Publicidade

Por Thássius Veloso; Por TechTudo

TechTudo

O lançamento do iPhone 8 no Brasil, por preços na casa dos R$ 4 mil, fez com que muita gente repensasse a necessidade de comprar o celular com a marca da maçã. Depois de realizar diversos testes, cá estamos nós para te trazer a análise completa do iPhone 8, levando em consideração desempenho, câmera, recursos do iOS, duração da bateria e muito mais.

O alvo deste review traz pouquíssimas novidades em relação ao antecessor, o iPhone 7. Logo de cara, posso te afirmar o seguinte: só vale a pena comprá-lo se você tem um iPhone 6 ou modelo mais antigo. Pelo mesmo valor também é possível pegar um Galaxy S8 ou Galaxy S8 Plus, desde que haja disposição em migrar para o mundo do Android.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Antes de seguirmos em frente, cabe lembrar: a ficha técnica do iPhone 8, recheada de especificações, está ao fim do artigo.

O iPhone 8 foi apresentado junto com o iPhone 8 Plus e o iPhone X. Como já se sabe, o telefone futurista (consulte aqui a análise completa) roubou a cena, apesar do preço nas alturas. Dá para dizer que o 8 virou o patinho feio de 2017, e há uma série de motivos para isto.

O design continua o mesmo do iPhone 7, que é o mesmo do iPhone 6S. Enquanto outras fabricantes fizeram tímidos avanços no desenho industrial de seus produtos, a Apple parou no tempo. Características comuns a outros modelos premium, como bordas mínimas e biometria sofisticada, estão longe de aparecer na geração 2017 do iPhone.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Há um latente desperdício de espaço com as bordas superior e inferior, o que faz com que a diminuta tela de 4,7 polegadas pareça ainda menor. Ainda assim, é uma boa pedida para quem tem mãos pequenas – a Sony tenta resolver esta equação com o Xperia XZ2 Compact. O botão com Touch ID, capaz de reconhecer os dedos do usuário, remonta ao início da década.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Ao menos a tela com resolução 1334 x 750 pixels está melhor do que em gerações anteriores. Os engenheiros fizeram progresso no sentido de elevar o brilho e a fidelidade das cores. A ferramenta que regula a temperatura das cores, chamada de TrueTone, faz uma bem-vinda estreia no smartphone depois de aparecer inicialmente no iPad Pro.

O iPhone 8 tem áudio estéreo com potência 25% maior que a vista no iPhone 7. Em termos práticos, o usuário encontra um sistema de som mais consistente, que opera por meio de dois alto-falantes, um em cada extremidade. Foi uma excelente adição a um áudio que fazia bonito em 2016.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

A parte de trás tem revestimento em vidro, um convite a marcas de dedo no corpinho do telefone. Já as opções de acabamento são basicamente as mesmas do passado: o iPhone 8 é vendido nas cores cinza espacial (espécie de chumbo), prata e ouro (cujo tom se aproxima do rosa).

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Confira, no vídeo a seguir, tudo sobre o anúncio global do iPhone 8 em setembro de 2017.

A câmera principal do iPhone 8 produz fotos em 12 megapixels. Faz tempo que a companhia da maçã parou de brigar por número de megapixels, e em vez disso aposta na qualidade das imagens. O sensor está mais rápido e maior.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Houve incremento no modo HDR (Grande Alcance Dinâmico), com tecnologia que combina dois registros diferentes do mesmo momento, com ajustes próprios, para combiná-los em uma só foto perfeita. Sério, todo mundo deveria manter esta opção ativada.

O telefone ficou mais esperto para detectar a textura dos objetos, o que, novamente, traz benefícios para o usuário, seja na hora de mandar imprimir a fotografia em uma loja especializada, seja ao postar as imagens das férias no Instagram e outras redes sociais.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

A câmera do iPhone 8 faz bonito tanto em condições de luminosidade ideal quanto durante a noite, em ambientes com pouca luz. Ainda tem seus problemas com o ruído (granulação) em algumas condições, e agora também apresenta um incômodo lens flare dependendo da quantidade de emissores de luz por perto.

Fotos tiradas com o iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Nosso teste serviu para averiguar que a Apple continua com o aplicativo de câmera mais simples e prático de usar. O iPhone 8 tem recursos de fotografia competentes e que entregam bons resultado na maioria dos casos.

Partindo agora para a comparação com outras possibilidades à venda em lojas, é nosso dever lembrar que o smartphone não tem a tecnologia de dual camera. Ou seja, nada de efeito retrato ou zoom ótico. O iPhone 8 traz uma câmera simples e consistente, que come poeira diante do iPhone X, Galaxy S8 e alguns telefones Xperia, da Sony.

Foto tirada com o iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Se você quer um celular para o dia a dia, o iPhone 8 tem a câmera ideal para isto. Agora, se quer se expressar produzindo imagens mais criativas e diferenciadas, este modelo talvez não seja o mais indicado para o seu perfil.

A câmera frontal continua fazendo boas selfies com 7 megapixels. O resultado não é dos melhores quando está escuro demais.

Selfies feitas com iPhone 8 em ambiente iluminado (esq.) e contra a luz (dir.) (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

De vez em quando a Apple faz o desserviço de soltar uma atualização de sistema repleta de erros. Este é o caso do iOS 11 presente no iPhone 8. O sistema traz benefícios interessantes, como o compartilhamento fácil da senha do Wi-Fi. Entretanto, também tem muitos problemas que precisam ser resolvidos com urgência.

É comum ouvir reclamações de que o celular não ajusta a orientação da tela quando o usuário o coloca deitado (na horizontal). Durante nossa análise, em vários momentos o dock (onde os apps ficam fixos, na tela inicial) sumiu sem deixar vestígios.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Dito isto, é louvável o esforço da empresa em buscar orientar os desenvolvedores na criação de aplicativos que sejam inovadores, mas simples de usar. Fabricantes de celular Android continuam penando para facilitar a vida dos usuários de seus respectivos telefones, enquanto a Apple oferece faz alguns anos uma experiência de uso uniforme nos apps para iOS.

Se você tem um modelo mais antigo e não instalou atualizações de iOS, certamente terá facilidade em se acostumar com a central de controle renovada, por exemplo. Não há mistérios no uso do sistema – e isto é ótimo para quem considera pegar um telefone Apple mais recente.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

As especificações do iPhone 8 incluem o processador A11 Bionic, chip veloz para executar aplicativos simultaneamente. A memória RAM de 2 GB também facilita com que o telefone não sofra com engasgos, exceto aqueles relacionados aos bugs de iOS (são coisas diferentes, veja bem).

O iPhone 8 ficou longe da tomada por quase 12 horas e meia, antes de chegar à temida marca de 0% de carga. O teste incluiu vídeo online de 53 minutos e conversa telefônica de 27 minutos. Conforme o padrão do iOS, o celular entrou em modo de economia de energia quando bateu 20%.

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Nossa experiência é consistente com a promessa da Apple: em torno de 12 horas com uso de internet, destacando-se que a reprodução de vídeo por streaming fez a bateria ir mais rápido. De modo geral, ficamos satisfeitos com o resultado. É possível dizer que o iPhone 8 suporta um dia inteiro de trabalho.

A recarga rápida marca presença neste modelo. A ficha técnica cita 50% de recarga com 30 minutos na tomada. Chegamos perto disso, o que significa que a estimativa oficial condiz com a realidade.

Pouco empolgante, o iPhone 8 faz o básico com muita competência. Boas fotos, excelente desempenho, aplicativos fáceis de usar. No entanto, dá para dizer que ele decepciona quem espera mais inovação da Apple.

Esta análise leva em consideração dois públicos distintos. Vamos lá...

iPhone 8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) — Foto: TechTudo

Se você tem um iPhone 6 e quer continuar com os mesmos recursos de sempre, o iPhone 8 é uma excelente pedida. Ele fará melhor algo que o seu smartphone atual já oferece. Se você tem o iPhone 7, assim como este analista, pode ser melhor esperar o tal iPhone 9. O ciclo de um ano não é suficiente para justificar este gasto.

Se você vê na tecnologia uma possibilidade de fazer mais com o smartphone, o modelo basicão de 2017 não é a melhor pedida. Custando muito mais, o iPhone X se tornou a opção mais evidente para quem quer recursos como o reconhecimento facial e a tela com bordas mínimas ou formato 18:9. Coloco ainda na balança o Galaxy S8, para mim o melhor Android de 2017. Também vem por aí o S9, com promessa de ser ainda mais poderoso que a geração anterior.

— Preços de lançamento no Brasil: R$ 3.999 (64 GB) / R$ 4.799 (256 GB)

— Início das encomendas no Brasil: 27 de outubro de 2017

— Início das vendas em lojas no Brasil: 03 de novembro de 2017

— Dimensão da tela: 4,7 polegadas

— Resolução da tela: 1334 x 750 pixels

— Densidade da tela: 326 ppi

— Processador: Apple A11 Bionic hexa-core

— Armazenamento: 64 GB ou 256 GB

— Suporte a cartão de memória: não

— Câmera traseira: 12 megapixels com abertura f/1.8

— Câmera frontal: 7 megapixels com abertura f/2.2

— Sistema: iOS 11

— Bateria: duração de até 14 horas em ligações; carregamento rápido de até 50% em 30 minutos; compatível com carregador sem fio

— Sensores: sensor de impressão digital Touch ID, barômetro, giroscópio de três eixos, acelerômetro, sensor de proximidade e sensor de luz ambiente

— Resistência à água: sim

— Dimensões: 138,4 x 67,3 x 7,3 mm

— Peso: 148 g

— Cores: cinza espacial, dourado e prateado

7.6

Design
7
Desempenho
9
Tela
8
Câmera
8
Custo-benefí­cio
6

Prós

  • Câmera principal competente para fotos do dia a dia
  • Processador veloz
  • Resistência à água e poeira
  • Recarga rápida

Contras

  • Desenho de produto parou no tempo
  • Sistema iOS 11 repleto de bugs
  • Não tem saída de áudio tradicional (P2

Mais do TechTudo