Jogos simuladores

NOTA tt
7.0

Review The Sims 3: Into the Future

Custando cerca de US$ 40 nova expansão não oferece muito mais do que móveis e meios de locomoção futuristas.

Felipe Velloso
por
em

The Sims 3: Into the Future é a décima primeira e última expansão para o grande sucesso da franquia. Seu principal destaque é permitir que os seus sims viajem para o futuro, que é sempre afetado pelas ações de seus personagens no presente. Além do novo cenário e novas mecânicas, esta expansão também adiciona uma dezenas de itens novos para modernizar o lar dos seus personagens favoritos. Confira o review abaixo.

The Sims 3: Into the Future (Foto: Divulgação)The Sims 3: Into the Future (Foto: Divulgação)

Ainda assim, existe muita pouca inovação para se trazer quando se atinge a décima primeira expansão  e este ainda é o mesmo The Sims 3, com mecânicas e jogabilidade igual e poucas mudanças realmente significativas.

O que há de novo?

O cenário futurista que o Sim poderá visitar desde o início do jogo ao atravessar um portal dimensional se chama Oasis, ele está sempre mudando de aparência de acordo com os acontecimentos do seu jogo durante o presente. Entre os futuros possíveis existe um “normal”, onde existe apenas uma progressão tecnológica, um futuro perfeito, onde todos são felizes e tudo se apresenta de uma maneira melhor ou um distópico mundo pós-apocalíptico sujo e destruído.

O problema com Oasis é a sua má execução. As mudanças prometidas são apenas cosméticas, e o futuro paradisíaco possui os mesmos prédios e os mesmos sims da distopia pós-apocalíptica, a diferença fica na sujeira no cenário ruim e outros elementos menores e irrelevantes. Ou seja, apesar de acrescentar um cenário novo “Into the Future” peca por não criar um elemento relevante em termos de jogabilidade para ele.

Os robôs são uma das coisas mais legais desta expansão (Foto: Divulgação)Os robôs são uma das coisas mais legais desta expansão (Foto: Divulgação)

Nova mecânica e novos itens

A nova mecânica inserida nesta expansão fica por conta do sistema de descendentes, com ele você poderá avaliar toda a linhagem do seu personagem e determinar como ela agirá, quais gostos, maneirismos e traços da personalidade do seu personagem irão ser passados adiante pela sua descendência

Por fim, como é a norma de todas as expansões da série The Sims, esta também nos traz uma nova leva de itens para “revolucionar” a aparência da sua casa todos inspirados em temas futuristas. O primeiro item que chama a atenção é o jetpack, que facilita muito a locomoção do seu personagem, outras formas novas de locomoção incluem carros e skates voadores inspirados diretamente em “De volta para o futuro”. O problema é que apesar de serem adições divertidas, é muito difícil justificar o preço de 40 dólares desta expansão para conseguir mais mobília virtual.

Oasis pode ser um paraíso na terra (Foto: Divulgação)Oasis pode ser um paraíso na terra (Foto: Divulgação)

Talvez o único destaque novo de Into the Future sejam os robôs, que agora podem ser tornar autômatos, conhecer outros seres mecânicos semelhantes e até ter robozinhos. Isso é bem interessante, pois frequentemente o futuro parece mais povoado de robôs do que de pessoas.

Conclusão

The Sims 3: Into the Future não acrescenta muito e só deve ser comprado por fãs apaixonados pela série. A promessa de visitar um futuro decidido pelas escolhas do seu sim é uma mentira boba que mostra que o seu personagem não influencia de verdade o mundo, fazendo transformações cosméticas entre três futuros possíveis. O que resta nesta expansão é mais um novo pacote de itens, que apesar de interessantes, não valem o preço pedido pela EA.

Qual a melhor expansão para The Sims 3? Opine no Fórum do TechTudo.

Nota TechTudo

NOTA tt
7.0
Gráficos
7
Jogabilidade
8
Diversão
7
Som
8

Prós

  • - Meios de transporte do futuro
  • - Robôs com personalidade
  • - Referências a clássicos Sci-Fi

Contras

  • - O futuro não pode ser alterado
  • - Muito caro para o que oferece
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares