Publicidade

Por Yuri Hildebrand; Por TechTudo

TechTudo

O novo XPS 13, notebook premium da Dell, está disponível para comprar no Brasil pelo preço oficial de R$ 9.218. Com especificações que justificam seu valor de mercado, o portátil concorre diretamente com algumas versões do MacBook Pro, tanto pelo design fino quanto pelo hardware poderoso. Trazendo processador Intel Core i7 de última geração e tela touchscreen 4K, o produto correspondeu bem aos testes e não apresentou muitas falhas.

O modelo é indicado para usuários que buscam um dispositivo multiuso, que possa ser usado tanto para trabalhar quanto para assistir a filmes e vídeos. Confira, no review do TechTudo, a análise de desempenho e de funcionalidades do laptop da Dell e saiba se ele é uma boa opção para você.

Quer comprar um notebook barato? Encontre os melhores preços no Compare TechTudo

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

Com acabamento fino, o notebook está disponível no mercado nacional em duas cores: cinza ou rosé. Segundo a fabricante, o modelo é feito a partir de um bloco único de alumínio, dando mais resistência ao conjunto. Isso pode influenciar no peso do portátil, que, com 1,21 kg, está um pouco acima de outro notebook premium testado pelo TechTudo, o LG Prime 2018, que tem 1 kg.

De qualquer forma, o laptop é considerado o “menor notebook de 13 polegadas do mundo”, de acordo com um relatório da Principled Technologies. Suas dimensões são 30,2 x 1,16 x 19,9 cm (L x A x P), cabendo em qualquer mochila e bolsa para transporte.

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

O apoio para as mãos do portátil tem um acabamento em fibra de vidro trançada, dando maior aderência na hora de digitar. A disposição das teclas, por sua vez, podem causar certo desconforto em um primeiro momento. O padrão norte-americano precisa ser configurado para funcionar da melhor maneira para usuários brasileiros, já que a disposição das teclas não é pensada para o português. Apesar disso, alguns dias de uso devem ser o suficiente para você se acostumar.

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

Outro destaque interessante do design é a presença de três portas USB-C, padrão encontrado no carregador do notebook. Dessa forma, é possível conectá-lo em ambos os lados. Apesar das vantagens com relação à velocidade de recarga e de transmissão de dados, a ausência de uma entrada HDMI padrão dificulta na hora de ligar o notebook a outro monitor. Para contornar o problema, é necessário comprar um adaptador, o que pode desagradar alguns usuários. O portátil também traz entrada 3,5 mm para fone de ouvido e leitor de cartões microSD.

Os dois speakers do computador têm, somados, 2 Watts RMS e ficam posicionados nas laterais, trazendo qualidade de som suficiente. Entretanto, os fracos graves são facilmente sobrepostos pelos médios e agudos das músicas. Para pessoas mais exigentes ou que trabalhem com som, é mais indicado utilizar um headphone ou caixa de som com melhores especificações. Mas, para quem vai utilizar o modelo para assistir a filmes ou vídeos no dia a dia, o áudio funciona bem, apresentando inclusive certa nitidez.

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

Com relação à imagem, pode-se considerar que a Dell acertou em cheio. O trunfo do produto, sua tela UHD de 13,3 polegadas, apresenta as melhores imagens possíveis. Os testes, feitos a partir de vídeos com resolução 4K, mostraram bastante qualidade na reprodução de cores, detalhes nítidos e profundidade intensa. As imagens escuras, por exemplo, não têm distorções, sendo possível, inclusive, reconhecer as diferentes camadas gravadas. A tecnologia HDR certamente influencia nessas definições de imagem, um dos pontos positivos do computador.

Outro destaque da tela é a função touchscreen. Funcionando de forma semelhante a um tablet, o modelo da Dell pode ajudar bastante na hora de apresentar trabalhos em PowerPoint, por exemplo, assim como durante a leitura de um texto em PDF, ou uma matéria online. O recurso também é interessante para desenhar e editar imagens, mas a falta de uma caneta pode ser um problema para uso profissional.

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

Os notebooks premium disponíveis no mercado costumam prometer diversas horas de duração da bateria. Com o XPS 13, não é diferente. No site oficial da fabricante, a expectativa para a bateria é de 19 horas para o modelo com especificações inferiores. Portanto, o esperado seria algo em torno de 10 horas, dadas as devidas proporções.

O resultado dos testes entregou aproximadamente 13 horas de funcionamento longe das tomadas, algo bastante positivo se levarmos em conta o tamanho do aparelho e sua ficha técnica. Para recarregar, basta plugar a ponta USB-C em uma das três entradas disponíveis, todas em Thunderbolt 3 para garantir maiores velocidades. Para chegar aos 100%, o portátil fica no máximo duas horas e meia plugado – desempenho ótimo para usuários com dia a dia agitado.

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

Uma dica para quem quiser comprar o notebook é evitar utilizá-lo quando estiver ligado à energia, principalmente se o aparelho estiver no colo. Sua parte de baixo esquenta bastante, e o sistema de resfriamento trabalha de forma barulhenta, dependendo do tipo de uso e do quanto se está exigindo da bateria.

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

As especificações do dispositivo trazem processador Intel Core i7 8550U, placa de vídeo integrada Intel UHD Graphics 620 e armazenamento de 256 GB em SSD. Além disso, o notebook tem memória RAM de 8 GB em DDR3, padrão ultrapassado pelo DDR4, mais atual, e já presente em alguns modelos premium à venda no Brasil. De qualquer forma, o computador tem operações rápidas, garantidas tanto pelo processador de última geração, quanto pela presença de um SSD em vez do tradicional HD.

O espaço disponível e a placa de vídeo, entretanto, podem representar um problema para quem quiser usar o computador para edição de vídeos e jogos. Isso porque os arquivos, em ambos os casos, são muito grandes e a parte gráfica é bastante exigida. De qualquer forma, testamos os programas de edição Photoshop e Premiere, da Adobe, que funcionaram de forma satisfatória. Caso o usuário disponha de um HD externo, por exemplo, essas configurações não devem ser um problema.

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

Para desbloquear o XPS 13, existem algumas opções. Além das tradicionais senha e PIN, o usuário pode logar no seu perfil do Windows por meio de digital e reconhecimento facial, o que torna a inicialização do sistema ainda mais rápida. Dessa forma, o computador pode ser configurado com alguns níveis de segurança, para evitar o uso de terceiros. É possível dificultar o acesso ao pedir senha ou PIN após a falha no destravamento físico.

É difícil pensar em pontos negativos que tenham de fato atrapalhado o uso do Dell XPS 13 durante os testes. O hardware não decepcionou, assim como a tela e sua resolução 4K, a bateria, o teclado, o design, entre outros. É possível apontar a falta de pelo menos uma entrada HDMI e Ethernet, conexões indispensáveis no dia a dia. Por sorte, não é algo impossível de resolver: basta comprar adaptadores. A conexão com a tecnologia Thunderbolt 3 promete até qualidade maior em comparação aos padrões tradicionais.

Além disso, o uso do notebook durante uma recarga também pode ser algo ruim, já que a base esquenta bastante – mas, mais uma vez, nada que prejudique a experiência.

XPS 13 2018 (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo) — Foto: TechTudo

Com relação ao custo-benefício, pode-se dizer que o computador está melhor que alguns concorrentes de peso. Um MacBook Pro com especificações semelhantes, por exemplo, custa em torno de R$ 13.299, sem Touch Bar e com processador i5 de sétima geração – inferior ao disponível no notebook da Dell. Outro concorrente de peso que pode desbancar o XPS 13 é o Style S51 Pro, da Samsung, que custa R$ 8.999 e tem proposta parecida, com diferenças na ficha técnica relativas à placa de vídeo, RAM e interfaces disponíveis.

O conjunto da obra é interessante e promete funcionar bem para diversos tipos de perfis, podendo ser desde um computador pessoal utilizado no dia a dia até um portátil profissional para ser usado no escritório, por exemplo. O preço está de acordo com o que apresenta, mas existem outras opções disponíveis no mercado brasileiro que podem agradar mais a determinados usuários, de acordo com as preferências de cada um.

Tabela

Processador  Intel Core i7 8550U
RAM  8 GB DDR3
Placa de Vídeo  Intel UHD Graphics 620
Armazenamento  256 GB SSD
Dimensões  30,2 x 1,16 x 19,9 cm (L x A x P)
Entradas  3 USB-C, P2 e leitor de cartões
Tamanho de Tela  13 polegadas
Resolução  4K UHD
Recursos  Touch Screen, leitor de digital, reconhecimento facial
 Sistema Operacional  Windows 10 Home

Como saber qual melhor notebook pra comprar? Veja no Fórum do TechTudo

9.5

Design
10
Funcionalidades
9
Desempenho
10
Custo-benefício
9

Prós

  • Ótima qualidade de imagem
  • Descanso para as mãos com aderência
  • Reconhecimento facial e leitor de digital
  • Design simples e fino

Contras

  • Teclado americano
  • Mais pesado que aparenta
  • Pouco espaço de armazenamento

Mais do TechTudo