Jogos de esporte

NOTA tt
6.5

Review NBA Live 16

Simulador de basquete da EA Sports continua atrás da série NBA 2K. Confira nossa análise:

Thomas Schulze
por
em

NBA Live 16 chegou ao PS4 e Xbox One aprimorando os avanços de NBA Live 15. Mas, apesar de sua apresentação e melhorias pontuais, não foi dessa vez que o simulador de basquete da EA Sports tirou o título de rei das quadras do seu rival NBA 2K16. Confira a análise completa abaixo:

Compare NBA Live 16 com o desempenho de NBA 2K16

Várias formas de jogar

A EA parece ter aprendido com o fiasco de NBA Live 14. Depois de botar a casa em ordem na edição ‘15, NBA Live 16 foi construído sobre a promissora estrutura deixada por seu antecessor.

NBA Live 16 aprimora o que vimos na edição 2015 (Foto: Divulgação/EA Sports)NBA Live 16 aprimora o que vimos na edição 2015 (Foto: Divulgação/EA Sports)

O game possui vários modos de jogo, alguns dos mais divertidos entre todos os títulos de esporte no mercado. O Ultimate Team, modalidade que permite colecionar cartas de jogadores reais para montar seu time dos sonhos, é a maior estrela. Abrir pacotinhos em busca do seu atleta favorito é simplesmente viciante.

Como em time que está ganhando não se mexe, Dinasty, o modo que transforma o jogador em manager de qualquer uma das grandes franquias da NBA, está praticamente idêntico ao ano passado. É possível contratar free agents, participar de drafts e até trocar jogadores, gerindo as economias dos times.

Astro das quadras

O atleta construído no Rising Star, o modo carreira no qual o jogador controla apenas um craque ao longo da temporada inteira, também pode ser levado para o Pro-am a fim de disputar partidas online com jogadores de todo o mundo em quadras urbanas reais. Uma proposta descontraída que combina muito bem com a jogabilidade mais ofensiva do título.

Craques marcam presença em NBA Live 16 (Foto: Divulgação/EA Sports)Craques marcam presença em NBA Live 16 (Foto: Divulgação/EA Sports)

Uma pena que as ferramentas de customização não tenham recebido a devida atenção. As opções são limitadas, então, a não ser que o jogador use a tecnologia Game Face para importar uma foto real sua, criar manualmente a aparência do atleta não rende bons resultados.

Burrice artificial

O maior obstáculo de NBA Live 16 em sua busca pela grandeza é a - falta de - inteligência artificial. A impressão que fica é que o jogador está revivendo os tempos da geração 16 bits, driblando e atacando como bem entende, sem qualquer necessidade de pensar em táticas mais elaboradas.

NBA Live 16 possui uma inteligência artificial precária (Foto: Divulgação/EA Sports)NBA Live 16 possui uma inteligência artificial precária (Foto: Divulgação/EA Sports)

As mecânicas de defesa são um desastre. A CPU é incapaz de lidar com qualquer investida ofensiva, e tentar se defender pode fazer o usuário sentir vontade de jogar o joystick na parede de tanta frustração, pois a jogabilidade sequer permite travar a mira em um oponente específico com precisão.

Apesar da jogabilidade estar levemente aprimorada em relação ao ano passado, os controles ainda apresentam a inconveniente sensação de lag. Ao menos nunca foi tão bom arremessar a bola: um medidor de força, seguido imediatamente por um número indicando a probabilidade de acertar o lançamento, torna os ataques de NBA Live 16 bem gratificantes.

O ataque leva a melhor em NBA Live 16 (Foto: Divulgação/EA Sports)O ataque leva a melhor em NBA Live 16 (Foto: Divulgação/EA Sports)

Download grátis do app TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

“Temos um jogo!”

NBA Live 16 conta com licenciamento da rede ESPN e faz questão de mostrar isso: desde os comentários no estilo das transmissões americanas até a atmosfera dos menus e apresentações, passando pelas vinhetas e os ângulos de câmera idênticos aos vistos na emissora.

Parece um detalhe fútil, mas esse cuidado ajuda na imersão e, aliado aos belos efeitos de iluminação, som ambiente empolgante e recriação perfeita do semblante dos atletas, torna o game um dos mais bonitos simuladores do mercado.

O realismo impressiona em NBA Live 16 (Foto: Divulgação/EA Sports)O realismo impressiona em NBA Live 16 (Foto: Divulgação/EA Sports)

É uma pena que o mesmo capricho aplicado na modelagem dos rostos e arenas não tenha sido utilizado na captura de movimentos. O número de animações é bem limitado, então bastam alguns segundos de jogo para ver os atletas repetindo movimentos, o que torna a partida artificial.

Conclusão

Apesar de permanecer muito atrás de NBA 2K16, NBA Live 2016 é mais um passo na direção certa. Embora diversos tropeços e equívocos técnicos que não deixam o jogo figurar entre os grandes títulos do basquete, sua bela apresentação e divertidos modos o tornam uma segunda opção para os entusiastas do esporte.

Qual seu jogo de esporte favorito? Comente no fórum do TechTudo.

Nota TechTudo

NOTA tt
6.5
Gráficos
8
Jogabilidade
4
Diversão
6
Som
8

Prós

  • Modo Ultimate Team segue viciante
  • Bom uso da licença oficial da ESPN
  • Belos efeitos de iluminação e feições dos atletas

Contras

  • Inteligência artificial precária
  • Controles apresentam um pouco de lag
  • Animações repetidas frequentemente
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Fernando Luiz
    2016-06-22T18:48:30

    Eu gosto do nba live ! Jogo nba live desde a edição nba live 98 e sem contar que está bem mais barato que o nba 2k16 na live do xbox .

  • Rafael Rossato
    2016-01-08T10:53:37

    Nba 2k16 está anos-luz a frente do nba live. Quem vai comprar o nba live tendo nba 2k no mercado? Não que seja ruim, mas é muito inferior ao concorrente, que é espetacular, superior em todos os quesitos.

  • Thiago Silva
    2016-01-06T16:48:26

    Vocês só podem estar sacaneando. Comparar esse jogo com NBA 2K. Esse NBA Live é bom sim, NBA 2k é muito cinematográfico, e o modo carreira já está chato.