Smartwatches

NOTA tt
7.3

Review Smartwatch 3

O Sony SmartWatch 3 chegou em 2015 no Brasil e, embora não tenha muitos concorrentes por aqui, já se mostrou mais caro que alguns rivais populares no país.

Marlon Câmara
por
em

O Sony SmartWatch 3 é uma das não muitas opções de relógios inteligentes disponíveis no Brasil. Contando com o sistema Android Wear, desenvolvido pelo Google, o aparelho tem várias limitações por um motivo simples: os smartwatches em geral ainda têm uma grande carência de funções realmente relevantes para o usuário. Porém, se o dispositivo é exatamente o que você quer ter, confira as vantagens e os defeitos que o modelo da Sony vai te apresentar.

Sete vantagens dos relógios com Android Wear sobre o Apple Watch

Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Design

Na questão do desenho, o SmartWatch 3 pode dividir opiniões. Seu formato é bem sóbrio e reto, com corpo praticamente todo preto e feito de plástico, até semelhante ao Gear da Samsung. Para quem procura algo neste estilo, ele deve parecer agradável de se olhar. E, de fato, ele não chega a ser feio, embora seja bem menos "ousado" que outros modelos disponíveis no mercado, como o Moto 360, por exemplo. No pulso, ele se encaixa com harmonia e sem parecer um "tijolão".

Porém, se falar de aparência pode ser relativo, a questão de conforto é algo bem mais fácil de perceber. E o relógio da Sony deixa muito a desejar nesse quesito. A pulseira que acompanha o modelo, feita de couro, é extremamente rígida e adere muito mal ao formato do pulso, causando até dor com uso frequente. Além disso, por não ser muito flexível, ela ainda fica muito marcada por dentro conforme é "forçada" a ficar na forma do braço.

Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Quais as vantagens de um smartwatch? Confira no Fórum do TechTudo

Outro ponto estranho é a entrada para o carregador. A porta para a conexão USB fica na parte de trás do aparelho, ou seja, virada para o pulso quando se usa. Isso quer dizer que você precisa tirar o relógio, abrir a tampa que é bastante incômoda e deixar o dispositivo carregando em uma posição bastante torta. Isso impede um pouco que você consiga utilizar o smartwatch da Sony no dia a dia como se fosse um relógio comum. Outros modelos, como o próprio Moto 360, trazem um carregador por contato, que é bem mais prático.

A usabilidade do smartwatch, no entanto, não é atrapalhada pelo design esquisito. A tela fica bem posicionada, tem um formato retangular interessante e tem um tamanho suficiente para se usar as funções mais básicas. Além disso, seu peso de 38 g não incomoda no pulso, é até bem leve para um relógio "smart".

Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Tela

A telinha de 1,6 polegadas é ideal para as tarefas que se pode desempenhar no dia a dia, como conferir conversas no WhatsApp, ler e-mails e ver relatórios de passos ou cronômetro, por exemplo. Mas para quem quer usar o relógio para jogar ou qualquer outra função que exija toque na tela, pode esquecer: a não ser que o usuário tenha dedos bem pequenos, fazer qualquer movimento que não seja arrastar para cima e para os lados é bem difícil. Primeiro porque o dedo ocupa praticamente todo o display de uma vez só, depois porque a resposta para múltiplos comandos é bem lenta às vezes.

A resolução também não é nenhum primor no relógio da Sony. A definição de 320 x 320 pixels do display te dá imagens fáceis de ver, mas sem qualquer qualidade. É possível, inclusive, visualizar os vários pixels da tela a qualquer momento. Mas como o aparelho não é lá feito para visualizar fotos (embora seja possível fazê-lo), vídeos ou jogar games com gráficos de ponta, realmente não necessita de nenhuma tela primorosa.

Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Desempenho

O smartwatch também não é uma referência em velocidade e funcionamento em alto nível. Ele dificilmente trava ou apresenta problemas no uso rotineiro, mas se você for jogar um game que exija diversos toques na tela, por exemplo, vai ver que ele pode não responder a alguns. Ainda assim, durante os testes ele não teve nenhum problema para abrir aplicativos ou funcionalidades mais básicas.

O relógio da Sony é todo controlado por meio da tela, com um único botão na lateral que serve basicamente para sair dos aplicativos e para ligar o aparelho - por sinal, o botão às vezes parece meio molenga e demora para responder. De resto, tanto o Bluetooth, conectando o smartwatch ao celular, como o NFC, respondem rapidamente e com perfeição. Em todo o tempo em que foi testado, nenhuma vez houve qualquer falha nas conexões, o Wi-Fi também funcionando com rapidez.

Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Funcionalidades

Como já foi dito anteriormente, as funções de um relógio inteligente hoje em dia ainda são  limitadas. Embora já existam diversos apps de grande porte para o formato, a grande maioria se limita a abrir o programa no seu smartphone - o que, convenhamos, podemos fazer nós mesmos pelo próprio celular, sem a necessidade de um relógio no pulso -, além de mostrar notificações do seu telefone.

As utilidades básicas mais interessantes observadas durante os testes foram a possibilidade de ler mensagens e e-mails (embora só seja possível respondê-las por comandos de voz, o que é bastante complicado em algumas situações), poder encontrar o seu celular perdido com um chamado sonoro, programar seu despertador no pulso e ligar a lanterna do smartphone remotamente.

Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Além disso, entre as funções de fábrica, o aparelho ainda pode contar seus passos (com um interessante relatório semanal de passos dados), mostrar a previsão do tempo, contar o tempo por meio do cronômetro e, claro, acessar o Google e o Maps. Outra função bacana é a de controlar o áudio do smartphone enquanto escuta alguma música (assim, fica mais agradável usar um fone bluetooth com o celular e poder deixá-lo dentro da mochila, por exemplo).

Mais funcionalidades legais que podem ser "acrescentadas" ao dispositivo por meio de aplicativos externos, disponíveis no Google Play. Entre algumas bem úteis estão a capacidade de tirar fotos com o celular de longe (acessando somente a tela do relógio), gravar áudios de maneira bem prática e outros mais específicos, como um assistente para jogos de golfe. O jeito é explorar para encontrar novas utilidades que combinem com cada usuário.

Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Vale lembrar também que o modelo possui 4 GB para armazenamento de arquivos, embora durante os testes não foram encontradas grandes utilidades para o espaço - muito porque o dispositivo é totalmente ligado ao seu smartphone, que normalmente já trás suas fotos e músicas, por exemplo. Além disso, ele conta com um GPS embutido, algo que pode ser útil, principalmente para usar o Google Maps no aparelhinho, mas não é lá tão essencial, visto que seu celular também conta com um, e é mais prático de usar.

O Smartwatch 3 ainda possui uma variedade razoável de telas para você personalizar a cara do seu relógio. Pode-se optar por um modelo de ponteiros mais "sério", outros com cara de relógios espaciais, além das versões digitais, que também têm uma boa quantidade de variações.

Também existem alguns joguinhos bacanas para o aparelho, embora nenhum deles tenha demonstrado uma jogabilidade realmente legal no modelo da Sony. O "Space Invaders" e o "Wear Orbits" foram dois dos mais interessantes encontrados.

Uma outra grande vantagem que deve ser citada sobre o aparelho é o fato de ele ser à prova d'água. Se você quer um relógio inteligente para usar no dia a dia como se fosse um "comum", é algo básico poder tomar banho ou lavar as mãos sem precisar tirá-lo. O aparelho consegue imergir até 1,5 metros de água por 30 minutos. Além disso, ele possui uma proteção à poeira, que também é útil. Uma coisa que você não vai precisar fazer é se preocupar com a vida do seu dispositivo.

Bateria

"Agora vou poder usar um aparelho smart como relógio e ficar conectado o tempo inteiro". Se você acha isso quando pensa em um relógio inteligente, saiba que não é bem verdade. Embora já tenha sido dito que o modelo da Sony resiste bem às tarefas do dia a dia, os smartwatches ainda precisam evoluir bastante no quesito bateria, e o modelo em questão não é excessão.

Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Sony Smartwatch 3 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)

Com 420 mAh, o aparelho dura menos ligado do que se pode esperar. Embora a fabricante prometa 2 dias de "uso normal", nos testes, quando o relógio foi usado com grande frequência, a bateria chegou a esgotar antes do fim do dia, em cerca de 20 horas. A média é de um pouco mais de 24 horas ligado, mas ter que carregar um relógio com essa frequência é algo bem incômodo. As chances do dispositivo te deixar na mão são grandes, e com isso você não vai poder nem fazer uma função simples como ver as horas...

Custo benefício

O Sony Smartwatch 3 é difícil de ser encontrado, estando esgotado em boa parte das grandes lojas e até no site oficial da Sony. Porém, se você deseja ir à caça do modelo, é bom se preparar: seu preço padrão é de salgados R$ 1.299. Como comparação, o também badalado Moto 360 sai hoje por R$ 1.099 e é bem mais fácil de ser encontrado.

Além disso, antes mesmo de comparar o preço com outros modelos semelhantes, é bom ter certeza se você quer mesmo gastar tanto dinheiro em um relógio inteligente. Com utilidades ainda limitadas, os dispositivos precisam evoluir bastante antes de serem algo essencial para nossas vidas. Mas se você insiste em ter um smartwatch, o aparelho da Sony pode ser uma boa opção, mesmo com tantos problemas: afinal, não são tantos os modelos disponíveis no Brasil atualmente, e todos são semelhantes.

Tabela de especificações técnicas do Sony Smartwatch 3 (Foto: Arte/TechTudo)Tabela de especificações técnicas do Sony Smartwatch 3 (Foto: Arte/TechTudo)

Nota TechTudo

NOTA tt
7.3
Design
6
Desempenho
8
Tela
8
Câmera
0
Custo-benefí­cio
7

Prós

  • Roda bem apps e funções
  • Tem diversas personalizações
  • Conecta facilmente com o celular
  • Parece leve no pulso

Contras

  • Pulseira desconfortável
  • Difícil de recarregar
  • Bateria dura pouco
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Marcelo Pacheco
    2015-07-20T11:07:04

    Pior que o Moto360, hein...