você aperfeiçoar a habilidade Lockpick muito depressa, em pouco tempo você chegará ao nível 100 dessa habilidade.

The Elder Scrolls V Skyrim (Foto Divulgação)The Elder Scrolls V Skyrim (Foto Divulgação)

Você pode se tornar o ladrão perfeito, com 100 pontos de lockpick, certo? Errado. O nível dos inimigos é equiparado ao seu nível máximo. Na prática, isso significa combates mais acirrados, mas se você apenas evoluir uma habilidade que não é usada em combate (como abrir fechaduras), você não terá poderes suficientes para derrotar um inimigo de nível alto. Então a dica é evoluir alguma habilidade de combate, seja ela com magias ou armas.

Outro problema perceptível nos combates é a inteligência artificial, que deixa um pouco a desejar. Em vários momentos de aperto nas lutas, o jogador pode se esconder atrás de uma coluna ou uma cabana, e fazer com que o inimigo – do lado oposto – comece a tentar andar de um lado para o outro para tentar encontrar você. Essa brincadeira de “esconde esconde” é eficiente para evitar que você morra, se tiver lugar para se esconder dessa maneira, e funciona com todos os tipos de inimigos – até mesmo os temíveis dragões.

Elder Scrolls V: Skyrim (Foto: Divulgação)Elder Scrolls V: Skyrim (Foto: Divulgação)

Conclusão

Mesmo com suas mudanças e problemas relacionados ao combate e sua inteligência artificial, bugs no cenário e outros detalhes que podem ser corrigidos com atualizações, os defeitos presentes em Skyrim não tiram dele os seus pontos mais fortes: A sensação de liberdade e a narrativa. A possibilidade de você criar qualquer tipo de personagem e se comportar de maneiras diferentes a cada partida, as histórias paralelas que também são enormes (Exemplo: Thief’s Guield, The Dark Brotherhood) e que mostram outras facetas de um enredo gigantesco, completo e coeso, fazem com que The Elder Scrolls V: Skyrim esteja na lista dos melhores RPGs que você poderá ter jogado em sua vida.

Nota TechTudo

NOTA tt
9.0
Gráficos
8
Jogabilidade
9
Diversão
10
Som
10

Prós

  • - Sistema de evolução simplificado
  • - Uma narrativa fora do normal
  • - Liberdade no jogo
  • - Belos gráficos
  • - Cenário gigantesco

Contras

  • - Inteligência Artificial em combate
  • - Habilidades pouco balanceadas
  • - Sem fim
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Bruno Fernandes
    2012-02-08T11:35:08

    Ola, eu tenho este jogo para o Xbox 360, mas não consigo mudar para o modo 3ª pessoa, como eu faço pra trocar?????

  • Thiago Rosario
    2012-01-03T17:31:46

    Sr Autor da crítica, por favor, procure se informar MELHOR. Pq o motor gráfico de Skyrim NÃO é o mesmo de Fallout 3 (que se chama Gamebryo). A Bethesda desenvolveu um novo engine, especialmente para o Skyrim. Chama-se "Creation Engine". É uma falta de infomação GROSSEIRA, de um crítico preguiçoso, que não foi capaz de ler alguns textos disponíveis online sobre o jogo (eu mesmo, não tive dificuldade em achar essa informação, levei apenas dois minutos). Mostra o DESPREPARO da equipe TechTudo ao mesmo tempo q vcs SUBESTIMAM os seus leitores. Vocês podem fazer melhor que isso, acredito...

  • Vinnicius Rosa
    2016-07-03T21:52:28

    O que faz Skyrim ser bom é que os criadores priorizaram a narrativa. Apesar de que o visual é espetacular, também.

  • Andy Wursthorn
    2014-01-09T15:55:33

    O Jogo é ótimo! E o importante é se divertir, a anos atrás acredito que as pessoas se preocupavam menos com as pontuações e críticas dos jogos e o que vale mais é a diversão e a chance de se entreter com um jogo como esse. Reclamem menos gente e gosto cada um tem o seu poxa!!

  • AFONSO SILVA
    2012-02-29T15:17:24

    Bruno Fernandes, pressione o botão anlágico direito que passará p/ a camera em 3ª pessoa

  • Alexandre Silva
    2011-12-22T12:31:14

    Douglas, você com certeza não leu meu comentário sobre as notas logo abaixo. Todo jogo tem defeitos em alguns pontos, por melhor que eles sejam. O resto, é relativo do gosto de cada um. Gostar ou não da opinião alheia também é algo relativo de cada pessoa :)

  • Cleberson Pertile
    2011-12-21T17:44:34

    Não, o jogo não tem fim. Não é porque você terminou a quest principal que você terminou o jogo. Cada cidade que você vai tem várias quests, e essas quests nunca vão terminar. Você pode fazer todas as quests que quiser, quando voltar, existirão novas quests. Skyrim tem um gerador de quests infinito. É isso que significa o jogo "não ter fim".

  • Douglas Matheus
    2011-12-21T13:06:59

    PELO AMOR DE DEUS ! QUEM FEZ ESSE ESSE REVIEW ? O MELHOR JOGO DO ANO LEVAR 9 ? TA MALUCO ? CARA JOGABILIDADE 9? COMO ? EU PERGUNTO DENOVO COMO 9 ? GRAFICOS 8 ONDE JA SE VIU O TAMANHO DO MAPA , O GRAFICO DO JOGO LEVAR 8 ? MEU DEUS QUEM FEZ ESSE REVIEW DEVIA SER DEMITIDO , O JOGO NAO É LINEAR E TOTALMENTE ABERTO NAO TEM FIM QUE É UMA COISA BOA AUDIO PELO MENOS NAO TA ERRADO , PQ SE VC COLOCA FONE DE OUVIDO ENQUANDO JOGA PARECE Q TEM UM DRAGÃO NO SEU QUARTO GRITANDO DO SEU LADO . ESSE JOGO MERECE 10 NAO TEM COMO RECEBER 9 !

  • Marcos Godinho
    2011-12-20T20:48:08

    Não ter fim é ponto NEGATIVO??!?!?!

  • Nicolly Vimercate
    2012-02-08T17:15:18

    Bruno Fernandes, coloca sua dúvida no Fórum. Lá, sua pergunta vai ser respondida rapidinho! ;) http://forum.techtudo.com.br/

  • Marcio Junior
    2011-12-18T20:35:10

    Eu sinceramente acho que não ter fim é ponto pró, ou seja, o jogo merecia um 9,5 ashuahsuaus seria excessão.

  • Emanuel Junior
    2011-12-18T00:59:19

    alguem me tira uma duvida, a bethesda sozinha tem um estudio de audio, um grafico, um de engine...? por que a maioria dos jogos quando começam aparece a produtora ai vem mais uns 4 nomes de empresa que ajudaram a desenvolver o jogo. em skyrim só a bethesda msm. ela fez td sozinha?

  • Emanuel Junior
    2011-12-18T00:58:15

    o final da história principal não é o final do jogo. as quests secundárias foram mt bem boladas. vc tem as guildas, até se tornar lider e reerguer elas é td novo, dps é inrolação. vc pode ir atras de todos os shouts, querer pegar todos os itens raros, vc pode até matar todo mundo de uma cidade, se quizer. o jogo é muito louco, eu recomendo a todos. só espero que a bethesda não ache que achou a receita do sucesso e fique na mesmisse no proximo elder scroll alexandre, parabéns por responder a "certos " comentários, poucos dão a cara a tapa.

  • Jeff S.
    2011-12-16T14:48:46

    Alexandre, boa cara, é de pessoas assim que o techtudo precisa, você é um dos unicos que eu vi responder os coments, parabéns. E realmente, concordo com o que você disse, também axo que 10 pro forza é "forçar a barra". Parabéns pelo review e não liga pra o que esse pessoal diz, você ja deve ter notado que o pessoal por aqui adora criticar.

  • Chrysthian Chrisley
    2011-12-16T11:33:20

    Alexandre, liga não, esses leitores mal sabem interpretar uma simples frase, vão se dar mal no Skyrim. Mas o que esperar deles não é mesmo?

  • Alexandre Silva
    2011-12-16T10:55:42

    Sou o autor do review. E quero fazer algumas considerações aos que comentaram a respeito da nota e a comparação com o review de Forza 4. As notas são diferentes pq foi outra pessoa que avaliou. Ao meu ver, Forza não é um jogo que merece 10 em todos os quesitos, assim como Skyrim. Vai do ponto de vista de cada um, pois defeitos todos os jogos possuem. Sobre o jogo não ter fim, houve uma má interpretação.O jogo cria quests aleatórias pequenas enquanto se está jogando, e nunca acaba. Mas ele tem uma história e tem um final principal. Depois disso, é enrolação. Dai, o meu ponto de vista negativo.

  • Luan Lupetti
    2011-12-16T09:21:21

    também foi meu pior review que eu já vi como o melhor jogo do ano pode ganhar nota 9? e como não tem fim? para meu,compro o jogo e jogo nem 5 horas...

  • Matheus Gomes
    2011-12-16T02:07:31

    Erika, compra pela steam que tem.

  • Erika Nascimento
    2011-12-15T22:11:30

    Estou tentando comprar esse jogo desde o dia do lançamento mas não encontro em lugar nenhum pra PC

  • Joao Ponce
    2011-12-15T22:03:17

    Pior Review de Skyrim que eu li ....Claro que o jogo tem final! Só vc terminar a quest principal! O resto são sidequests. Quem fez essa review não jogou quase nada do jogo....

  • Adialto Aberlado
    2011-12-15T21:21:56

    Bom jogo realmente, a variedade de detalhes e cenários é bem significativo, caminhos e percursos amplos não lineares. até hoje não tinha visto um jogo desse tamanho com tal rapidez nos carregamentos.

  • João Moreira
    2011-12-15T17:57:01

    Tipo, nada ver essa parada de ser sem fim, o jogo tem fim sim, só nas quest principais, eu mesmo ja terminei o jogo, e agora to no lvl 58 só de bobs e curtindo o maravilhoso continente de Skyrim, nao acho nunca que isso seja negativo no jogo, só que o cara que fez a analise nao deve ter jogado nem 10 horas.

  • Jeff S.
    2011-12-15T17:36:05

    Realmente, sem critério isso

  • Lucas Pires
    2011-12-15T16:46:28

    Botaram que os gráficos de Forza 4 foram 10 e o de Skyrim foi 8 , dai-me paciência Globo ...

  • Emanuel Junior
    2011-12-15T18:50:24  

    ele não é um jogo infinito. eu to no nível 40 e já terminei todas as missões da dark brotherhood(irmandade das trevas) e ai quando tudo é feito eu vou la na night mother ela me diz "and yet, another child has prayed for his mother" "you must go to X and contact Y and take their gold" e ai fica em um loop infinito numa quest chamada dark brotherhood forever, ou seja, acabou,ela só te da oq fazer. na verdade é um bom meio de fazer dinheiro pq vc sempre recbee 1000 gold

    recentes

    populares

    • Emanuel Junior
      2011-12-15T18:50:24  

      então não acaba, o jogo só acaba quando termina, portanto, é infinito!