Fones de ouvido

Por Nicolly Vimercate, do Home Office

Yuri Hildebrand/TechTudo

O HyperX Cloud MIX é um fone gamer lançado no Brasil por R$ 1.299 em maio de 2019 e que pode ser usado com fio ou via Bluetooth — hoje ele já pode ser encontrado por R$ 899. A marca, conhecida por seus periféricos para jogos, parece ter apostado na conectividade sem fio do headset para expandir seu mercado — é o primeiro modelo de seu portfólio com esta característica. Com o cabo, o fone se conecta a qualquer computador ou console. Na conexão sem fio, o usuário pode usá-lo no dia a dia, seja para trabalhar, ver filmes ou ouvir suas músicas preferidas.

A promessa é de alta qualidade de som nas duas opções de conectividade e de conforto para usar por muitas horas. Nas linhas a seguir, veja como o HyperX Cloud MIX se saiu em nossos testes.

Headset gamer HyperX Cloud Mix tem visual mais 'sóbrio' do que outros fones da marca — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

Design

O fone tem estrutura em alumínio que aparenta ser resistente para o uso no dia a dia e deve apresentar boa durabilidade ao longo do tempo. O acabamento preto fosco traz uma aparência mais sofisticada e séria. Apesar de ter o visual mais discreto do que outros headset gamer que vemos no mercado, por ser robusto, ele chama bastante atenção. Ele é leve, pesando apenas 275 gramas.

A haste ajustável e as conchas de de 4 cm de diâmetro são macias e revestidas com um confortável couro sintético. A promessa da fabricante é que dê para jogar muitas horas sem se preocupar. Foi possível sentir certo desconforto nas orelhas (que ficam totalmente cobertas pelos alto-falantes) após cerca duas horas de uso. Cabe destacar que esta é uma questão muito individual e que reforça a necessidade de experimentar o fone antes de comprar, principalmente, quando se trata de um gadget com preço alto.

HyperX Cloud MIX tem botões de controle de volume e demais funções discretos e funcionais — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

Os botões de controle de volume e demais funções são quase imperceptíveis. Da mesma cor do fone, eles têm apenas um relevo suave. O mesmo pode-se dizer das entradas e saídas para os cabos. Tudo muito discreto. Do lado direito estão os botões de volume e o de ligar/desligar, que também serve para o pareamento Bluetooth. Ao lado, uma luzinha de LED mostra em azul ou vermelho o status da conexão Bluetooth e da bateria. Na concha esquerda ficam as entradas para o cabo P2 e o microfone, além de um botão para pausar/reproduzir músicas e ativar o Google Assistente.

Na caixa, estão, além do fone: um cabo USB para recarregar a bateria, um microfone destacável e flexível, um cabo P2 (3,5 mm) com botões de controle, um cabo de extensão para PC (ambos de nylon trançado, o que garante boa durabilidade) e uma sacola de tecido para guardar as peças. Faz falta um estojo mais firme para proteger o aparelho, já que a proposta é levar o fone na mochila e usar no dia a dia.

Desempenho

Quem não está acostumado a usar fones de qualidade terá uma grata surpresa ao colocar o Cloud MIX no ouvido pela primeira vez. O som é excelente e nítido. Graças aos 65 Ohms de impedância, os detalhes das músicas ficam muito perceptíveis — embora o volume seja mais baixo do que em outros fones, mas isso não deve ser um problema. Cabe ressaltar aqui o quanto os detalhes de áudio são importantes em jogos Battle Royale ou FPS e dizer que, certamente, o Cloud MIX dá conta do recado.

HyperX Cloud MIX tem drivers de 40mm com duas câmaras sonoras em cada concha — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

Os drivers de 40mm com duas câmaras sonoras em cada concha (ao invés de uma) e a tecnologia da Dual Chambers, exclusiva da HyperX, fazem a separação dos graves, médios e agudos. Essa combinação permite que o som seja limpo e suave e com menos distorção do que em outros aparelhos. O áudio é claro não importa o que está tocando.

Além disso, intervalo de frequência é de 10Hz a 40kHz. Isso permite ouvir detalhes da profundidade do som e garante a sensação de imersão no jogo, música ou filme que estiver rodando. O HyperX Cloud MIX é certificado para áudio de alta resolução, quando usado com o fio.

O isolamento é passivo, ou seja, o cancelamento dos ruídos externos acontece de forma física, pelo material e estrutura das conchas. Mesmo sem o uso de softwares, funciona muito bem, quase não dá para ouvir o que acontece ao redor, e também evita que outros ouçam suas músicas.

HyperX Cloud MIX tem controle de volume no cabo removível — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

O HiperX Cloud MIX tem uma ótima autonomia de energia. A bateria de 600 mAh é suficiente para as 20 horas de uso contínuo com o volume em 50% prometidas pela fabricante. São necessárias duas horas para dar uma carga completa no aparelho, que é conectado via USB.

Recursos

O padrão utilizado no fone é o Bluetooth 4.2, que apesar de ser estável, pode ser insuficiente para jogos. Para evitar atrasos na comunicação, os gamers podem usar o cabo de 1,3m e ainda o extensor de 2m, compatíveis com PC, Mac, PS4, Xbox One, Nintendo Switch e outras plataformas com portas de 3,5 mm, como celulares Android.

O microfone também pode ser usado de duas formas. O aparelho faz a captação de áudio de modo independente, mas também traz um microfone removível que se ajusta de acordo com o gosto do usuário e é revestido com espuma, garantindo boa qualidade na gravação e em conversas durante os jogos. O ajuste de volume a possibilidade de desligar o microfone direto no cabo, sem ter que mexer no computador/console também tornam o uso mais fácil.

HyperX Cloud MIX vem com microfone removível, cabo USB, cabo P2, cabo de extensão e estojo de tecido — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

Conclusão

HyperX Cloud MIX cumpre o que promete, principalmente no quesito qualidade. O headset tem som nítido e reproduz graves, médios ou agudos com a mesma resolução e bastante precisão. No entanto, seu principal trunfo é unir isso à praticidade de alternar entre os modos com e sem fio, agradando dois públicos diferentes.

A possibilidade de ter um fone Bluetooth tão bom e com 2 anos de garantia deve ser mais atraente para os usuários comuns do que para os gamers hardcore. Os jogadores mais exigentes podem não gostar tanto do visual sóbrio do headset. Além disso, se não fizerem questão da função Bluetooth, podem encontrar outros fones de qualidade com fio e preços mais baixos, inclusive, da própria HyperX. De todo modo, quem estiver disposto a gastar quase R$ 1 mil no aparelho não vai se decepcionar, mas pode valer mais a pena esperar por uma promoção.

HyperX Cloud MIX tem um microfone removível e um embutido para usar quando conectado ao Bluetooth — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

9.4

Excelente performance, mas por um preço alto

Headset gamer se destaca pela qualidade do áudio e também por alternar entre os modos com fio e Bluetooth para agradar a dois públicos diferentes.
Design
9
Desempenho
10
Bateria
10
Recursos
10
Preço
8

Qual headset gamer comprar? Dê sua opinião no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo