Publicidade

Por Luciana Maline; Por TechTudo

TechTudo

A câmera Onn, do Walmart, aproveitou a moda de action cam e surgiu como irmã "baratinha" da GoPro. Ela é portátil, resistente, filma em Full HD e ainda vem com um monitor LCD, igualzinho ao modelo Hero4 Silver, da mesma GoPro. Já o adjetivo "baratinha" fica por conta do preço de R$ 379, enquanto a precursora da moda custa em torno de R$ 1700. Será que vale a pena investir na opção mais em conta? Veja a análise completa. 

A Onn é quase igual a GoPro em suas medidas e, por isso, também leva vantagem no quesito portabilidade. Com 40 mm de largura, 30 mm de altura e peso 440 g, ela cabe no bolso da calça ou em uma bolsa pequena. A Hero4 Silver só é um pouquinho mais fina, mas nada significativo. 

Câmera de ação ONN, do Walmart (Foto: Luciana Maline/TechTudo) — Foto: TechTudo

Ela vem com quatro botões: um frontal, dois na lateral direita e um na parte de cima, responsável pelo disparo. Todos são leves, no tamanho adequado para os dedos e respondem bem aos comandos, até mesmo com a capa à prova d'água.  

Além disso, há quatro opções de cores: a preta, a vermelha, a prata e a branca. A escolha de um modelo em branco, que usamos durante os testes, não foi uma boa ideia para uma câmera de ação. Ela suja com muita facilidade ou fica "amarelada", fatores que desgastam facilmente a câmera.

Câmera de ação ONN, do Walmart (Foto: Luciana Maline/TechTudo) — Foto: TechTudo

Por outro lado, o material "emborrachado" de sua lateral oferece maior atrito e isso ajuda ao fotógrafo a estabilizar melhor os dedos e, logo, tirar fotos menos tremidas. Ponto a favor. 

O modelo vem com uma tela LCD, com 1,5 polegadas e resolução Full HD de 16 megapixels. A presença do monitor é uma vantagem da Onn. Vale lembrar que as versões anteriores da GoPro não possuem o recurso e este sempre foi um desejo do usuário. 

Porém, quando comparada com a tela presente na Hero4 Silver, ela deixa muito a desejar. Primeiro, pelo tamanho. A GoPro Hero 4 Silver tem 1,75 polegadas.  

Câmera de ação ONN, do Walmart (Foto: Luciana Maline/TechTudo) — Foto: TechTudo

Quanto ao desempenho, ela faz razoavelmente bem a funções que se propõe, que é o enquadramento das fotos e vídeos e demonstração do conteúdo já registrado. Porém, alguns pontos incomodam, como a ausência de touchsreen.

A tela também costuma refletir mais do que o "aceitável" em ambiente muita luz, o que prejudica o uso em lugares ensolarados. Nada adequado para uma câmera de ação, à prova d'água, e que costuma fazer o maior sucesso em praias e cachoeiras pelo Brasil. 

Quanto ao desempenho, a Onn cumpre bem a função que se propõe. Ela é fácil de usar e suas funções podem ser acionadas de forma rápida durante o processo. Mas, não se pode negar, ela não é uma GoPro no quesito qualidade de imagem. 

A bateria tem potência de 900 mAH e dura, para vídeos contínuos, em torno de uma hora e quinze. Vale lembrar que a bateria da GoPro Hero4 Silver tem potência maior, de 1160 mAH. Para quem usa só para fotos, é possível usar um dia todo sem precisar correr para o computador mais próximo e carregá-la. 

Como toda boa action cam, ela vem com uma lente modelo wide de 170 graus. Trata-se de uma lente no modelo grande-angular, que reproduz um "olho de peixe", com as bordas mais arredondadas. 

A distância focal é de 2 metros, que não é muito. Porém, para compensar, é uma lente clara, o que facilita muito na iluminação mais adequada de fotos noturnas. 

Foto tirada com a Onn em ambiente noturno (Foto: Luciana Maline/TechTudo) — Foto: TechTudo

Além disso, a câmera ainda oferece cinco opções de balanço de branco, sem contar com o automático. Apesar de não "consertar" a cor da luz com muita precisão, ferramentas servem de filtro para fotos mais criativas. 

Teste das opções de balanço de branco da Onn, do Walmart (Foto: Luciana Maline/TechTudo) — Foto: TechTudo

Ao mergulhar um pouco mais desempenho para fotos, nota-se que é bem razoável. Ela promete 12 megapixels e tem um sensor de CMOS. Na prática, ela fica aquém das DSLRs vistas por aí ou até da própria GoPro, que vem com os mesmos 12 megapixels, mas garante mais vantagens no conjunto processador, tamanho do sensor e lente. As fotos ficam menos nítidas, com menos contorno e tendem a "estourar" mais, mesmo com a resolução máxima. 

Comparação entre Onn e GoPro (Foto: Luciana Maline/TechTudo) — Foto: TechTudo

Ela ainda apresenta alguns recursos interessantes, como, por exemplo, o Burst Foto, que permite que várias fotos/frames sejam captadas em sequências de 10, 20 ou 30 fps. 

Como filmadora, ela é capaz de capturar em até Full HD (1080p), com 30 frames por segundos, igualzinho às GoPros mais recentes. Ela ainda apresenta as opções de 720p / 30 fds e 720p / 60 fds, mais sensível à variações de cor de luz externa. 

Mas é ilusório pensar que o resultado final também é tão similar à concorrente top do mercado. Alguns pontos, no entanto, deixam a desejar, como, por exemplo, a demora na leitura do balanço de branco e exposição quando há mudança de ambiente. 

Outro ponto que também não agrada é o foco. Além da dificuldade natural pela "pegada" da câmera, o que resulta em vídeos mais tremidos, o foco definitivamente não é o seu forte. 

O áudio AVI também é um ponto que o Walmart não deve se orgulhar de sua câmera. O som é "abafado" e ela ainda não oferece opção de adicionar microfone externo.

A Onn vem com 13 acessórios e cases para as mais diversas ocasiões. Entre eles, há ventosa, carregador de parede, carregador USB, base, clipe, adaptador, bandagem, fita, cabo de aço, limpador e capas apropriadas.

Câmera de ação ONN, do Walmart (Foto: Luciana Maline/TechTudo) — Foto: TechTudo

Todos bem fáceis de usar e encaixar. Vale lembrar que os aparatos para prender uma GoPro na cabeça, na bicicleta, na prancha ou qualquer outro lugar, você tem que gastar um dinheiro a mais por cada um deles.

Vale destacar um ponto da caixinha estanque, ou à prova d'água. Sua "trava" para abertura é mais fácil de manusear do que a GoPro. Por outro lado, a câmera fica mais exposta à entrada de água quando submersa. 

No quesito transmissão de dados e compartilhamento, a única alternativa viável é utilizar a porta USB em desktops. Ela não possui pareamento Wi-Fi, nem Bluetooth. Logo, para quem gosta de tirar uma foto e postar na hora no Instagram ou Facebook, a Onn não é a opção mais indicada. 

Qual é o melhor concorrente da GoPro do mercado?  Veja opiniões no Fórum do TechTudo.

Assim como reproduz muitas das qualidades da GoPro, a Onn também repete alguns de seus pontos negativos. A câmera, de fato, pode ser usada embaixo d'água e, durante os testes, cumpriu muito bem essa função, tanto em ambiente de praia quanto de piscina.

Câmera de ação ONN, do Walmart (Foto: Luciana Maline/TechTudo) — Foto: TechTudo

Porém, ela precisa de uma case para essa função o que, muitas vezes, prejudica a qualidade da foto por embaçar a lente. 

Ainda com o recurso da capa, ela também se mostrou bem resistente. Durante os testes, ela foi induzida a despencar de uma altura de 2,5 metros em queda livre e resistiu bem. 

A Onn é tão compacta quanto a GoPro, tão resistente quanto a GoPro, mas não reproduz a qualidade em imagem, áudio e filme da GoPro. Sem falar da restrição em armazenamento e compartilhamento.

A pioneira das câmeras de ação permite pareamento por Wi-Fi, Bluetooth, e ainda tem um app próprio, compatível com Android e iOS, que garante postagem rápida nas redes sociais. Porém, enquanto a GoPro custa R$ 1700 , a Onn está disponível por R$ 379. Vale lembrar que ela é um recurso superviável para quem quer entrar na moda das fotos "olho de peixe", e ainda cabe nos menores bolsos.

Tabela de especificações da câmera de ação Onn, do Walmart (Foto: Divulgação / Walmart) — Foto: TechTudo

8.5

Qualidade da Imagem
8
Peso/Tamanho
10
Funcionalidades
8
Custo-benefício
8

Prós

  • Compacta
  • Resistente
  • Barata

Contras

  • Não possui app
  • Não possui conectividade Wi-Fi

Mais do TechTudo