Jogos de aventura

NOTA tt
9.0

Review Stick it to The Man

Confira a nossa análise de Stick It To the Man!, o game que mistura plataforma e puzzle.

Murilo Molina
por
em

Stick It To the Man! é um jogo de plataforma com elementos de puzzle desenvolvido pela Ripstone Games. Lançado para diversas plataformas, o game combina ótima jogabilidade, visual carismático e desafios inteligente, tudo isso sem perder uma piada. Confira a nossa a análise completa.

Leia o review do Playstation 4

Review Stick It To the Man! (Foto: Divulgação)Review Stick It To the Man! (Foto: Divulgação)


Simples e diferente

Em seus primeiros minutos, Stick It To the Man! não parece ser muito mais do que as dezenas de games de plataforma genéricos lançados todos os anos, para as mais diversas plataformas. No jogo, você controla Ray, que após uma misteriosa pancada na cabeça, descobre novos e hilariantes poderes.

A partir daí, é fácil reparar que o jogo de fato tem algo diferente a oferecer. Após o incidente o personagem ganha uma espécie de terceiro braço espiritual, que fica preso diretamente à sua cabeça. O novo membro poder ser usado tanto para se prender em objetos mais altos do cenário, quanto para ler pensamentos dos personagens.

Ray e sua nova habilidade (Foto: Divulgação)Ray e sua nova habilidade (Foto: Divulgação)


Explorando e colando

A história do jogo é contada em um total de dez cenários, que seguem mais ou menos o padrão de games como Metroid e Castlevania, com liberdade de exploração vertical e horizontal de seu espaço.

Além de se pendurar em ganchos e batentes flutuantes e escapar de agentes do governo, enfermeiros e policiais, Ray tem como objetivo principal solucionar uma série de puzzles espalhados pelos mapas.

As charadas vêm em formato de adesivos, que precisam ser encontrados e colados nos determinados personagens. Em geral tratam-se de objetos ou partes do corpo, que ajudam (ou atrapalham) os NPCs em alguma tarefa. Alguns exemplos são o rapaz que precisa de dentes novos para reconquistar sua namoradas, ou o fantasma que teve as pernas decepadas e precisa de novos membros para “seguir o seu caminho”.

Os puzzles são resolvidos com adesivos encontrados no cenário (Foto: Divulgação)Os puzzles são resolvidos com adesivos encontrados no cenário (Foto: Divulgação)


Clima singular

A mecânica de quebra-cabeças é tremendamente interessante, lembrando um pouco o padrão visto em Scribblenauts, onde é necessário interpretar as necessidades dos personagens. Em Stick It To the Man!, entretanto, as evidências podem ser encontradas ao ler os pensamentos dos bonecos.

O que chama a atenção é qualidade dos textos, que além de criarem enigmas inteligentíssimos, ainda adicionam uma dose cavalar de humor ao clima do game. As piadas em momento algum parecem forçadas, criando um carisma singular aos personagens e o enredo em si.

O humor de qualidade vem fundido a um clima sombrio, que por diversas vezes lembra a obra de Tim Burton. O estilo abre espaço para uma temática mais pesada e uma leva de piadas de humor negro que não encontram dificuldades em se adaptar perfeitamente ao game.

O nível de dificuldade é baixo no final, e dá um salto um pouco abrupto demais da metade para a frente, chegando a assustar um pouco. O efeito do sensível aumento no desafio deve ser especialmente cruel com jogadores menos experientes.

A mistura de influência criou um clima bacana para o game (Foto: Divulgação)A mistura de influência criou um clima bacana para o game (Foto: Divulgação)


Recortes de bom gosto

A parte visual de Stick It To the Man! é certamente um de seus maiores pontos fortes. Seguindo um padrão que lembra os jogos Paper Mario, o game abusa de de profundidade do cenário e cortes contrastantes.

Os desenhos estilosos também têm uma aparência única, assim como os cenários, que retratam diferentes ambientes no melhor estilo “recorte de papel”. Por não contar com efeitos muito avançados, toda a ação roda suavemente, com raríssimas quedas na taxa de frames por segundo.

O áudio das fases é discreto, com músicas que fazem um bom trabalho ao casar o climão com o visual e a ação. O trabalho de dublagem, por sua vez, está bem acima da média, especialmente para um game que passa longe de ser um blockbuster.

As dezenas de personagens contam com vozes caprichadas, apesar das poucas frases. Sotaques, trejeitos e piadas são reproduzidos com uma qualidade impressionante. Destaque também para o protagonista.

Gráficos e audio de qualidade são pontos fortes do game (Foto: Divulgação)Gráficos e audio de qualidade são pontos fortes do game (Foto: Divulgação)


Conclusão

Stick It To the Man! é um ótimo exemplo de que jogos menores também podem ser tão ambiciosos e incríveis quanto obras de porte maior. Com visual de primeira, dublagem de qualidade e mecânicas interessantes, é obrigatório para jogadores que têm o mínimo de afinidade com o estilo.


Qual o seu jogo indie favorito?
Opine no Fórum do TechTudo.

Nota TechTudo

NOTA tt
9.0
Gráficos
9
Jogabilidade
9
Diversão
9
Som
9

Prós

  • - Ótimos gráficos
  • - Jogabilidade acertada
  • - Mecânicas inteligentes e criativas
  • - Dublagem de primeira

Contras

  • - Dificuldade instável
  • - Um pouco curto
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Pedro
    2014-05-13T09:57:15

    Peguei ele de graça na Plus pro PS4, jogo curto e fácil, mas muito divertido. Não achei que a dificuldade dê um salto grande da metade pra frente. Recomendo.