Celular

NOTA tt
9.0

Review Samsung Galaxy S2

Lançado no final de junho no Brasil (ou seja, quase ao mesmo tempo em relação ao resto do mundo), o aparelho é, como o nome diz, uma evolução do Galaxy S anterior. Com mais poder, melhor Android, melhor tela e mais recursos, a Samsung espera dessa forma desbancar o iPhone 4 como smartphone mais desejado do mercado. Será que consegue? Nesse ponto, pode ser mais uma questão de gosto.

Bruno do Amaral
por
em

A Samsung não tem uma vida fácil. Além de brigar com a Apple no mercado mobile (o que inclusive causou rusgas entre as duas gigantes com troca de acusações sobre plágio), a empresa sul-coreana precisa também se destacar entre as outras rivais da Maçã que utilizam a mesma solução: o sistema operacional Android, do Google. Mas em questão de hardware para smartphones, ao menos até o momento, a Sammy está à frente com o Galaxy S II.

Lançado no final de junho no Brasil (ou seja, quase ao mesmo tempo em relação ao resto do mundo), o aparelho é, como o nome diz, uma evolução do Galaxy S anterior. Com mais poder, versão mais recente do Android, melhor tela e mais recursos, a Samsung espera dessa forma desbancar o iPhone 4 como smartphone mais desejado do mercado. Será que consegue? Nesse ponto, pode ser mais uma questão de gosto. Confira mais na nossa análise abaixo.

Galaxy S II (Foto: Divulgação)Galaxy S II (Foto: Divulgação)

Software

Como um dos primeiros aparelhos a virem equipados com o Android na versão 2.3.3 "Gingerbread", o Galaxy S II conta com o que há de mais avançado no sistema operacional do Google para celulares. Há vantagens óbvias, como melhor carregamento de páginas no navegador e maior estabilidade, além de melhorias no Mapas e no Swype, recurso que permite "desenhar" no teclado virtual para conseguir a palavra desejada (e que está funcionando melhor do que nunca agora).

Outro ponto positivo é pela interface TouchWiz, que deixa o sistema bonito e com widgets funcionais na tela de início. Diferentemente do Galaxy S original, agora não há tanta a sensação de se tratar de um "iPhone cover". As soluções do Google, como o mecanismo de buscas, o Gtalk, o Gmail e o Android Market, são apresentadas na primeira tela, mas é possível personalizá-la e adicionar o que quiser.

Entre os softwares pré-instalados há o Hero of Sparta HD (um clone do God of War desenvolvido pela Gameloft), um aplicativo da Livraria Cultura (além de um e-reader da loja), o editor de documentos Polaris Office e os programas de sempre em se tratando de Samsung, como Social Hub e Samsung Apps. Ponto positivo vai para o Kies Air, que possibilita o acesso a arquivos e contatos do telefone por meio do navegador do computador, permitindo a transferência de arquivos sem a necessidade de cabos (desde que na mesma rede Wi-Fi).

Hardware

Com um processador dual-core com 1,2 GHz de velocidade, a Samsung afirma que o Galaxy S 2 é o mais rápido do mercado. Não dá para discordar, pois todas as aplicações testadas funcionaram de maneira fluida, sem sequer um engasgo notado durante o tempo que passamos com o aparelho. É uma performance nitidamente superior a qualquer Android no mercado, com apenas produtos mais novos como o Xperia Arc, da Sony Ericsson, chegando perto.

Galaxy S II press (Foto: Divulgação)Tela Super AMOLED Plus do Galaxy S II  (Foto: Divulgação)

Mas é a tela que vai fazer você literalmente salivar em alguma loja. Com a tecnologia Super AMOLED Plus (nome pomposo para a técnica proprietária da Samsung de promover alta densidade de pixels com grande contraste em um display de LEDs orgânicos), ela traz a resolução WVGA (480 x 800 pixels) em 4,3 polegadas. É muita coisa em um mercado dominado por displays em torno de 3 polegadas.

Aliás, além de grande, a tela é rápida: a resposta aos comandos touchscreen são tão imediatos quanto em qualquer iPhone. Pode parecer uma comparação desnecessária, mas o smartphone da Apple sempre esteve à frente nesse tempo de reação em comparação à concorrência. Mais um ponto positivo para a Samsung, que apostou nessa melhoria.

Outro avanço claro é que o Galaxy S 2 é o primeiro aparelho do país a já contar com suporte à rede HSPA+, também chamada comercialmente de 4G, capaz de velocidades de até 21 Mbps. Mesmo que ainda não tenhamos tal oferta no Brasil, prevista para ser disponibilizada ainda este ano, mostra o quanto o telefone já está preparado para novas tecnologias.

Vídeo

Com o Galaxy S II é possível reproduzir qualquer tipo de arquivo em MPEG4 H.264, H.263, WMV, DivX, Xvid e VC-1 na resolução até 1920 x 1080 pixels. Nada mal, principalmente para aproveitar a ótima tela do aparelho. Mas o melhor é poder gravar também em Full HD, com fluidez de 30 fps (quadros por segundo).

Confira no exemplo gravado abaixo, mas leve em consideração que houve pós-processamento na conversão para YouTube. As condições de luz eram baixas, mas há a possibilidade de gravar com o flash de LED ligado (não utilizado para não importunar a modelo da filmagem). É bom notar as nuances de preto, com detalhamento adequado. Mas o foco pode levar algum tempo, o que pode estragar algumas gravações.

Há algumas ressalvas, entretanto. O editor de vídeos é rudimentar, nada de especial. Outro problema foi com o aplicativo AllShare, que transforma o smartphone em um media hub para acesso remoto em outros produtos da Samsung. Nos testes com uma Smart TV, os vídeos apareceram com o formato .3GPP (baseado no MPEG4) e menos da metade conseguiu rodar - não pela conexão Wi-Fi, mas por uma suposta "falta de compatibilidade". Interessante notar que, no computador, os mesmos arquivos são exibidos com a extensão MPEG4 mesmo.

Foto

Não é nada mal ter 8 megapixels com flash LED, mas tenha em mente que é preciso posar pacientemente bem para a foto. Isso porque o disparador é tão demorado (até cerca de 3 segundos) que momentos rápidos, como registrar uma brincadeira de uma gata, acabam ficando impraticáveis e só vão gerar frustração. Além disso, há certa dificuldade em conseguir estabilizar o foco mais uma vez.

Câmera Galaxy S II (Foto: Bruno do Amaral)Foto tirada no Galaxy S II (Foto: Bruno do Amaral)

Caso consiga modelos mais calmos, a imagem sai realmente com ótima qualidade. Há alguns efeitos para quem gosta de fotos do tipo do Instagram. O zoom digital, como em qualquer aparelho, é desnecessário. Nada que estrague a boa qualidade da lente.

Design

Fino (com 8,5 mm de espessura) e elegante, o aparelho é imbatível no visual. Muito melhor do que o Galaxy S, o novo smartphone conseguiu se diferenciar mais do iPhone. Apesar de poder aparentar pouca rigidez, o corpo dele tem bom acabamento. Mas o grande destaque vai para o seu peso, com apenas 116 g. Isso é notável com ele nas mãos.

Ainda assim, é de se surpreender que, mesmo com a tela de 4,3 polegadas, o aparelho não parece um monstro. Cabe no bolso e chega a ser menos chamativo do que o modelo anterior. Além disso, possui uma textura e elevação na tampa traseira, o que é agradável quando está realizando ligações.

Adicionais

A grande ausência fica por conta da falta da TV digital, disponível na primeira versão do Galaxy S original. A explicação da Samsung é que não haveria tempo de incluir a função para lançamento do Galaxy S 2 simultâneo com outros países. Mas também, se for para ter a qualidade do padrão 1-seg brasileiro em uma tela com tamanha qualidade (na qual daria para perceber a baixíssima resolução), talvez tenha sido uma boa opção.

Há também uma câmera frontal para chamadas em vídeo, algo muito útil para aplicativos como Skype. Mas com 2 megapixels, também dá para realizar algumas fotos básicas ou mesmo vídeos mais narcisistas. Outra boa adição é a inclusão da conectividade Bluetooth 3.0, além do Wi-Fi até a banda "n" para quem tem conexões mais velozes.

A bateria de 1650 mAh é boa, mas o desempenho não é surpreendente. Em média, aguenta por volta de 7 horas, mas pode ser menos dependendo da quantidade de informações push que o usuário utiliza. Outro grande devorador de energia é o uso do 3G - e, imaginamos, também o 4G, quando estiver disponível.

Custo-benefício

Como é de se esperar, para ter toda essa tecnologia de ponta, o consumidor acaba precisando desembolsar uma grande quantia. O Samsung Galaxy S II de 16 GB (única opção por enquanto) sai por R$ 1.999 nas principais operadoras - mais caro do que o Xperia Arc (R$ 1.699) e o próprio iPhone 4 (R$ 1.799 no modelo pré-pago com a mesma capacidade de armazenamento). Vale a pena se você realmente estiver disposto a ser um early-adopter e quer contar com a plataforma mais avançada antes de todo mundo.

Se achar muito caro, saiba que o primeiro modelo, lançado em 2010, deverá ganhar atualização do Android, também passando a oferecer o Gingerbread. Não há nada confirmado, mas os executivos da Samsung deram a entender que poderão oferecer, então, um preço competitivo para esse smartphone, equiparando-o talvez ao iPhone 3GS por R$ 1.000. Vale lembrar, isso não é oficial.

Ficha técnica

Tela 4,3 polegadas Super AMOLED Plus
Resolução de tela 480 x 800 pixels
Sistema Operacional Android 2.3.3
Rede HSPA+ 21 Mbps (4G) /HSUPA 5.76 Mbps (3G) /EDGE (2G)
Armazenamento 16 GB interno, expansível até 32 GB via microSD
Câmera Frontal 2 megapixels, traseira 8 megapixels
Flash Sim (LED)
Conectividade Wi-Fi a/b/g/n, Bluetooth 3.0, USB 2.0
Sincroniza com PC Sim
Dimensões 125,3 x 66,1 x 8,49 mm
Peso 116 g
Bateria 1650 mAh
Itens inclusos Manual, fonte, cabo USB

Nota TechTudo

NOTA tt
9.0
Design
9
Desempenho
10
Custo-benefí­cio
8

Prós

  • * Tela grande e bonita.
  • * Processador rápido.
  • * Android mais atual.

Contras

  • * Disparo lento de fotos.
  • * Preço elevado.
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Marcos Mattos
    2014-05-04T14:00:47

    Tive uma experiencia terrível com esse celular, pois com 1 mes de uso a câmera principal simplesmente parou de funcionar, e para ativar a frontal demorava bastante por conta dos travamentos. Alem disso, frequentemente o Wi-Fi quando era ativado nao ligava, e eu tinha que reiniciar o celular, assim como ocorria interferencia no som de algumas musicas, só parava quando eu reiniciava. Ainda assim, eu gostava dele, mas acabei sendo furtado. Bom aparelho, mas tive muito azar com ele e nao quero ter de novo.

  • Fernando
    2012-02-18T11:47:56

    ainda prefiro o galaxy note que é mais rapido mais o galaxy ainda é o bam bam bam

  • Marcus Castro
    2012-02-01T21:51:48

    A tela de 4.3" é simplesmente incrível, o contraste é inacreditável. Nunca vi um preto tão profundo na minha vida e cores tão vibrantes, e olha que sou perfeccionista. É divertido ver as pessoas "babando". Comprei em setembro na Fast por R$ 1.616, e como bem disseram, valeu cada centavo. • Liberdade total para instalar o que quiser e usar como quiser. • Bateria cambiável. Dependendo do uso, a minha dura até dois dias. • Teclado SWYPE, muito rápido e preciso. • Bluetooth compatível com todos os dispositivos existentes (exceto os da Apple, claro!) • Sincronização aberta. Simplesmente perfeito!

  • HILSON LIMA
    2012-01-31T17:56:33

    Um espetaculo, pode comprar vale o dinheiro investido, tem muito recurso além de ser rapido nas respostas.

  • Paulo Evangelista
    2011-12-28T18:54:30

    Vale cada centavo investido!!!! Quem tem não sabe como viveu antes sem tê-lo!!!!

  • Marcos Igaki
    2011-09-16T16:49:37

    o custo dele esta muito mais baixo que o Iphone 4

  • Ricardo Gaefke
    2011-09-16T15:26:16

    O melhor aparelho que já tive! Incrível. Talvez devido a alguma atualização, a câmera tem disparo imediato, sem o problema da demora. Recomendo.

  • Felipe Silva
    2011-08-12T01:34:34

    agora ele esta mais barato que o iphone 4 msm sendo 2vezes mais rapido ,agora vc pode aumenta o custo beneficio dele.

  • Dante Jorge
    2011-08-09T17:59:08

    Tenho o aparelho e não acho q o custo benefício mereça nota 7. Para ter esse aparelho é necessário ter plano de dados e uma conta, com isso o preço do aparelho cai mais do que a metade. O resto da avaliação é precisa.

  • Gustavo Luz
    2011-08-09T09:28:08

    nice

  • Pablo Alves
    2012-03-29T11:06:48  

    Verifiquei em alguns sites que o Galaxy SII não possui Gorilla Glass, alguém consegue me dizer se essa informação procede?

    recentes

    populares

    • Pablo Alves
      2012-03-29T11:06:48  

      Acho que o Gorilla Glass só tem nos da motorola

  • Wesley Silva
    2012-08-09T19:00:42  

    Alguém saberia me informar quanto de memória RAM o Galaxy SII possui?

    recentes

    populares

    • Wesley Silva
      2012-08-09T19:00:42  

      1GB