Tablet

NOTA tt
8.4

Review Positivo Mini Quad

Testamos o novo Mini Quad da Intel, sucessor do Positivo Mini. O aparelho traz um hardware mais potente graças a um novo processador Intel Atom quad-core. Confira as nossas impressões sobre o tablet.

Gabriella Fiszman
por
em

O Positivo Mini Quad é um tablet brasileiro com tela de 7,85 polegadas e processador quad-core. Sucessor do Positivo Mini, o aparelho chega ao mercado com preço acessível e tendo como grande atrativo o chip Intel Atom, que promete um desempenho acima da média, especialmente em gráficos. Confira o review do Positivo Mini Quad e saiba mais sobre o lançamento. 

Positivo Mini Quad, o tablet da Positivo com processador quad-core (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Positivo Mini Quad, o tablet da Positivo com processador quad-core (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)


Design 

Mantendo o elogiado design de seu antecessor, o Mini Quad vem exatamente igual ao modelo antigo, o que é bom. Com um ótimo acabamento metálico e uma aparência bem bacana, o dispositivo é "a cara" do iPad Mini. Porém, o peso do aparelho não é um dos seus pontos fortes: são aproximadamente 430 g, contra os 331 g do gadget mini da maçã ou 300 g do Galaxy Tab 3 (de 7 polegadas), por exemplo. Nada que o impeça de ser transportado em uma bolsa ou mochila média, sem muito incômodo. 

Outro ponto negativo do aparelho são seus botões físicos - liga/desliga e para ajustar o volume. Localizados mais na parte traseira do que na lateral, não é tão simples usá-los a qualquer momento, seja com o tablet em mãos ou estático sobre a mesa. 

Mini quad tem espaço para MicroUSB e entrada para mini HDMI  (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Mini quad com logo atrás (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

O aparelho, que só está disponível na cor branca, tem uma tela de vidro, o logo da Positivo na parte inferior e, na inferior, a câmera frontal e o sensor de luminosidade. Embaixo, conexão microUSB, espaço para o microfone e entrada para mini HDMI. Já na parte superior, o usuário encontrará a conexão de áudio e o slot para cartão de memória microUSB. Por fim, a parte traseira traz a câmera e duas saídas de som, com volume satisfatório. 

mini quad (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Mini quad tem espaço para MicroUSB e entrada para mini HDMI (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

Tela

O Quad Mini tem exatamente o mesmo display de seu antecessor: são 7,85 polegadas com tecnologia IPS, 1024 x 768 pixels de resolução e 163 ppi. A densidade não é das melhores, e é possível ver os pixels claramente na tela. No fim das contas, a resolução mediana não chega a incomodar e não dificulta a leitura de e-books, por exemplo. 

tela mini quad (Foto: Lucas Mendes/ TechTudo)tela mini quad (Foto: Lucas Mendes/ TechTudo)

A tela traz uma boa capacidade de visualização, ótima para navegação na Internet ou visualização de conteúdo. Além disso, o aparelho conta com um brilho consideravelmente alto, cores vibrantes e saturação agradável para uso prolongado, como em filmes ou jogos. Apesar do aparelho ser um pouco pesado, é fácil manuseá-lo com apenas uma mão. 

Porém, assim como o seu antecessor, o Mini Quad não tem uma boa visibilidade quando exposto à claridade. O vidro é bem reflexivo sob o sol, o que pode deixar a tela bem escura e atrapalhar a leitura. Apesar de ser um grande incômodo, o problema - que atinge a maioria dos tablets do mercado atual - é imperceptível em ambientes propícios. Além disso, como a parte frontal reflete bastante, o tablet fica sempre cheio de marca de dedos.

teclado mini quad (Foto: Lucas Mendes/ TechTudo)Teclado virtual do Positivo Mini Quad (Foto: Lucas Mendes/ TechTudo)

O aparelho possui suporte a gestos que deixam a navegação bem agradável e conta com um teclado adaptado ao Português (com ç e outros símbolos brasileiros). Porém, aqueles que digitam muito rápido podem ter certos inconvenientes, já que ao digitar depressa o teclado fica um pouco lento e, às vezes, "come" algumas letras das palavras. 

Desempenho 

Apesar de prometer um hardware super potente, o processamento do Mini Quad não é excepcional, mas também não é ruim. Essa foi a estreia do chip Intel Atom quad-core Z3735E tablets no Brasil, com a promessa de melhorar 16% a performance gráfica da geração passada, e os resultados nos testes são razoáveis. 

Durante o uso, o Mini Quad, que opera com o Android 4.2 Jelly Bean, foi capaz de rodar jogos como Jetpack JoyrideAngry Birds e Fruit Ninja sem falhas, além de dar fluidez na transição de telas do sistema. O aparelho se mostrou mais promissor do que o antecessor Positivo Mini - ambos são quad-core, mas o Intel promete mais potência com clock de até 1,83 GHz. 

Qual o melhor tablet: iPad ou Galaxy? Opine no Fórum do TechTudo 

A bateria do gadget de 4.300 mAh surpreendeu durante os nossos testes. Para uso simples, de navegação na web ou com menos recursos gráficos, o Mini Quad aguentou bem. Porém, a bateria pode deixar a desejar para usuários que pretendam consumir conteúdo multimídia, como filmes ou games. 

Aplicativos 

O Positivo Mini Quad já vem equipado com vários aplicativos, que podem ser desinstalados a qualquer momento e deixar mais espaço na memória do gadget. Lembrando que o dispositivo conta ainda com 8 GB de memória interna, 32 GB de capacidade de memória expansível e 1 GB de RAM. Um ponto baixo é a ausência de conexão 3G, o mesmo defeito do seu antecessor – o produto vem só com Wi-Fi, além de Bluetooth 4.0. 

Além dos apps convencionais do Google, como Hangouts, Gmail, Google Chrome e o Maps, o usuário também vai encontrar alguns programas da Positivo, como um manual de instruções, Concurso (atalho para o site), entre outros. 

aplicativos mini quad (Foto: Lucas Mendes/ TechTudo)Tablet respondeu bem aos jogos, sem apresentar travamentos durante os testes (Foto: Lucas Mendes/ TechTudo)

Já entre os aplicativos de terceiros, encontramos uma série de apps interessantes, como de jornais famosos para usuários que gostam de se informar online ou utilitários para ajudar no dia a dia, como o Evernote, Skype, Twitter e o Facebook

Câmera

O Mini Quad possui duas câmeras: uma traseira com 5 megapixels e uma frontal VGA. Apesar de aumentar um pouco a qualidade quando comparado ao modelo anterior que possuía apenas sensor traseiro de apenas 2 megapixels, a câmera ainda não chega a ser considerada boa. Mas tudo depende do que o usuário quer, isto é, como câmera de um tablet, apenas para registros corriqueiros, ela faz um trabalho aceitável, mas para uma foto com melhor definição, recomendamos usar outro dispositivo.

Câmera do Mini Quad não tem resolução tão boa (Foto: Lucas Mendes/ TechTudo)Câmera do Mini Quad não tem resolução tão boa (Foto: Lucas Mendes/ TechTudo)
positivo mini quad intel (Foto: Gabriella Fiszman/ TechTudo)Foto tirada da câmera do Positivo Mini Quad (Foto: Gabriella Fiszman/ TechTudo)


Custo-benefício

No quesito custo-benefício, a linha de tablets da Positivo deixa os concorrentes para trás. O produto, anunciado por R$ 599, pode ser facilmente encontrado por menos de R$ 400. Além disso, por ser nacional, encontra-se disponível nas principais lojas físicas ou virtuais do Brasil.

Apesar de não ser o melhor do mercado, o dispositivo é uma boa opção. É excelente para quem preza pela qualidade geral, bom desempenho e não quer investir muito alto em um tablet. O preços do Positivo Mini Quad o que o classifica como uma das melhores opções da categoria.

Tabela de especificações do Positivo Mini Quad (Foto: Arte/TechTudo)Tabela de especificações do Positivo Mini Quad (Foto: Arte/TechTudo)

Nota TechTudo

NOTA tt
8.4
Design
9
Desempenho
8
Tela
8
Câmera
7
Custo-benefí­cio
10

Prós

  • Bom desempenho;
  • Custo-benefício excelente;
  • Design bonito, com acabamento em alumínio.

Contras

  • Disposição dos botões atrapalham experiência;
  • Câmera com qualidade ruim;
  • Tela com baixa visibilidade sob luz intensa.
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares