Jogos de aventura

NOTA tt
9.0

Review Uncharted 2: Among Thieves

A exploração é um tema levado a sério desde o início dos games, com Pitfall. E isso aconteceu em 1982, quando o jogador tinha de mover o explorador Pitfall Harry em meio a pântanos, com direito a pulos em cordas e perigos como crocodilos no caminho. Mas nos games, quem levou a fama mais tarde foi a heroína Lara Croft, que chegou até a ganhar um filme com a estrela Angelina Jolie no papel principal.

Flavio Croffi
por
em

Nome: Uncharted 2: Among Thieves
Gênero: Aventura
Distribuidora: Sony Entertainment
Plataformas: PlayStation 3

Uncharted 2: Among Thieves (Foto: Divulgação)Uncharted 2: Among Thieves (Foto: Divulgação)

A exploração é um tema levado a sério desde o início dos games, com Pitfall. E isso aconteceu em 1982, quando o jogador tinha de mover o explorador Pitfall Harry em meio a pântanos, com direito a pulos em cordas e perigos como crocodilos no caminho. Mas nos games, quem levou a fama mais tarde foi a heroína Lara Croft, que chegou até a ganhar um filme com a estrela Angelina Jolie no papel principal.

Passado alguns bons anos, em 2007, a Naughty Dog lançou em uma estratégia arriscada o Uncharted: Drake’s Fortune para PlayStation 3. O jogo, que é exclusivo do console, fez um grande sucesso ao oferecer aventura e imersão na medida certa, até ganhar a sua sequência, Uncharted 2: Among Thieves, consagrando a série como um dos grandes destaques do console da Sony.

O segundo capítulo de Uncharted traz uma experiência única e completamente atraente do começo ao final. Trata-se de um roteiro que não perde em nada dos filmes de Hollywood, cheio de personagens hilários e marcantes, dentro de uma aventura que hora foca na ação, hora em quebra-cabeças.

O protagonista Nathan Drake, em primeiro plano, com Sully e Chloe atrás (Foto: Divulgação)O protagonista Nathan Drake, em primeiro plano, com Sully e Chloe atrás (Foto: Divulgação)

Um Nathan ainda palhaço, mas mais maduro

A primeira coisa que notamos em relação ao primeiro título é que Nathan Drake é um homem mais maduro. Como o título se passa alguns anos após a primeira aventura, o personagem parece estar mais experiente e com o humor ainda mais afiado. E isso o faz entrar de cabeça em uma história cheia de reviravoltas enquanto ele busca uma pedra chamada Chitamani.

Uncharted 2: Among Thieves (Foto: Divulgação)Uncharted 2: Among Thieves (Foto: Divulgação)

E assim como seu personagem principal, o jogo em si também amadureceu. Diversos problemas encontrado em Drake’s Fortune foram corrigidos. Além disso, Among Thieves apresenta um dos melhores gráficos já vistos nesta geração. Desde os cenários especialmente detalhados, até a modelagem dos personagens, animações e os admiráveis cutscenes que fazem o jogador se aproximar cada vez mais dos personagens e da história.

Entre escaladas em ambientações extremas, cenários abertos que esbanjam beleza e a ação lotada de perigo, Nathan Drake se depara com diversas situações de surpresa e risco. Isso inclusive faz com que ações inesperadas sejam tomadas pelo protagonista, fazendo com que o jogador se surpreenda durante a ação. Os combates estão ainda mais realistas, já que Drake, além de usar armas como metralhadoras, shotguns e até bazucas, pode lutar corpo a corpo com os inimigos. Basta usar o quadrado como botão de ataque e o triângulo para desviar das pancadas inimigas. Dependendo do local e de como Drake é alvejado e entra no combate, a animação é diferente, dando mais realismo à cena.

Uncharted 2: Among Thieves (Foto: Divulgação)Uncharted 2: Among Thieves (Foto: Divulgação)

E para quem gosta de pensar um pouco, entre alguns trechos da história, pancadas e tiroteios, há pequenos quebra-cabeças para serem solucionados. No entanto, nenhum deles oferece tanto desafio e servem apenas como uma variação da ação presente no jogo. O que funciona bem, já que não torna a aventura enjoativa.

Cadê os pontos negativos?

Enquanto jogava Uncharted 2: Among Thieves, não consegui notar nenhum ponto negativo realmente relevante, uma vez que uma vez começada a sua história, a vontade é de não parar mais até chegar ao seu final. Isso faz com que talvez o maior ponto negativo é que uma hora, queira ou não, você verá um final. Fora isso, há algumas pequenas falhas nas animações, como quando Drake pula de um canto para o outro, ou quando os controles se confundem um pouco na hora de procurar cobertura ou pular para desviar dos tiros.

São certamente pontos ínfimos em relação a qualidade geral do game. Fator que se alastra inclusive para a trilha musical e toda a parte de efeitos sonoros do título. Tanto as dublagens dos personagens, quanto os efeitos de explosões e armas, além das músicas que acompanham cenas de ação e de descobertas, são de extrema qualidade e ajudam a manter toda a profundidade do enredo.

Isso tudo levando em conta que Nathan Drake é um homem de extrema sorte e, ao mesmo tempo azar, chega a ser cômico assistir o quanto o personagem se dá mal, mas consegue se safar de tantas situações extremas.

Ação também com os amigos

Diferente de Uncharted: Drake’s Fortune, Uncharted 2 oferece um modo multiplayer para os jogadores. Opção que os coloca frente a frente em batalhas um contra ou outro, na busca de uma bandeira ou até em modo cooperativo para cumprir objetivos específicos. Neste modo é possível também utilizar todas as habilidades presentes no modo campanha. Significa que escaladas, manobras, encontrar o local certo para usar de cobertura podem ser decisivos em uma partida online.

Uncharted 2: Among Thieves (Foto: Divulgação)Uncharted 2: Among Thieves (Foto: Divulgação)

E para quem gosta de se desenvolver nos modos online, o game conta com um sistema de “Perks”, que são pequenas melhorias as quais são liberadas a cada nível conquistado. Esses que dão pequenos bônus para os jogadores durante as partidas.

Conclusão

Uncharted 2: Among Thieves é um jogo grandioso. Daqueles que valem a compra de um console, ou é obrigatório. A aventura representa uma dose cavalar de diversão, com descobrimentos, revelações, reviravoltas, romance, ação, explosões e mais uma pancada de itens que você encontra nos filmes mais legais de Hollywood. São tantas variações de cenários, com passagens pela neve, florestas, templos e até vagões em chamas, que prendem o jogador e fazem com que ele queira descobrir cada vez mais sobre a história e imaginar o que há mais pela frente.

Nota TechTudo

NOTA tt
9.0
Gráficos
10
Jogabilidade
9
Diversão
10
Som
9

Prós

  • - Excelentes gráficos e ambientação
  • - Narrativa que prende a atenção do jogador
  • - Combates divertidos e dinâmicos

Contras

  • - Algumas complicações na hora de procurar uma cobertura
  • - Ele segue o ditado de que “tudo que é bom, acabada rápido”
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Tiago Silva
    2015-09-17T17:02:52

    The last of us é melhor da Naughty Dogg

  • Antonio Araujo
    2012-05-16T17:53:56

    Esse jogo realmente é muito Bom. Vale a pena pra quem ainda não jogou, jogar o 1 depois 2 e o 3 que é o melhor de todos.

  • Wallace Torres
    2011-12-17T22:47:52

    esse povo do Xbox sonha, mas as vezes sonhos nao se tornan realidade, fiquem com seus poucos exclusivos que nois ficamos com os nossos -.-

  • Marcos Vinícios
    2011-11-09T11:22:29

    esse jogo poderia ser também pra xbox 360.

  • Gustavo Correa
    2011-10-31T15:00:02

    Olá Jurandir e Altieri, este game é exclusivo para Ps3

  • Altieri Pereira
    2011-10-31T00:17:03

    Jurandir, esse titulo é exclusivo para PS3

  • Jurandir
    2011-10-30T09:50:17

    TEM Uncharted 2 PARA PC?